“Negacionista e bem raivosa”. Livro de ex-ministro da Saúde revela reação de Bolsonaro à pandemia

O primeiro ministro da Saúde do mandato de Jair Bolsonaro, Luiz Henrique Mandetta, publicou um livro sobre o combate à pandemia no Brasil e revelou que o Presidente teve uma reação “negacionista” e “raivosa”.

De acordo com o portal brasileiro G1, que ouviu o ex-ministro da Saúde brasileiro Luiz Henrique Mandetta no programa “Conversa com Bial”, o ex-governante disse que Bolsonaro negou a seriedade e a gravidade da pandemia – mesmo depois de ser informado de que poderiam morrer centenas de milhares de pessoas.

O ex-ministro revelou ainda que trabalhava com um cenário de 180 mil mortes, número que já não está muito longe da situação atual – mais de 141 mil óbitos. “Eu nunca falei em público que eu trabalhava com 180 mil óbitos se nós não interviéssemos, mas a ele mostrei”, contou Luiz Henrique Mandetta. “Entreguei por escrito, para que ele pudesse saber a responsabilidade dos caminhos que ele fosse optar. Então, foi realmente uma reação “bem negacionista e bem raivosa”.

Segundo o Época, o livro do ex-ministro revela ainda o desfecho de uma reunião do Executivo brasileiro, no início da pandemia, quando Bolsonaro deu por terminada a mesma quando Luis Henrique Mandetta elogiou João Dória, o governador de São Paulo, pela forma como reagiu à crise sanitária.

O portal refere que o livro conta que Bolsonaro estava “extremamente irritado” por Dória dominar os noticiários brasileiros na altura.

“Foi assim que acabou a reunião”, pode ler-se no livro. “Um esforço tremendo, com a unanimidade dos ministros dizendo que ele não deveria ir por aquele caminho da negação, que daquele jeito ele estaria isolado, mas ele encerrou a reunião do mesmo jeito que entrou nela”.

No livro, Mandetta dá conta também de  várias reuniões em que achava que seria despedido, de “traições” e do dia em que sentiu que Bolsonaro lhe disse que sabia de todos os seus passos e por onde andava.

Na semana passada, no lançamento da publicação, Mandetta disse que o livro mostra que pode-se “ter um técnico”, mas “a política, no entanto, tem papel preponderante”.

Mandetta foi o primeiro ministro da Saúde do Governo de Bolsonaro. Entrou em janeiro de 2019 e saiu, depois de divergências, a 16 de abril.

  ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Parlamento aprova novo decreto sobre inseminação post mortem após veto de Marcelo

O Parlamento aprovou, esta sexta-feira, um novo decreto sobre a inseminação post mortem, com propostas de alteração do PS, BE, PCP, PAN e PEV para responder às dúvidas levantadas pelo Presidente da República no veto …

PJ faz buscas na provedoria da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa

A Polícia Judiciária (PJ) efetuou, na manhã desta sexta-feira, buscas na provedoria da Santa Casa de Misericórdia de Lisboa para "recuperação de documentação", no decurso de uma investigação da Unidade Nacional de Combate à Corrupção. Fonte …

Combate à corrupção e ao branqueamento recebe apenas "migalha" da bazuca

Dos 266,9 milhões de euros do PRR que serão investidos pelo Governo na área da Justiça, apenas 0,37% é destinado à PGR e ao DCIAP. O Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) prevê um investimento de …

Auditoria às sondagens das autárquicas. Não houve erro, mas "mecanismos" que mudaram opiniões

A auditoria interna realizada pela Intercampus às sondagens pré-eleitorais das últimas eleições autárquicas, que foram muito criticadas, não detetou erros. Assim, o que pode explicar as divergências são "mecanismos" que fazem mudar a opinião das …

Partidos alertam que demora no leilão do 5G está a atrasar a rede de alta velocidade em Portugal

O leilão para a quinta geração de comunicações móveis (5G) dura há quase 200 dias e está a atrasar a implementação da rede de alta velocidade em Portugal. Neste sentido, os partidos, tanto à esquerda como …

Rainha Isabel II está "bem-disposta" depois de passar noite no hospital e já voltou a Windsor

A visita ao hospital de Isabel II foi preventiva e nada teve a ver com a covid-19, confirmou a família real. A monarca vai continuar a descansar nos próximos dias. Depois de ter passado uma noite …

Caso Gabby Petito. Restos mortais encontrados pertencem ao namorado da jovem

As autoridades norte-americanas confirmaram que os restos mortais encontrados na quarta-feira são de Brian Laundrie. Identificação foi feita através de registos dentários. “No dia 21 de outubro de 2021, uma comparação de registos dentários confirmou que …

Rui Rio, líder do Partido Social Democrata (PSD)

Rui Rio apresenta hoje recandidatura à liderança no Porto

Depois de semanas a manter o tabu sobre a sua recandidatura, Rio decidiu mesmo avançar contra Paulo Rangel. O eurodeputado já saudou a decisão. O presidente do PSD, Rui Rio, apresenta hoje publicamente a sua recandidatura …

Trabalho não declarado passa a ser crime com pena de prisão até 3 anos

O Governo aprovou uma proposta de alteração à legislação laboral que prevê a criminalização do trabalho totalmente não declarado, com pena de prisão até três anos ou multa até 360 dias. Esta medida de combate ao …

"Não é o arguido que decide ter Alzheimer." Advogado de Salgado critica recusa em suspender o processo

Depois de o juiz que está a julgar o ex-presidente do Banco Espírito Santo (BES), no âmbito da Operação Marquês, ter recusado suspender o julgamento, Francisco Proença de Carvalho critica a decisão. O julgamento continua …