/

Navio que procura avião MH370 desapareceu por 3 dias (e ninguém sabe porquê)

2

O navio que está encarregue de procurar os destroços do avião MH370 da Malaysia Airlines, que desapareceu a 8 de Março de 2014, também sumiu dos radares durante três dias, sem que se saiba porquê.

As buscas pelos destroços do avião que desapareceu em Março de 2014, após ter levantado voo de Kuala Lumpur, na Malásia, prosseguem e sem sinais que ajudem a revelar um dos maiores mistérios da história da aviação civil.

Depois do envolvimento de investigadores da Austrália, da China e da Malásia, um navio da companhia norte-americana Ocean Infinity juntou-se às buscas, aguardando uma choruda recompensa caso encontre os destroços.

Ao cabo de apenas 10 dias de buscas, o navio desapareceu dos radares, com o seu sistema de identificação automática a ser desligado, reporta o jornal The Guardian.

O navio reapareceu três dias depois quando rumava a um ponto de abastecimento como estava previsto.

Nem o Governo da Malásia, nem os responsáveis do Ocean Infinity conseguem explicar o que aconteceu, o que dá origem a várias teorias da especulação. Alguns familiares dos tripulantes do voo admitem que o navio possa ter encontrado os destroços do MH370 e que tenha estado ocupado a encobri-los, durante os três dias do desaparecimento.

Mas também há especulações de que parou em alto mar para recuperar um tesouro perdido do navio peruano SV Inca que naufragou em 1911, quando rumava a Sidney, na Austrália.

  ZAP //

2 Comments

    • Pois foi, aproximou-se d’A Ilha da Madeira e passou 3 dias a curtir o pré-carnaval, dois de bebedeira e um de ressaca, ao maravilhoso estilo do Alberto Joao.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.