Covid-19. Parlamento Europeu cancelou visitas, mas abriu exceção para Greta (e Nuno Melo lidera uma rebelião em protesto)

Estela Silva / Lusa

O eurodeputado Nuno Melo, do CDS/PP

O Parlamento Europeu decidiu “negar o acesso de visitantes externos aos edifícios” e cancelar “todos os eventos” por causa do novo coronavírus (Covid-19), mas abriu exceção para receber Greta Thunberg. Nuno Melo é um dos eurodeputados que protesta esta decisão.

O eurodeputado português Nuno Melo questionou o presidente do Parlamento Europeu (PE) sobre as razões pelas quais quer abrir uma exceção para que a ativista sueca Greta Thunberg seja recebida em Bruxelas.

Num e-mail, ao qual o Observador teve acesso, Nuno Melo lembrou a David Sassoli que a “decisão sobre as medidas a serem tomadas em relação ao surto de Covid-19 produz efeitos imediatos” e exigiu saber porque é que a ativista sueca vai ter privilégios numa questão de saúde pública quando em termos de risco “todos os seres humanos são democraticamente iguais“.

A suspensão de visitas externas inclui presenças em comissões, mas manteve-se a audição da jovem ativista na comissão de Ambiente (ENVI) esta quarta-feira.

Vários outros eurodeputados já se juntaram ao eurodeputado do CDS, que lidera uma pequena “rebelião” para que não seja aberta a exceção para Greta Thunberg, como é o caso da eurodeputada belga, Hilde Vautmans, que pertence aos liberais (Renew Europe).

No seu e-mail a Sassoli, revelado pelo Observador, Vautmans disse que concorda “plenamente” com Melo e não consegue “entender por que razão o Parlamento Europeu restringiria o acesso a todos os visitantes, exceto a uma pessoa, a senhora Greta Thunberg”.

“Visitantes externos de todo o mundo não podem entrar no edifício, mas Thunberg pode. Como devemos explicar isso aos nossos visitantes e convidados?”. Para a eurodeputada liberal “todos devem ser tratados como iguais” e avisa que “se o Parlamento Europeu der uma exceção a Greta Thunberg, esta casa não será levada a sério”.

Também a eurodeputada estónia Yana Toom manifestou o apoio a Melo, dizendo que “nesta casanão há lugar para dualidade de critérios.”

O eurodeputado e chefe de delegação do Vox, Jorge Buxadé, disse que apoia “inteiramente a queixa” de Nuno Melo “contra os privilégios injustificados concedidos à senhora “. O espanhol disse ainda que “isto mostra que, infelizmente, este Parlamento não é a casa do pluralismo nem da liberdade dos cidadãos europeus”. “Espero uma reconsideração a esse respeito”, avisou.

O eurodeputado búlgaro Andrey Slabakov disse que concorda plenamente com os colegas e comentou que “parece que Thunberg é membro do staff do Parlamento Europeu. Isso é inaceitável!”. O político disse ainda esperar que a “instituição” volte a ter “bom senso” e não receba Greta Thunberg.

O deputado da extrema-direita alemão Lars Patrick Berg disse que concorda “completamente” com Nuno Melo e os restantes colegas que pedem que não haja exceções para a ativista sueca. Para o alemão, se o Parlamento Europeu quiser “ter credibilidade, não pode ter uma regra para uma pessoa e outra regra para todas as outras”. Berg recomenda “uma reconsideração urgente desta infeliz decisão”.

Jaak Madison, do Partido Conservador da Estónia, avisou Sassoli de que se “há uma regra e uma decisão para todos, não há espaço para uma dupla interpretação”. O deputado disse que se há “alguém mais especial” do que os outros será “difícil levar a sério o Parlamento Europeu”. O deputado terminou o e-mail com “cumprimentos e esperança de não ver hipocrisia”.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Tem piada que são quase todas extremistas de direita as vozes que se juntam à do deputado português! Coincidência? Não me parece. Então nessa casa não há dualidade de critérios, sra deputada Yana Toom? Porque motivo serão os povos do Norte tão privilegiados em relação a alguns do Sul? Essa casa deveria querer ser levada a sério por assuntos mais importantes do que este, sr deputado JaaK! E, sr. deputado Lars, o parlamento não deveria ,mesmo, ter uma medida para alemães e outra para portugueses!! Com todas estas injustiças é que deveríamos estar muito preocupados, assim como com o equilíbrio deste nosso planeta que é afinal a causa que move esta pequena grande activista. Deixem-na trabalhar! Não há regra sem excepção!!

RESPONDER

Está a nascer o primeiro comboio português a hidrogénio (e vai substituir o Vouguinha)

Já arrancou o projecto para o desenvolvimento do primeiro comboio português a hidrogénio. A iniciativa visa transformar as automotoras a gasóleo que circulam na Linha do Vouga - o comboio chamado Vouguinha - por células …

Guardiola diz que Bernardo Silva "sempre foi importante" para City

O treinador Pep Guardiola disse esta sexta-feira que o português Bernardo Silva “está de volta” ao melhor nível e que “sempre foi importante" para o Manchester City, depois de ter "sentido" dificuldades na temporada passada. “Ele …

Fauci fala de "sentimento libertador" após saída de Trump da Casa Branca

O infeciologista Anthony Fauci, o principal rosto da Casa Branca no combate à pandemia de covid-19, admitiu um sentimento "libertador" após a saída da administração de Donald Trump e afirmou que poderá agora falar sobre …

Parlamento Europeu pede lei que reconheça como "fundamental" direito a desligar

O Parlamento Europeu (PE) pediu na quinta-feira à Comissão Europeia que proponha uma lei que reconheça o "direito a desligar" como sendo "fundamental", permitindo assim que "quem trabalhe por meios digitais desligue os aparelhos fora …

Portugal entra na lista da Alemanha de países de "alta incidência"

A Alemanha incluiu Portugal no grupo de mais de 20 países e territórios considerados de “alta incidência” da pandemia de covid-19. Neste grupo, além de Portugal, estão Albânia, Andorra, Bolívia, Bósnia, Egito, Espanha, Emirados Árabes Unidos, …

Hungria compra vacina russa apesar de não estar autorizada na UE

O Governo húngaro anunciou esta sexta-feira que chegou a acordo para comprar "grandes quantidades" da vacina russa contra a covid-19 Sputnik V, embora esta ainda não tenha sido autorizada pelas autoridades de saúde europeias. O ministro …

Governo prepara apoio extraordinário para o desporto devido à covid-19

O Governo está a preparar um fundo de apoio extraordinário para ajudar o desporto a ultrapassar a crise provocada pela pandemia de Covid-19, revelou o secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo …

Líderes europeus defendem que fronteiras devem continuar abertas

Os chefes dos 27 Estados-membros da União Europeia (UE) reuniram-se em videoconferência, na quinta-feira, na qual concordaram que as fronteiras não devem ser fechadas, devendo evitar-se medidas que possam comprometer o mercado único e o …

Twitter bloqueia conta de embaixada da China nos EUA por "desumanizar" uigures

A rede social Twitter bloqueou a conta da embaixada da China em Washington após uma mensagem ter referido que as mulheres uigures em Xinjiang se emanciparam e deixaram de ser “máquinas de fazer bebés”. Uma das …

Fecho das escolas. Apoio aos pais calculado com base no salário de dezembro

O apoio aos pais de crianças menores de 12 anos que tiverem de ficar em casa devido ao fecho das escolas será baseado na remuneração de dezembro, segundo o decreto-lei publicado esta sexta-feira em Diário …