Distribuem panfletos contra comunidade chinesa em Espanha: “São os responsáveis ​​pelas mortes”

Os panfletos, distribuídos no município espanhol de Moaña, estão a ser investigados pela polícia por um possível crime de ódio. Acusam a comunidade chinesa de “tornar a Espanha doente com quase 30.000 mortes”.

A epidemia de covid-19, desencadeada na cidade chinesa de Wuhan, colocou a comunidade chinesa em Moaña, um município de Pontevedra, no centro das atenções. Nos últimos dias, começaram a circular panfletos acusando os “chineses” de serem os “responsáveis pelas mortes”.

Os panfletos, já nas mãos das autoridades por um possível crime de ódio, apontam diretamente as lojas administradas por cidadãos chineses. “Comem o que querem (uma referência a animais vivos), mas o problema é que eles têm lojas por toda a Espanha e viajam constantemente. São os responsáveis ​​pelas mortes e pelo encerramento de vários negócios.”

Segundo o ABC, o texto também culpa a comunidade chinesa por “tornar a Espanha doente, com quase 30.000 mortes” e por “trazerem esta pandemia que nunca imaginaríamos”.

Ainda não se sabe quem é o responsável por esta iniciativa controversa, uma vez que as declarações contidas nos panfletos carecem de qualquer tipo de assinatura ou dados sobre a sua autoria.

A China foi o epicentro da pandemia, com os primeiros surtos do novo coronavírus a serem descobertos na cidade de Wuhan, capital da província de Hubei, localizada no centro do país, no mês de novembro.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. É problemático acusar sem provas directas que estabeleçam relação causal. Mas o certo é que a china tem sido quem mais ganhou com a pandemia: diz-se que venderam quantidades astronómicas de máscaras, centenas de milhares de ventiladores, enormes quantidades de produtos de higienização, isto além do que é de uso comum e quotidiano que é quase tudo “made in china”. Em Portugal, diz-se em voz baixa que por trás das grandes aquisições chinesas feitas neste país estão as chamadas “tríadas chinesas”, que são as mais mortíferas e extorsionárias organizações criminosas do mundo inteiro. A ser verdade, são elas as donas dos hospitais da luz, etc., etc.
    Seja como for, a verdade é claríssima: eles estavam preparados e mais do que preparados para vender ás centenas de milhões produtos para fazer face ao covid-19 e Whuan terá sido somente o engodo da inocência, fazer crer que foram as primeiras vitímas. Se isto também for verdade, então eles sabem como ninguém usar as armas biológicas e químicas para fazer dinheiro… e dominar o mundo.
    Talvez os nossos irmãos galegos tenham alguma razão…

  2. Começou por falar bem:”É problemático acusar sem provas..”
    e no entanto, está a fazer exactamente isso, acusações e mais acusações com base em especulações sem provas fundadas, e assim se cria um ciclo vicioso de crime de ódio.

  3. Cá este lado do Atlântico, o segundo maior afetado pela Covid-19 no Ocidente, vejo muitos pobres iletrados colocar o dedo em riste na cara do Embaixador chinês em Brasília Yang Waming, acusando a China por “fabricar o vírus para dominar o Mundo”. Eu, ao conversar com um médico que teve a Covid-19, expliquei que a origem do surto foi nas zonas rurais de Hubei e, deduzi que, criações de gansos e porcos trouxeram a sepa virgem do Coronavírus do Ambiente Selvagem às fazendas de onde pertencem e contaminar seus criadores. Efeito reação em cadeia. Saudações da Terra de Vera Cruz, Brasil. Cidade de Pindamonhangaba, estado de São Paulo.

RESPONDER

Inteligência Artificial está a "alimentar" a violação dos direitos humanos, alerta ONU

Num novo relatório, a Organização das Nações Unidas (ONU) alertou os países que o uso imprudente de Inteligência Artificial (IA) pode estar a pôr em causa o respeito pelos direitos humanos. Michelle Bachelet, Alta Comissária das …

Foi viajar e não voltou. O misterioso desaparecimento de Gabby Petito (e do namorado)

Gabrielle Petito, uma jovem norte-americana de 22 anos, desapareceu misteriosamente. Gabby foi viajar com o namorado, que voltou para casa sozinho e não quis contar o que aconteceu — e agora também está desaparecido. Gabby Petito, …

Aos 101 anos, Ginny é a "Senhora Lagosta" e não planeia reformar-se

Virginia Oliver continua a trabalhar na pesca da lagosta, apesar de já ter 101 anos de idade. 'Ginny' não planeia reformar-se e já se tornou um meme na internet. Virginia 'Ginny' Oliver tem 101 anos e …

Dinamarca. Reclusos condenados a prisão perpétua proibidos de iniciar novos romances

Os reclusos que cumprem prisão perpétua na Dinamarca serão proibidos de iniciar novos relacionamentos amorosos, decisão proposta pelo governo após uma jovem de 17 anos se apaixonar por Peter Madsen, que assassinou a jornalista Kim …

Casal queria que o seu filho se chamasse Vladimir Putin. A Suécia não deixou

Na Suécia, os pais são obrigados a comunicar os nomes dos seus filhos recém-nascidos ao Skatteverket nos primeiros três meses a partir do nascimento. Um casal sueco, que vive na cidade de Laholm, foi proibido pela …

44 jogos seguidos sem ganhar. Mas o presidente não está preocupado

O Atlético Mogi não vence qualquer jogo oficial há mais de quatro anos. Perdeu em 42 desses 44 duelos. 17 de Junho de 2017 foi o último dia em que o Atlético Mogi venceu um jogo …

Autárquicas: António Costa promete que os municípios terão mais mil milhões de euros

O secretário-geral do PS, António Costa, indicou hoje, em Celorico de Basto, no distrito de Braga, que os municípios “vão passar a ter, a partir de abril, mais mil milhões de euros que acompanham a …

Mais de trinta anos após ter sido lançada ao mar no Japão, mensagem em garrafa é encontrada no Hawaii

Durante uma viagem ao Hawaii, uma jovem de apenas 9 anos encontrou uma garrafa que foi lançada ao mar há mais de trinta anos. Esta continha uma mensagem que, posteriormente, acabou por revelar uma experiência …

Mais 939 infeções, sete mortes e nova redução nos internamentos

Portugal registou nas últimas 24 horas mais 939 casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2, sete mortes atribuídas à covid-19 e nova redução nos internamentos em enfermaria e cuidados intensivos. De acordo com o boletim epidemiológico da …

Milionário norte-americano Robert Durst condenado por matar melhor amiga

O milionário norte-americano Robert Durst, tornado famoso por um documentário do canal HBO, foi condenado na sexta-feira num tribunal de Los Angeles, nos Estados Unidos, por matar a melhor amiga, um crime que remonta a …