Procuradora tenta anular nomeação de José Guerra no Tribunal de Justiça da UE

Paulo Vaz Henriques / Portugal.gov.pt

A ministra da Justiça, Francisca Van Dunem

A procuradora prejudicada no concurso para a Procuradoria Europeia avançou com uma ação no Tribunal de Justiça da União Europeia (UE), na semana passada, para contestar a nomeação de José Guerra.

De acordo com o semanário Expresso, a procuradora Ana Carla Almeida avançou com uma ação no Tribunal de Justiça da UE para tentar anular a nomeação de José Guerra como procurador europeu.

A magistrada já tinha feito queixa ao próprio Conselho da UE, cuja presidência rotativa está neste momento nas mãos de Portugal, e à provedora europeia de Justiça.



Apesar da pressão de alguns eurodeputados, o Governo português tem insistido que o caso está encerrado e o próprio Conselho da UE e os restantes Estados-membros tem afastado a hipótese de reavaliar a decisão.

Recorde-se que José Guerra foi o nome indicado por Portugal para ser nomeado para procurador europeu, apesar de o parecer de um painel europeu independente ter atribuído melhor classificação a Ana Carla Almeida.

A nota enviada pelos serviços do Ministério da Justiça para o Júri do Conselho Europeu para justificar a sua decisão continha lapsos e falsidades sobre o currículo do magistrado, situação que levou os partidos da oposição a pedir a demissão da ministra da Justiça, Francisca van Dunem.

Segundo o semanário, a ação junto do Tribunal de Justiça da UE contra a decisão do Conselho é já a segunda do género. Tal como a magistrada portuguesa, o candidato belga Jean-Michel Verelst conseguiu a melhor classificação, mas o cargo acabou por ser atribuído a outro candidato, tendo avançado com uma queixa semelhante.

ZAP //

 

PARTILHAR

RESPONDER

Ex-CEO da Groundforce admite hipótese de comprar a empresa

O ex-CEO da Groundforce, afastado do cargo em abril por "violação grave dos deveres de lealdade", não exclui a hipótese de vir a comprar a empresa de handling. Em declarações ao jornal online ECO, Paulo Neto …

Viatura onde seguia Eduardo Cabrita atropela uma pessoa na A6

Esta sexta-feira, um homem morreu após ter sido atropelado pelo automóvel em que seguia o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, num acidente na autoestrada A6. Numa nota enviada às redações, o Ministério da Administração Interna …

Portugal com mais 1.298 casos e quatro mortes

Esta sexta-feira, Portugal registou 1.298 novos casos e quatro mortes na sequência da infeção por covid-19. Segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), foram registados, nas últimas 24 horas, mais 1.298 casos e …

Parlamento aprova prorrogação das moratórias bancárias até final do ano

O alargamento aplica-se aos "particulares e para as empresas que desenvolvem a sua atividade em setores especialmente afetados pela pandemia de covid-19". O Parlamento aprovou, esta sexta-feira ,a prorrogação e alargamento das moratórias bancárias, que terminavam …

Tribunal belga obriga AstraZeneca a entregar 50 mihões de doses de vacina à UE

A AstraZeneca vai ter que entregar 50 milhões de doses da vacina para a covid-19 à União Europeia. A entrega deve ser efetuada até 27 de setembro. A justiça belga ordenou, esta sexta-feira, à farmacêutica …

"Dois terços dos problemas estão na Área Metropolitana de Lisboa", justifica Costa

O primeiro-ministro, António Costa, justificou esta sexta-feira a necessidade de tomar medidas localizadas em Lisboa para evitar que o agravamento da situação epidemiológica se alastre.  Em Bruges, na Bélgica, à margem da sessão de encerramento do …

CDS critica “enorme infelicidade” do Presidente e "comunicação desastrosa" do Governo

O CDS-PP criticou hoje as declarações do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, quando disse que no que depender dele não haverá "volta atrás" no desconfinamento, considerando-as de “uma enorme infelicidade”, lamentando também a …

Astronautas entraram pela primeira vez na nova estação espacial chinesa

Três astronautas chineses começaram, esta sexta-feira, a fazer da nova estação espacial da China o seu lar, um dia depois de ali terem chegado, num lançamento bem-sucedido, que marcou um novo avanço no ambicioso programa …

Homicida de Bruno Candé tinha plena consciência dos seus atos. MP quer 22 anos de prisão

Evaristo Marinho, o homicida de Bruno Candé, tinha plena consciência dos seus atos quando cometeu o crime, lê-se no relatório do Instituto Nacional de Medicina Legal. O Ministério Público quer 22 anos de prisão. O Ministério …

Pandemia deixa dezenas de bebés por registar, o que pode "potenciar o tráfico humano"

O encerramento do balcão "Nascer Cidadão", durante a fase mais crítica da pandemia, impediu o registo de bebés nascidos nessa altura. Citando fontes do Hospital de Faro, a rádio TSF avança que as campainhas de alarme …