Polícia francesa retira manifestantes catalães da autoestrada na fronteira

David Borrat / EPA

Manifestantes catalães bloquearam a AP-7, autoestrada que liga Espanha e França

Manifestantes catalães bloquearam a AP-7, autoestrada que liga Espanha e França, esta segunda-feira, em protesto contra a condenação judicial de vários independentistas. 

Segundo o Observador, que cita o jornal espanhol El País, a polícia francesa já começou a retirar à força os manifestantes catalães da fronteira de Jonquera, que ontem cortaram a AP-7, autoestrada que liga Espanha e França.

A repórter do jornal no local, Rebeca Carranco, explicou através do Twitter que a polícia francesa usou gás pimenta para fazer os protestantes recuar e “já não há ninguém sentado”. 19 pessoas foram detidas, uma a cargo dos Mossos d’Esquadra e as restantes 18 por parte das autoridades francesas.

De acordo com o Público, cerca de duas mil pessoas estavam reunidas no protesto e pelo menos 200 estavam sentadas do lado francês. Para bloquear a passagem na fronteira, os manifestantes utilizaram automóveis e construíram barricadas com materiais de obras.

Os manifestantes passaram a noite em tendas de campanha e no interior dos veículos parados no meio da autoestrada.

Na segunda-feira, os ministros do Interior espanhol e francês, Fernando Grande-Marlaska e Christophe Castaner respetivamente, estiveram “em comunicação constante” por causa desta situação.

As forças anti-motim no local já tinham avisado que iriam recorrer à força para desimpedir a fronteira, caso os catalães não desmobilizassem.

Neste momento, a estrada continua cortada nos dois sentidos, mas apenas na zona espanhola.

A manifestação foi convocada pelo Tsunami Democràtic contra a condenação judicial de independentistas catalães, com penas de prisão que chegam aos 13 anos.

Depois da expulsão do território francês, o movimento pediu aos manifestantes que se concentrassem novamente, alguns quilómetros mais abaixo, desta vez do lado espanhol, perto da povoação de La Jonquera.

Nas eleições de domingo, dos 48 lugares que a Catalunha elege, o partido Esquerda Republicano da Catalunha (ERC) alcançou 13 deputados, o Juntos por Catalunha (JxCat) conseguiu oito e a Candidatura de Unidade Popular (CUP) concorreu pela primeira vez à Assembleia Nacional elegendo dois.

O conselheiro para as Ações Exteriores da Generalitat, Alfred Bosch, apelou ao Governo português para que pressione o futuro governo de Espanha a dialogar com as forças independentistas catalãs.

“Não seria compreensível que o Governo português não fizesse caso e não estivesse atento a observar e a tentar ajudar no que está a acontecer do outro lado da fronteira”, frisou à agência Lusa, acrescentando que o que “acontece além das fronteiras de Portugal, no país vizinho, é muito transcendente”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Erro clínico. Centenas de hóspedes em quarentena em hotel da Austrália vão ter de fazer teste ao VIH

Centenas de pessoas que estiveram em quarentena no hotel Victoria, na Austrália, vão ter de fazer o teste de doenças transmitidas pelo sangue, incluindo VIH, devido a um erro dos profissionais de saúde daquele local …

Forças Armadas dos EUA estão a adquirir coletes à prova de bala adaptados para mulheres

As Forças Armadas dos EUA estão a dar grandes passos no que diz respeito à igualdade de género. A instituição está a começar a mudar os seus coletes à prova de bala, de forma a …

Abstenção do PCP no OE2021? É um excelente indicador, diz Costa

O primeiro-ministro, António Costa, considerou um “excelente indicador” o PCP ter anunciado a abstenção no Orçamento do Estado de 2021 (OE2021) e resultado de um entendimento “para ter um bom orçamento para o próximo ano”. “É …

Egito abre restaurante com vista de luxo para as pirâmides de Gizé

O Egito inaugurou um novo restaurante com vista panorâmica para as pirâmides. O investimento faz parte de uma tentativa de reavivar o turismo no país. O Egito revelou novas instalações para os visitantes no planalto nas …

Novo recorde. Portugal regista mais 3.669 casos de covid-19

Portugal regista este sábado 3.669 novos casos de infeção com o novo coronavírus, responsável pela covid-19, o valor diário mais elevado desde o início da pandemia, e mais 21 mortes relacionadas com a covid-19, segundo …

Câmara do Porto encerra cemitérios nos dias 31 de outubro e 1 e 2 de novembro

O presidente da Câmara do Porto anunciou o encerramento dos cemitérios em 31 de outubro e 1 e 2 de novembro, justificando a decisão com a necessidade de desviar meios para cumprir a proibição de …

Rui Vitória de saída do Al Nassr

O treinador português Rui Vitória está de saída do Al Nassr, avança este sábado o canal árabe 24Sports. A saída de Rui Vitória, que em janeiro de 2019 deixou o comando técnico do Benfica, surge …

Casamento com 200 pessoas autorizado em Arruda dos Vinhos. Câmara contesta

O presidente da Câmara de Arruda dos Vinhos criticou a decisão da autoridade de saúde de autorizar a realização de um casamento “com cerca de 200 pessoas”, considerando que vai colocar a população do concelho …

Novo Banco desmente demissão de gestores após polémicas com Fundo de Resolução e Vieira

O Novo Banco veio a público desmentir a notícia do Público que alega que três gestores de topo da instituição se demitiram, após divergências internas envolvendo várias polémicas relacionadas com o Fundo de Resolução, com …

Milhões da bazuka europeia só chegam em junho

Portugal e os restantes Estados-membros das União Europeia (UE) só deverão receber os respetivos fundos da bazuka europeia de apoio à retoma no pós-pandemia na segunda metade de 2021, em meados de junho. A confirmar-se …