Portugal volta ao estado de calamidade. Governo vai propor uso de máscara na rua

Hugo Delgado / Lusa

O primeiro-ministro António Costa acaba de anunciar que o país vai entrar de novo em estado de calamidade. O anúncio traz um conjunto de novas regras para conter a pandemia de covid-19.

Portugal vai entrar em estado de calamidade e António Costa anunciou, no final do Conselho de Ministros desta quarta-feira, um conjunto de regras que incluem a proibição de ajuntamentos de mais de cinco pessoas e a recomendação do uso de máscara na rua.

O governante começou por dizer que a evolução da pandemia em Portugal é “grave” e, por esse motivo, o Governo decidiu avançar com oito novas medidas. Assim sendo, a partir da meia noite desta quarta-feira, ficam proibidos ajuntamentos na via pública de mais de cinco pessoas. Esta medida aplica-se a outros espaços de uso público e na restauração.

O Executivo vai também implementar limitações a casamentos e batizados: um máximo de 50 participantes, sendo que todos têm de cumprir normas de afastamento e uso de máscara.

Nos estabelecimentos de ensino serão proibidos festejos académicos e outros eventos que não sejam letivos, como cerimónias de receção aos caloiros, por exemplo.

Em relação às coimas, o Governo vai agravar as multas até 10 mil euros para pessoas coletivas que não assegurem cumprimentos das regras. Além disso, haverá um “reforço das ações de fiscalização”, mais autoridades nas ruas e nos estabelecimentos, de forma a apurar o cumprimentos das regras sanitárias na via pública, estabelecimentos comerciais e restauração.

O Executivo vai recomendar “vivamente” o uso de máscaras comunitárias na rua e a instalação da app StayAway Covid em contexto laboral e escolar, nas forças armadas e de segurança, e no conjunto da função pública. De acordo com o Público, o Governo anunciou que a instalação da aplicação poderá passar a ser obrigatória nestes contextos.

Em relação ao uso de máscara na via pública, o Governo vai apresentar no Parlamento uma proposta para que o uso de máscara passe a ser obrigatório na rua, “com bom senso” – ou seja, quando houver alguma concentração de pessoas.

A iniciativa legislativa terá ainda de ser aprovada pelos deputados na Assembleia da República.

Com as medidas anunciadas nesta quarta-feira, o objetivo do Governo é tentar conter a evolução da pandemia em Portugal. Costa avisou, contudo, que o nível de alerta pode vir a aumentar, se as medidas não derem o efeito desejado.

Podemos evoluir para outros estados se as circunstâncias assim o impuserem. Tomaremos as medidas sempre que vierem a justificar-se como necessárias. Estas são as que nos parecem adequadas”, disse o governante, insistindo que os comportamentos individuais são fulcrais para correr esta “maratona”.

O primeiro-ministro adiantou que Portugal não vai encerrar as fronteiras com Espanha e que não haverá alterações às regras do teletrabalho que estão em vigor.

Em relação ao Serviço Nacional de Saúde (SNS), Costa afastou uma situação de descontrolo, uma vez que ainda existe “capacidade de resposta”. No entanto, lançou um alerta: “Não podemos estar à espera que seja o SNS a resolver a pandemia. O controlo depende exclusivamente de nós individualmente e de todos nós em conjunto.”

ZAP ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Já era de esperar. Os exageros de alguns, meses a fio, não poderiam ficar sem impacto Social. Destas medidas decretadas, considero que são o mínimo a respeitar face ao que aí vem, sobretudo em Zonas com grande intensidade Populacional. Como se vê, os extravios de uns podem ser uma sentença pesada em termos de Saúde Publica. Espero que não se tenha de chegar a derradeira solução em parar “Tudo”. Responsabilidade Cívica e verdadeira atitude de Cidadania, devem ser a melhor defesa, para o bem comum., mesmo se me parece uma utopia, a luz do que vejo e assisto diariamente de parte de certos “energúmenos” !

RESPONDER

Cientistas criam o primeiro "engenho de água" matemático. Simula qualquer máquina de Turing

Há sete anos, Terence Tao, famoso pela sua ampla visão da investigação matemática atual, propôs uma nova abordagem para resolver o famoso problema das equações de Navier-Stokes, que descrevem o movimento dos fluidos.  Eva Miranda, professora …

O mistério das anãs brancas com campos magnéticos incrivelmente fortes pode ter sido resolvido

Uma equipa internacional de cientistas acredita ter desvendado o mistério dos campos magnéticos incrivelmente fortes em anãs brancas: um mecanismo de dínamo. Um dos fenómenos mais marcantes da Astrofísica é a presença de campos magnéticos. Como …

Nova Iorque quer oferecer vacina aos turistas. Miami vai começar a vacinar no aeroporto

Em Nova Iorque os turistas irão receber a vacina da Johnson & Johnson e em Miami a vacina da Pfizer. Com o objetivo de reativar o turismo na cidade, as autoridades de Nova Iorque querem oferecer …

Carta misteriosa escrita por passageira do Titanic está a intrigar os peritos

Uma equipa de investigadores está a tentar desvendar um mistério que envolve uma carta que terá sido escrita por uma jovem a bordo do Titanic na véspera do naufrágio. Uma família encontrou a carta numa garrafa …

Violência na Colômbia preocupa comunidade internacional

Várias cidades colombianas continuam a ser palco de violentas manifestações contra o Governo do país, mas são reprimidas com força pela polícia e por militares. As manifestações começaram em forma de protesto contra uma reforma tributária …

Veterana de Bletchley Park tem um novo código da 2.ª Guerra para decifrar (mas precisa de ajuda)

Um casal que encontrou mensagens codificadas da II Guerra Mundial sob o assoalho está tentar decifrá-las com a ajuda do seu vizinho, um decifrador de códigos de Bletchley Park. John e Val Campbell encontraram um esconderijo …

"Caixas mistério" com animais de estimação geram indignação na China

Uma nova moda conhecida como "caixa mistério" ganhou popularidade na China. O método consiste em fazer uma encomenda através da internet e é enviada, pelo correio, uma caixa com um animal de estimação. Estas encomendas estão …

Arquivos da polícia do Estado Islâmico revelam como era a vida sob o califado

Arquivos da polícia do Estado Islâmico, conhecida como shurta, revelam como era a vida sob o califado. Os polícias eram tão bem pagos que não podiam ser subornados. Não é sempre que os regimes mirram …

Barco português detido por ancorar ilegalmente em águas da Malásia

Um navio mercante registado em Portugal está retido na Malásia por ter alegadamente ancorado em águas territoriais do país sem autorização, avançou esta sexta-feira a Guarda Costeira malaia. Num comunicado, Nurul Hizam Zakaria, diretor da agência …

”Eficácia e qualidade”. OMS aprova vacina chinesa da Sinopharm

A Organização Mundial da Saúde (OMS) aprovou, esta sexta-feira, o uso de emergência da vacina chinesa contra a covid-19 da Sinopharm. Trata-se da primeira vacina desenvolvida pela China a ser aprovada pela organização, lembra a agência …