Portugal vence Polónia nos penalties e está nas meias

Guillaume Horcajuelo / EPA

Danilo, Eliseu, Ronaldo, Quaresma, festejam o apuramento de Portugal para as meias-finais do Euro 2016 frente à Polónia

Danilo, Eliseu, Ronaldo, Quaresma, festejam o apuramento de Portugal para as meias-finais do Euro 2016 frente à Polónia

No Estádio Vélodrome, em Marselha, Rui Patrício defendeu o remate de Blaszczykowski, naquele que foi o único penálti desperdiçado pelos polacos, e de seguida Quaresma confirmou a continuidade da seleção nacional na prova, não tremendo perante Fabianski.

Antes, Lewandowski tinha colocado a Polónia na frente, logo aos dois minutos, mas Renato Sanches, com o seu primeiro golo com a camisola de Portugal, refez, aos 33, a igualdade, resultado que se manteve durante o resto do tempo regulamentar e no prolongamento.

A seleção lusa chega pela quinta vez às meias-finais de um Campeonato da Europa, desta feita sem ter vencido qualquer jogo durante os 90 minutos, nem perdido, numa altura em que Fernando Santos contínua imbatível em jogos oficiais.

A selecção nacional leva agora 12 jogos oficiais sem perder.

Ao contrário do que aconteceu com a Croácia, desta vez o jogo teve oportunidades de golo, defesas do guarda-redes e emoção, tendo ficado a ideia de que Portugal podia ter resolvido a passagem ainda durante o tempo regulamentar.

Cristiano Ronaldo, que desta vez não falhou da marca de grande penalidade, teve duas ocasiões soberanas para resolver a questão, durante a segunda parte, mas em ambas acertou mal na bola.

Não houve muito Ronaldo, mas houve muito Renato Sanches, sobretudo na primeira parte, e muito Pepe.

Pela primeira vez titular, o médio de 18 anos foi crucial na recuperação da equipa portuguesa após o golo madrugador de Lewandowski.

Além do golo marcado, Renato Sanches encheu o campo, puxou pela equipa e levou-a para a frente.

Na segunda parte, talvez também por estar demasiado ‘preso’ às laterais, Sanches desapareceu um pouco, mas entrou em cena Pepe.

O central do Real Madrid até iniciou mal a partida, mas acabou por ser uma ‘muralha’ na defensiva lusa até aos penáltis, não dando hipóteses aos polacos de ‘alvejarem’ a baliza de Rui Patrício.

O antigo jogador do FC Porto foi também chamado muitas vezes para ‘socorrer’ Eliseu no lado esquerdo.

O lateral do Benfica, que apareceu no lugar do lesionado Raphael Guerreiro, voltou a mostrar-se com pouco ritmo competitivo, tal como tinha acontecido com a Hungria.

Miguel A. Lopes / Lusa

Rui Patrício defendeu o penalty que deu o apuramento de Portugal para as meias-finais do Euro 2016 frente à Polónia

Rui Patrício defendeu o penalty que deu o apuramento de Portugal para as meias-finais do Euro 2016 frente à Polónia

Um jogo de nervos (controlados)

O jogo começou praticamente com o golo de Lewandowski, aos dois minutos, num lance com muitas culpas para a defensiva portuguesa.

Cedric deixou a bola passar no lado direito e Grosicki cruzou para o avançado do Bayern Munique, que apareceu completamente solto na área.

Depois de o árbitro não ter assinalado uma grande penalidade clara sobre Ronaldo, Sanches recolocou Portugal na partida, aos 33 minutos. Depois de combinar com Nani, o jogador de 18 anos rematou de pé esquerdo à entrada da área e, com a ajuda de um desvio, bateu Fabianski.

Com o empate, o encontro perdeu ritmo, a seleção lusa juntou as suas linhas e impôs a toada que quis, entregando mais bola aos polacos, mas procurando sempre sair em contra-ataque.

Cedric esteve perto de marcar, com um remate de longe, que passou bem perto da baliza dos polacos, mas o prolongamento e os penaltis podiam ter sido evitados se Ronaldo estivesse numa noite inspirada.

Primeiro, em boa posição, acertou nas malhas lateiras, e depois, já com João Moutinho em campo (rendeu Adrien Silva), falhou completamente a bola, após belo passe do médio do Mónaco.

Antes do prolongamento, Fernando Santos colocou Ricardo Quaresma no lugar de João Mário, e Jedrzejcayk ficou a centímetros de um autogolo e ‘oferecer’ a Portugal a passagem.

