Pequenas aldeias italianas correm o risco de ficar sem população devido à covid-19

Coshipi / Flickr

Vila de Sambuca, em Itália

Na semana passada, o governo italiano introduziu um novo confinamento para combater a propagação do coronavírus no país. A maior parte das medidas foram direcionadas para as grandes cidades, mas em todo o país há milhares de pequenas aldeias a lutar para sobreviver.

Itália conta com 8000 pequenas vilas, sendo que 70% destas têm uma população inferior a 5000 habitantes. Nestas cidades, o mais preocupante é o envelhecimento da população, pois é maioritariamente composta por idosos. Normalmente, nestas zonas, o nascimento de um bebé é tão raro que os sinos tocam cada vez que surge a notícia.

Para complicar ainda mais a situação demográfica das pequenas regiões, algumas delas foram declaradas “zonas vermelhas” devido ao novo coronavírus – o que significa que o risco de infeção é particularmente alto.

“A desertificação demográfica já havia afetado essas cidades antes da covid”, sublinhou Mario Alvano, secretário-geral da Associação Nacional de Municípios Italianos na Sicília. “São pequenas aldeias que já estavam destinadas a se tornarem cidades fantasmas em apenas algumas décadas, onde a taxa de natalidade é 30 vezes menor que a taxa de mortalidade. Agora a covid aumenta o risco de acelerar a morte da população”, diz Alvano.

A cidade de Galati Mamertino, na Sicília, que foi também designada como zona vermelha, viu 157 dos seus 2400 habitantes ficarem infetados. Os especialistas concordam que surtos deste tipo são o resultado da proximidade entre os habitantes da cidade, o que é típico da vida social nessas zonas.

Tullio Prestileo, médico do hospital Benfratelli, em Palermo, relembra que “nas pequenas aldeias, as relações entre parentes e amigos são intensas. Aqui a impressão de que um amigo ou parente pode nos infetar é muito menor do que nas grandes cidades. Muitas vezes acredita-se que a localização isolada das aldeias é uma forma de proteção contra a transmissão e que este é um problema urbano”.

No entanto, ao longo dos anos, na tentativa de ressuscitar alguma pequenas cidades, os dirigentes apresentaram várias estratégias.

No ano passado, o presidente de Sambuca (que tem apenas 5000 residentes) recebeu mais de 94 mil e-mails de todo o mundo, após anunciar publicamente a venda de casas abandonadas por 1 euro. Atualmente, Sambuca, na província de Agrigento, acaba de ser declarada “zona vermelha”, depois de um surto ter causado 130 casos positivos e 8 mortes.

“A venda das nossas casas por 1€ foi um gesto simbólico para trazer as pessoas de volta a Sambuca, porque as aldeias são feitas de pessoas e não de casas”, disse o vice-presidente da Câmara, Giuseppe Cacioppo.

Já Fabio Orlando, presidente do conselho municipal de Roccafiorita, destaca que “a morte de um dos nossos não é apenas um número. É uma perda de uma história, uma casa que fica abandonada e um caminho que está fechado e esquecido para sempre”.

Situada entre as florestas do Monte Kalfa, Roccafiorita é a mais pequena aldeia do sul da Itália. A idade média dos seus apenas 187 habitantes é de 60 anos. Aqui o vírus é visto com muito respeito pois se a covid-19 se espalhar pela população e tiver efeitos nefastos, a vila pode desaparecer.

Por enquanto, a ameaça de um surto em Roccafiorita foi evitada, depois de terem sido feitos testes em toda a população que deram negativo, avança o The Guardian.

Contudo, o medo do vírus permanece, até porque o hospital mais próximo com condições para acolher doentes covid fica a mais de 1 hora e 40 minutos da cidade.

Na aldeia, a luz no fim do túnel parece distante. Os habitantes idosos esperam por uma vacina, mas sabem que um inverno longo e árduo está por vir.

Um dos habitantes da vila, Salvatore Occhino, traduz este receio em palavras suas, através da escrita de um poema onde se pode ler o seguinte verso:

“Ora vi saluto tutti, Buonasera / Chi sopravviverà lo vedremo in Primavera”

(“Agora saúdo a todos, boa noite / Veremos quem sobrevive na primavera”).

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

ROUGHIE. Planador subaquático observa silenciosamente os mares (sem perturbar a vida selvagem)

Os veículos subaquáticos autónomos tornaram-se ferramentas versáteis para explorar os mares. Porém, estas ferramentas podem ser prejudiciais para o meio ambiente ou ter problemas em movimentar-se em espaços confinados. Uma equipa de investigadores da Purdue University, …

Igreja cipriota pede que a música "demoníaca" da Eurovisão seja cancelada. Governo rejeita

El Diablo foi a canção escolhida para representar o Chipre no festival da Eurovisão, que terá lugar em Roterdão, em maio. A música cipriota da Eurovisão está a causar polémica. A Igreja Ortodoxa do Chipre pediu, …

Cientistas propõem que indústria da moda pague "royalties" pelo padrão leopardo

Cientistas de Oxford, no Reino Unido, propõem que a indústria da moda comece a pagar royalties pelo uso do padrão que imita a pele de leopardo, para tentar ajudar a reverter o declínio deste felino. "O …

André Ventura foi reeleito presidente do Chega com 97,3% (e deixou recados ao PSD)

André Ventura foi reeleito este sábado, com 97,3% dos votos nas eleições internas para a presidência do Chega. O presidente demissionário do Chega foi reeleito este sábado com 97,3% dos votos, percentagem que considerou legitimá-lo para …

Uma das maiores camas do céu. JetBlue revela a nova classe executiva do Airbus A321neo

Uma das maiores camas no céu deverá estrear dentro de alguns meses, quando a JetBlue começar a voar com os seus A321neo de Boston e Nova Iorque a Londres. No dia 26 de fevereiro, a norte-americana …

Putin diz que Internet pode destruir a sociedade se não for regida pela moral

 Internet pode destruir a sociedade a partir se não não for regida por valores e leis da moral, considerou Vladimir Putin. O Presidente da Rússia, Vladimir Putin, advertiu que a Internet pode destruir a sociedade a …

China torna-se o primeiro país do mundo a ter mais de mil multimilionários

A China tornou-se o primeiro país do mundo a ultrapassar a marca dos mil multimilionários, tendo neste momento um total de 1058 pessoas que têm a sorte de poder fazer parte desse grupo restrito. De acordo …

Gil Vicente 0-2 Porto | Vida fácil para o “dragão” em Barcelos

O FC Porto venceu o Gil Vicente em Barcelos, por 2-0. Pepe e Corona saíram ao intervalo com problemas físicos. O Porto foi a Barcelos conquistar três pontos de forma tranquila, perante um Gil Vicente que …

Na Índia, o comércio ilegal de burros está a crescer. A sua carne é considerada afrodisíaca

Viagra? Não, a população do estado de Andhra Pradesh, na Índia, tem um novo método para aumentar o desejo sexual: carne de burro. Esta crença está a fazer com que o comércio ilegal de carne …

Com as fronteiras fechadas, companhia aérea australiana lança "voos mistério"

A companhia aérea australiana Qantas anunciou “voos mistério”, nos quais os passageiros não fazem ideia para onde vão, numa tentativa de atrair mais clientes. As fronteiras internacionais da Austrália estão atualmente fechadas e parece improvável que …