Pais dos jovens que morreram no Meco apresentam ações contra Estado e Van Dunem

José Coelho / Lusa

O advogado dos pais do jovens que morreram na praia do Meco em 2013 considera que o Estado tem de ser responsabilizado.

Os pais dos jovens que morreram na praia do Meco, em 2013, vão interpor uma ação por denegação de justiça contra o procurador coordenador de Almada e contra Francisca Van Dunem, procuradora distrital de Lisboa à data dos factos.

Segundo o advogado Vitor Parente Ribeiro, em comunicado enviado à Lusa, a ação cível será ainda apresentada contra o Estado português, que recentemente perdeu o recurso no Tribunal Europeu dos Direitos do Homem (TEDH).



No início do ano, o tribunal tinha considerado que a investigação do caso da morte dos jovens durante uma praxe académica tinha sido deficiente, condenando o Estado “ao pagamento de indemnização (simbólica), pelo facto do processo criminal ter sido deficientemente conduzido na fase de investigação”.

Inconformado com a condenação, o Estado pediu em abril a reapreciação da decisão, mas soube-se agora que o recurso “não foi admitido”.

Os familiares dos jovens consideraram lamentável “a imagem que o Estado Português transmitiu sobre a realização da Justiça em Portugal, permitindo que o inquérito onde se investigava a morte de seis jovens ficasse irremediavelmente inquinado”, tendo contribuído para que a “eventual responsabilidade criminal do factos em investigação jamais fosse apurada” e decidiram apresentar ações cíveis.

A nota dá conta que é pretensão dos pais dar entrada de uma ação de responsabilidade civil contra o Estado, contra a atual ministra da Justiça, à data dos factos procuradora-geral distrital de Lisboa e também contra o Procurador Coordenador de Almada na altura do incidente.

“Esta decisão foi tomada por se entender que a conduta do Estado resultou na denegação de justiça às famílias das vítimas dos estudantes na sequência de praxes académicas”, refere o advogado.

A 15 de dezembro de 2013, seis estudantes da Universidade Lusófona morreram ao serem arrastados para o mar por uma onda e apenas um colega sobreviveu, o ex-dux João Gouveia.

  ZAP // Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Neste dramático acontecimento, a dor dos Pais é compreensível. Querem Justiça, é igualmente compreensível. Mas sim …Mas; será que estas praxes são da responsabilidade do Estado ???. Aconteceu o que aconteceu, numa noite a beira de um Mar agitado com o pleno consentimento destes Jovens Adultos, esta estupidez acabou da pior forma, com un único sobrevivente cujo testemunho dos factos é muito lacónico. Mas de certeza absoluta que a responsabilidade do que se passou cabe inteiramente a estes Jovens, não ao Estado, que somos todos nós. Sempre afirmei que estas praticas en nada dignificam a imagem destes participantes, por min deveriam ser simplesmente erradicadas do Universo Académico. Haverá de de certeza outras formas mais dignas de desejar as boas vindas aos “caloiros” !

    • O Estado é que tem que processar estes pais!!
      Eles estão a abusar da sorte e já demonstraram que são tão ou mais palermas do que os seus filhos (únicos culpados pela sua própria morte) e, continuam a gastar recursos do Estado com este circo!
      O advogado parasita também deve quer “musica!…..

  2. O Estado é que tem que processar estes pais!!
    Eles estão a abusar da sorte e já demonstraram que são tão ou mais palermas do que os seus filhos (únicos culpados pela sua própria morte) e, continuam a gastar recursos do Estado com este circo!
    O advogado parasita também deve quer “musica!…

RESPONDER

Belenenses 0-4 Sporting | Melhor o resultado que a lesão

O Sporting, da I Liga, venceu hoje o Belenenses, do Campeonato de Portugal, por 4-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, garantindo o apuramento para a próxima fase da competição. No …

Sintrense 0-5 FC Porto | Dragões goleiam e seguem em frente na Taça

O FC Porto, da I Liga, venceu hoje o Sintrense, do Campeonato de Portugal, por 5-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, e segue em frente na competição. A jogar em …

Nova tecnologia usa calor dos estacionamentos subterrâneos para aquecer apartamentos

A startup Enerdrape, que funciona dentro da Escola Politécnica de Lausanne (EPFL), na Suíça, desenvolveu uma tecnologia que aproveita o calor emanado pelo solo no aquecimento de apartamentos. Quase 60% do aquecimento utilizado nos edifícios residenciais …

Pela primeira vez, um drone transportou os pulmões de um dador em segurança. Voo demorou seis minutos

Pela primeira vez na história da medicina, um drone aéreo transportou os pulmões de um dador com rapidez e segurança entre dois hospitais. O voo, que durou apenas seis minutos, ocorreu no passado dia 25 de …

Grupo de hackers clonou a voz de empresário para roubar 35 milhões de dólares do banco

Um grupo de hackers clonou a voz do diretor de uma empresa, conseguindo assim roubar mais de 35 milhões de dólares de um banco nos Emirados Árabes Unidos. No início do ano passado, o gerente de …

Portugueses comem duas vezes mais do que o recomendando

Os portugueses consumiram, em média, duas vezes mais calorias do que o recomendando para um adulto entre 2016 e 2020, ano em que a pandemia provocou uma redução do consumo de alimentos diário, mas ainda …

Aos 95 anos, a rainha Isabel II terá de abdicar da sua bebida favorita

A monarca foi aconselhada pelos médicos a abdicar do seu habitual martini de fim de dia, em antecipação a uma fase de agenda especialmente preenchida. Com 95 anos, a rainha Isabel II tem tido uma semana …

Médicos vão avaliar estado mental do atacante da Noruega

A investigação ao ataque com arco e flecha que na quarta-feira fez cinco mortos na Noruega reforçou, até agora, a tese de um ato devido a doença, anunciou hoje a polícia norueguesa. “A hipótese que foi …

Há mais de 100 anos, o Hawai teve uma monarquia - mas a força da princesa Ka'iulani não chegou para a preservar

Antes de morrer, com apenas 23 anos, a princesa Victoria Ka'iulani foi a última herdeira da coroa havaiana. A jovem era uma das últimas esperanças em manter a monarquia viva, mas nem a sua determinação …

Preço da luz no mercado regulado deverá subir 0,2% em 2022

O preço da eletricidade para os consumidores do mercado regulado deverá subir 0,2% no próximo ano face à média do ano em curso, segundo a proposta da Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) hoje anunciada. “Para …