Como era esperado, as duas equipas ainda baixaram mais as linhas, começaram a arriscar ainda menos e o jogo tornou-se algo aborrecido.

Destaque ainda para a entrada de Danilo para o lugar de William Carvalho e para a invasão de campo de um adepto, à procura de Ronaldo.

Na decisão final por penalties, Ronaldo, Renato Sanches, Moutinho, Nani e Quaresma não falharam, transformando em golo todos os pontapés da m arca de grande penalidade.

E Rui Patrício fez a grande defesa da noite, perante Blaszczykowski, abrindo as portas das ‘meias’ à selecção nacional

Miguel A. Lopes / Lusa

Ricardo Quaresma marcou o penalty decisivo no o apuramento de Portugal para as meias-finais do Euro 2016 frente à Polónia

Ricardo Quaresma marcou o penalty decisivo no o apuramento de Portugal para as meias-finais do Euro 2016 frente à Polónia

QUARTOS-DE-FINAL

Polónia – Portugal, 1-1 (3-5 GP)
País de Gales – Bélgica – Sexta-feira 1 Julho, 20h00 (Lille)
Alemanha – Itália – Sábado 2 Julho, 20h00 (Bordéus)
França – Islândia – Domingo 3 Julho, 20h00 (Saint-Denis)

ZAP / Futebol 365

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Sissoco Embaló demite primeiro-ministro e ambos falam em "golpe de Estado"

Umaro Sissoco Embaló, candidato às presidenciais dado como vencedor pela Comissão Nacional de Eleições da Guiné- Bissau, e que quinta-feira tomou posse simbolicamente como Presidente do país, demitiu hoje o primeiro-ministro guineense, Aristides Gomes. Num decreto …

"Neve sangrenta" está a cair do céu na Antártida

Nas últimas semanas, o gelo em redor da Base de Pesquisa Vernadsky da Ucrânia foi revestida com o que os investigadores chamam de "neve de framboesa". Uma publicação no Facebook do Ministério da Educação e Ciência …

Face Oculta: Sobrinho de Manuel Godinho diz que não se orgulha do que fez

O sobrinho do sucateiro Manuel Godinho, principal arguido do processo Face Oculta, disse hoje estar arrependido do que fez quando trabalhava para o tio nos negócios da gestão de resíduos. “Não me orgulho nada daquilo que …

Há uma "Greta" que nega as alterações climáticas: Naomi Seibt

Naomi Seibt é uma jovem alemã de 19 anos que é a voz dos negacionistas das alterações climáticas. As comparações com Greta Thunberg são inevitáveis. Greta Thunberg tem sido provavelmente a voz mais ativa no que …

Alcochete. Mustafá sai em liberdade e Bruno de Carvalho conta a sua versão

O líder da claque sportinguista Juventude Leonina, Nuno 'Mustafá' Mendes saiu em liberdade e Bruno de Carvalho diz que o "colocaram do lado errado da barricada". O coletivo de juízes que está a julgar o caso …

Ángel ajudou a esposa a morrer. Agora, doou toda a sua herança à investigação

Ángel Hernández, o homem que ajudou a sua mulher a pôr fim à vida há dez meses, em Espanha, decidiu doar a herança da sua esposa (300.000 euros) para o estudo da esclerose múltipla progressiva, …

BCP ficou com herdade de João Moura (onde galgos foram encontrados por "mero acaso")

A herdade de João Moura, onde foram encontrados 18 galgos com sinais de subnutrição, ficou para o BCP num processo de insolvência do cavaleiro, servindo para pagar dívidas que mantinha a esta instituição e a …

Estatística revela quem é o melhor avançado (e não é CR7 ou Messi)

Robert Lewandowski leva 39 golos em 33 jogos disputados esta temporada. Os números do avançado polaco colocam-no bem à frente da sua concorrência no que toca à frieza goleadora. O marcador mais prolífico do mundo pode …

Inteligência Artificial vai permitir aos bombeiros de Lisboa serem mais rápidos

Os bombeiros de Lisboa poderão brevemente diminuir o tempo de resposta a incidentes, como inundações ou incêndios, com a ajuda de um modelo de inteligência artificial hoje apresentado que prevê a probabilidade de ocorrências graves …

Jovem violada por três homens no Quénia. "Foi imprudente", diz Universidade

Uma estudante foi violada por três homens durante a noite, no campus da Universidade de Nairobi, no Quénia. "Foi imprudente", disse a instituição, que já apresentou um pedido de desculpas. A Universidade de Nairobi, no Quénia, …