Presidente da Volkswagen sabia da manipulação de emissões meses antes do “escândalo”

Volkswagen AG / Wikimedia

Martin Winterkorn, antigo CEO da Volkswagen

Martin Winterkorn, antigo CEO da Volkswagen

O antigo presidente da administração da Volkswagen, Martin Winterkorn, que se demitiu há mais de um ano devido ao escândalo associado aos motores a diesel manipulados, saberia da situação pelo menos dois meses antes do “escândalo”.

Segundo a edição de hoje do diário alemão “Bild”, que teve acesso a documentos confidenciais, Martin Winterkorn participou a 27 de julho de 2015 numa “reunião decisiva” em que se debateu qual seria o melhor momento para informar as autoridades norte-americanas sobre a manipulação das emissões de gases nocivos.

Um dos gráficos apresentados na reunião realizada na sede do construtor automóvel alemão, na cidade alemã de Wolfsburgo, e onde estiveram presentes quinze gestores de topo, referia-se à emissão de gases poluentes, sem serem filtrados, com o termo “modo acústico”.

O termo era utilizado internamente pela Volkswagen para se referir ao ‘software’ ilegal utilizado nos motores dos automóveis.

“Falámos do termo e de que se tinha instalado algo de ilegal nos nossos automóveis”, disse ao ‘Bild’ um dos participantes na reunião. Entre os gráficos discutidos na reunião havia um em que se previam duas estratégias diferentes para informar as autoridades norte-americanas.

Na primeira, havia uma opção “defensiva”, que passava por esperar pela aprovação de novos modelos para informar posteriormente, de forma parcial, as autoridades norte-americanas da manipulação, assumindo os riscos e multas elevadas, segundo escreve o diário alemão.

Na segunda, “a ofensiva”, baseava-se em assumir uma total transparência para com as autoridades e pagar multas menores, mas arriscando a autorização de novos modelos.

De acordo com os participantes questionados pelo ‘Bild’, a estratégia adotada pela VW foi “a ofensiva”, mas um dos administradores, Oliver Schmidt, detido este mês nos Estados Unidos por causa do escândalo da manipulação das emissões de gases nocivos, conseguiu mesmo “impor a sua posição”.

Este administrador conseguiu que fosse decidido optar por uma “informação parcial do problema” no caso dos motores Gen 1 e Gen 2.

A Volkswagen já aceitou declarar-se culpada e pagar mais 4,3 mil milhões de dólares (quatro mil milhões de euros) para encerrar os processos judiciais associados aos motores diesel manipulados.

Esta mistura de penalidades civis e criminais vai permitir ao grupo alemão escapar a um processo e soma-se aos 17,5 mil milhões de dólares que este gigante do automóvel já se comprometeu a pagar para cobrir os custos do escândalo, que apareceu à luz do dia em setembro de 2015, nos Estados Unidos (EUA).

O fabricante automóvel, que tem 12 marcas, reconheceu ter participado numa “conspiração” para enganar os clientes e as autoridades norte-americanas, mas também ter feito “obstrução à justiça”, ao destruir documentos para dissimular as suas ações.

No final de 2015, a VW reconheceu ter equipado 11 milhões das suas viaturas no mundo, das quais 600 mil nos EUA, com um programa informático que reduzia o nível real das emissões de gases nocivos quando estas eram controladas.

O Departamento de Justiça dos EUA garantiu que, nos próximos três anos, o grupo vai estar sob controlo apertado, terá de se submeter ao controlo de um auditor independente e aceitou “cooperar plenamente” com as autoridades para processar os empregados da VW implicados na fraude.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. O presidente da Volkswagen ter sabido com 2 meses de antecedência não é nada quando comparado com a inacção da Comissão Europeia…

    Segundo esta notícia de Outubro de 2015:
    http://www.tvi24.iol.pt/economia/automovel/volkswagen-venda-de-carros-nos-eua-sobe-apesar-do-escandalo
    tanto a Comissão Europeia como as respectivas autoridades dos Estados Unidos tiveram conhecimento de “irregularidades” 18 meses antes do escândalo rebentar. Nos Estados Unidos investigaram essas irregularidades mas a Comissão Europeia nada fez.

RESPONDER

"Estou envergonhada". Primeira invasora do Capitólio a ser julgada evita prisão

Um juiz federal proferiu esta quarta-feira a primeira sentença contra uma das pessoas acusadas de invadir o Capitólio dos Estados Unidos, mas a ré evitou a pena de prisão depois de expressar o seu arrependimento. A …

Arqueólogos encontram vestígios do vinho mais antigo do mundo na Grécia

Uma equipa de arqueólogos encontrou amostras de vinho no local arqueológico de Dikili Tash, no norte da Grécia. As evidências datam de há 4200 a.C e acredita-se que sejam os vestígios de vinho mais antigos …

Comunidade no céu. Um novo projeto irá ligar vários edifícios com pontes aéreas

As pontes aéreas que ligam edifícios não são uma novidade no mundo, mas agora poderão ganhar um novo destaque num projeto que será desenvolvido em Toronto. A empresa de arquitetura Safdie Architects irá desenvolver o projeto …

Crónica ZAP - Linha de Fundo por Teófilo Fernando

Linha de Fundo. Festival da Emoção

O Campeão da Europa continua a defender o título. A palpitante última jornada da fase de grupos. Mais recordes para Ronaldo. Quem joga contra quem nos oitavos-de-final. Visto da Linha de Fundo. Portugal 2 – …

Sergio Ramos terá pedido 50 milhões de euros ao AC Milan

Antigo capitão do Real Madrid procura clube. Paolo Maldini afastou-se da contratação do espanhol. Sergio Ramos não vai continuar no Real Madrid e, por isso, está à procura de uma "casa" nova, depois de ter estado …

Oposições criticam anúncios "pomposos” e gestão mediática do Governo

PSD, Bloco e PEV criticaram hoje a "gestão mediática" feita pelo Governo em relação ao Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), e o PCP considerou que este programa revela o "grau de submissão" de Portugal …

Paquistanesas querem melhores leis contra a violação. Primeiro-ministro diz para vestirem mais roupa

As mulheres paquistaneses pedem melhores leis contra a violação. Entretanto, o seu primeiro-ministro diz-lhes que têm de vestir mais roupa. O Paquistão tem uma taxa de condenação por violação de 0,3%, uma das mais baixas do …

Jogador admite: "Escrevi uma frase racista"

Danilo Avelar está fora dos relvados há muito tempo, começou a jogar mais online e foi expulso. Corinthians também deverá castigar o atleta. Danilo Avelar não joga desde outubro de 2020 mas, mesmo longe dos jogos, …

Morreu o ex-Presidente das Filipinas Benigno Aquino III

O ex-Presidente das Filipinas Benigno Aquino III morreu hoje, aos 61 anos, depois de ter sido hospitalizado em Manila, disseram familiares aos meios de comunicação social locais. O ex-presidente das Filipinas Benigno "Noynoy" Aquino, herdeiro de …

Turista morre durante caminhada pelo Grand Canyon (e o calor excessivo poderá ser o culpado)

Uma mulher residente no estado de Ohio morreu enquanto fazia uma caminhada pelo Grand Canyon. De acordo com as autoridades, a morte estará relacionada com as temperaturas extremas que se faziam sentir. Michelle Meder, de 53 …