Portugal vai ao Egipto e à Turquia para receber mais mil refugiados

Técnicos do SEF e do ACM vão deslocar-se a centros de acolhimento no Egipto e na Turquia para entrevistar refugiados que queiram vir para Portugal.

Segundo o Diário de Notícias, elementos do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) e do Alto Comissariado para as Migrações (ACM) vão entrevistar refugiados em centros de acolhimento no Egipto e na Turquia que queiram vir para Portugal.

Serão mais 1010 pessoas, que virão para o nosso país ao abrigo do novo Programa Voluntário de Reinstalação, um novo instrumento coordenado pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), em colaboração com a Comissão Europeia, para integrar refugiados oriundos de países em guerra e/ou regimes ditatoriais, como a Síria e a Eritreia, e que fugiram, sobretudo, para a Turquia, Líbano, Jordânia e Egipto.

De acordo com o jornal, a Comissão Europeia propôs o acolhimento nos países europeus de pelo menos 50 mil refugiados nos próximos dois anos, vindos de África, do Médio Oriente e da Turquia. A primeira equipa portuguesa parte no início de julho para o Egipto.

O Programa Voluntário de Reinstalação sucede ao Programa de Recolocação, que visava receber migrantes instalados em centros de acolhimento da Grécia e Itália. Portugal foi o 6.º país da UE que mais pessoas recebeu: 1552 distribuídas por 99 municípios.

O DN recorda que os primeiros migrantes chegaram em dezembro de 2015 e os últimos em março deste ano, sendo essencialmente famílias sírias e homens sós vindos da Eritreia. No entanto, grande parte veem Portugal como uma plataforma para outros países europeus, nomeadamente a Alemanha.

O Relatório de Avaliação do ACM indica uma taxa de abandono do país de 51%. Deste número, só regressaram até hoje 180 pessoas: ou porque foram detetadas pelas autoridades em outros países ou porque o decidiram fazer voluntariamente, uma vez que só o primeiro país da recolocação lhes pode conceder o estatuto de refugiado.

Esta quarta-feira, no Dia Internacional do Refugiado, um relatório realizado pelo Conselho Europeu para os Refugiados e Exilados (CPR) mostrou, porém, que 64% dos pedidos de asilo foram negados em Portugal no ano passado.

Por outro lado, um relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) revelou que 47 mil estrangeiros chegaram a Portugal em 2016, o valor mais elevado desde 2010.

Relativamente aos refugiados, a OCDE aponta que Portugal concedeu estatuto de refugiado ou proteção internacional a 400 pessoas em 2016, o dobro de 2015, sendo que em dois terços dos casos foi dado visto humanitário e aos restantes estatuto de refugiado.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Eu só gostava de saber uma coisa. Se não há empregos para os nacionais com é que há empregos para os “refugiados”?

RESPONDER

Guardas da Revolução do Irão prometem vingar morte do general Soleimani

O chefe dos Guardas da Revolução, o exército ideológico do Irão, garantiu hoje que a morte do general Qassem Soleimani, alvo de um raide aéreo dos Estados Unidos, será vingada em “todos os seus implicados”. “Senhor …

"O mundo está no momento mais perigoso da história humana", diz Noam Chomsky

O professor norte-americano Noam Chomsky, conhecido como o pai da linguística moderna, advertiu que o mundo está no momento mais perigoso da história da humanidade devido à crise climática, à ameaça de guerra nuclear e …

Portugal com 849 novas infecções por covid-19. Há 20.722 casos activos

Portugal registou 849 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, mantendo-se a tendência de subida verificada nos dias anteriores. Mas o número de pacientes recuperados também não era tão alto desde Julho. O boletim da …

A Grândola Vila Morena abafou "a maior marcha alguma vez vista" do Chega

Com a Praça do Giraldo, em Évora, dividida por barreiras anti-motim, os participantes da concentração "Pela Liberdade" receberam os apoiantes do Chega de André Ventura ao som de "Grândola Vila Morena" e empunhando cravos vermelhos …

Pandemia assola Irão. EUA com mais 888 mortos. 19 países europeus bateram recorde de casos

Naquele que é o número mais elevado de casos diários desde abril, a Alemanha registou 2.297 novos contágios, 19 países europeus já ultrapassaram o recorde de casos do pico da pandemia. O Irão ultrapassou as …

Rangel "é um turista do carago". SMS atestam que Vieira usou Benfica em "benefício pessoal"

Luís Filipe Vieira é um dos acusados da Operação Lex, com o Ministério Público (MP) a alegar que o presidente do Benfica utilizou o clube em "benefício pessoal" para obter uma cunha do juiz Rui Rangel. O …

Farmácias em risco de não ter vacinas da gripe para tantos pedidos

As farmácias privadas receiam não ter doses suficientes de vacina contra a gripe para dar resposta a todos os pedidos. As encomendas da vacina já sãocinco vezes mais do que as registadas em 2019. A preocupação …

É responsabilidade a mais. Médicos não querem integrar Brigadas Rápidas dos lares

Está a ser difícil contratar médicos para as Brigadas de Intervenção Rápida dos lares que foram anunciadas pelo Governo. Mesmo a receberem acima da tabela de pagamentos, os médicos receiam a falta de condições e …

Restrições a turistas suavizadas. Finlândia tenta salvar a Lapónia (e a época de inverno)

A Finlândia, que vê o turismo estrangeiro em perigo na Lapónia, permite a partir de hoje a entrada de turistas de cerca de vinte países sem terem de fazer quarentena. As medidas surgem numa altura em …

"Foi uma vergonha". PS em choque com saída de Jamila e com o poder de Temido

A saída de Jamila Madeira do cargo de secretária de Estado Adjunta e da Saúde, a pedido da ministra Marta Temido, deixou alguns socialistas "arrepiados" e há um desconforto interno com a situação. É mais …