Nesta ilha, todos têm direito a fazer um teste de covid-19

No sul da Florida, nos Estados Unidos, um teste de diagnóstico para covid-19 continua a ser um objeto cobiçado. Porém, a sete minutos de lancha, na Fisher Island, não há um único habitante sem ele.

A Fisher Island, uma ilha privada à qual só é possível aceder por via marítima ou aérea, é, de acordo com a Bloomberg, o código postal mais rico dos Estados Unidos. E, segundo o jornal espanhol ABC, as 800 famílias que lá vivem, não têm problemas em aceder ao teste de diagnóstico para covid-19, a doença que se tornou uma pandemia.

De acordo com o jornal local The Miami Herald, foram investidos 30.600 dólares (28.200 euros) em testes de anticorpos para o novo coronavírus para todos os seus residentes e funcionários.

A Fisher Island comprou 1.800 exames do Sistema de Saúde da Universidade de Miami. Os testes de punção sanguínea dão resultados em cerca de 10 minutos e são realizados em escritórios modernos.

“Metade dos moradores de Fisher Island tem mais de 60 anos e faz parte da comunidade de alto risco de covid-19”, disse Sissy DeMaria Koehne, porta-voz da ilha, em comunicado.

A renda média anual de um residente de Fisher Island chega a 2,5 milhões de dólares (2,3 milhões de euros) e, ao comprar um condomínio, pagam uma taxa anual de 22.256 dólares (20.577 euros), além de realizar um depósito a fundo perdido de 250 mil dólares. As taxas incluem o cônjuge e os filhos até 24 anos, idade em que devem deixar a ilha.

As casas nos quase 30 edifícios de condomínios de luxo estão avaliadas entre dois e 40 milhões de dólares. Na Fisher Island, coexistem vizinhos de 37 nacionalidades, sendo que mais de metade são norte-americanos, 10% brasileiros e 7% russos.

A abundância de testes na ilha particular irritam várias pessoas, que comparam a Fisher Island com a odisseia do estádio Hard Rock, em Miami, onde as filas se formam a partir das quatro da manhã para aceder a um dos 400 testes que são fornecidos diariamente.

“Não difere muito da Disney World, onde se pode comprar um passe especial e passar a fila à frente, pagando mais 30% do preço”, disse Jay Wolfson, professor de medicina da saúde pública da Universidade do Sul da Florida.

No entanto, a porta-voz da ilha defende-se: um dos primeiros casos confirmados do novo coronavírus no Condado de Miami-Dade foi identificado na Fisher Island. Segundo o departamento de saúde do estado, existem entre cinco e nove casos confirmados nesta ilha.

O Sistema de Saúde da Universidade de Miami (UHealth), entidade privada que forneceu os testes, reconheceu, de acordo com a BBC, que o seu serviço “pode ​​ter dado a impressão de que algumas comunidades receberiam tratamento preferencial”, mas afirma, no entanto, que não era a sua “intenção”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Muco marinho na costa da Turquia ameaça ecossistemas. E é só a ponta do icebergue

Esta semana, a Turquia lançou a maior limpeza marítima da sua história para fazer face à proliferação sem precedentes de muco marinho no Mar de Mármara, um sintoma de um problema ambiental muito maior. Debaixo das …

Fotografia da Rainha Isabel II removida da Universidade de Oxford devido à "história colonial"

Um grupo de estudantes da Universidade de Oxford removeu uma fotografia da Rainha Isabel II da sua área comum devido aos seus laços com a “história colonial”. A atitude gerou uma onda de controvérsia. A imprensa …

Espanha 0-0 Suécia | Muro amarelo trava fúria espanhola

A Espanha e a Suécia empataram hoje 0-0 em jogo da primeira jornada do Grupo E do Euro2020 de futebol, naquela que foi a primeira partida sem golos na competição até ao momento. No estádio La …

Covid-19. Variante indiana causa doença mais grave, dizem médicos chineses

A Delta está a causar doença mais grave e mais rapidamente do que durante a primeira vaga, informaram médicos na zona de Guangzhou, no sudeste da China, onde surgiu um surto recente provocado por esta …

Do café aos brinquedos. Preço do transporte de mercadorias vai atingir a nossa carteira mais cedo do que se pensava

Os preços exorbitantes do transporte de mercadorias pelo mundo poderão atingir a sua carteira mais cedo do que pensa. Mais de 80% de todo o comércio de mercadorias é transportado pela via marítima, mas o alto …

Tal é a qualidade de Portugal, que o treinador da Hungria "podia ser motorista ou roupeiro"

O selecionador da Hungria, o italiano Marco Rossi, afirmou hoje que "até podia ser o motorista ou rapaz dos equipamentos" da seleção portuguesa, tal é a qualidade dos jogadores lusos que vão disputar o Euro2020. “Estamos …

Destroços de avião descobertos no fundo de um lago nos EUA podem pôr fim a um mistério de 56 anos

Trabalhadores que testam equipamentos de investigação subaquática dizem ter encontrado os destroços de um pequeno avião nas profundezas do lago Folsom, na Califórnia. A confirmar-se, podem ter resolvido um mistério com 56 anos. As imagens de …

Norte-americanos envolvidos na fuga de Carlos Ghosn declaram-se culpados

Os dois norte-americanos acusados de ajudarem o ex-presidente da Nissan Carlos Ghosn a fugir do Japão quando aguardava julgamento em liberdade sob fiança declararam-se esta segunda-feira culpados perante a justiça japonesa. De acordo com fontes da …

Enfermeira tentou provar que as vacinas tornam as pessoas magnéticas (mas não correu como previsto)

Na semana passada, a enfermeira negacionista de Ohio Joanna Overholt tentou, durante uma sessão legislativa, provar que as vacinas contra a covid-19 tornam as pessoas magnéticas. Mas não foi bem sucedida. O teste do íman resulta …

Foda e Kostadinov: as recordações à volta do Áustria-Macedónia do Norte

O selecionador da Áustria e um dos jogadores da Macedónia do Norte trouxeram memórias dos anos 90. O jogo entre Áustria e Macedónia do Norte, que terminou com vitória austríaca por 3-1, não estava propriamente na …