Vítor Bento: governo devia ponderar nacionalização do Novo Banco

RTP / Flickr

Vítor Bento, ex-presidente do Novo Banco

O ex-presidente do Novo Banco, Vítor Bento, considera que o governo pode optar por nacionalizar a instituição financeira para resolver os problemas que esta enfrenta.

Uma ideia que o economista defende em entrevista ao jornal Diário Económico, no qual constata que a nacionalização é “uma saída possível” para o Novo Banco e que “a venda não será já muito favorável”.

Para Vítor Bento, o futuro do chamado Banco Bom, nascido da queda do BES, depende de “uma opção política”, cabendo ao governo “estudar as várias alternativas” existentes para “ver qual a configuração que seria desejável ou conveniente ou menos disruptiva para a economia e para a sociedade portuguesa daqui por uns anos”.

Sobre uma possível venda, o ex-líder do Novo Banco nota que não é a melhor solução no imediato, porque “estamos num momento de vulnerabilidade da banca, em que os bancos estão todos com o valor de mercado abaixo do valor contabilístico”.

Vítor Bento destaca ainda na mesma entrevista que “o problema dos lesados do BES já devia ter sido resolvido” e diz que o conflito público entre o primeiro-ministro, António Costa, e o governador do Banco de Portugal, Carlos Costa, “é penoso para a sociedade em termos de confrontos institucionais na praça pública”, embora note que não é “inédito”.

Na quinta-feira passada, o primeiro-ministro sublinhou ter considerado “lamentável” a forma como se arrasta a situação dos lesados do BES, “que é dramática para muitas famílias que confiaram as suas poupanças numa instituição e muitas delas foram logradas nessa confiança”.

Costa indicou ainda Diogo Lacerda Machado, seu amigo e homem de confiança, para liderar as negociações entre o BdP e a CMVM com vista a chegar a um entendimento sobre esta questão.

Na sequência destas críticas, também Carlos César, líder do grupo parlamentar do PS, apontou o dedo ao governador do Banco de Portugal e à atuação de Carlos Costa.

“Há uma realidade que os portugueses vivem de alguma falta de confiança, ou pelo menos de uma avaliação frágil, quer dos depositantes, quer dos utilizadores do sistema bancário, em relação ao regulador, o Banco de Portugal”, defendeu.

Apesar de todas estas pressões, tanto da parte do Governo como dos socialistas, Carlos Costa estará decidido a resistir e não se vai demitir do cargo, até porque tem a salvaguarda da lei, algo que dificulta a sua demissão.

ZAP

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. É melhor do que o vender ao desbarato como foi o BPN e o BANIF. Já deviam ter estes casos como experiência e que só trouxe mais perdas para os contribuintes.

  2. Com um governo de esquerda e extrema-esquerda sempre na defesa de tudo o que é nacionalizado não percebo porque razão o senhor Costa foi tão lampeirinho entregar o BANIF de mão beijada onde o Estado já detinha mais de 60% de capital, agora tem aqui uma oportunidade para nacionalizar o Novo Banco.

RESPONDER

Criança nasce com duas bocas nos EUA. É o 35.º caso registado desde 1900

A menina, nascida nos Estados Unidos, foi operada ao seis meses para remover a cavidade oral secundária, que incluía dentes, língua e um lábio. Uma bebé nasceu nos Estados Unidos com duas bocas, devido a uma …

Funcionários do Facebook em "greve virtual" face à recusa de Zuckerberg em agir contra Trump

Os funcionários do Facebook estão insatisfeitos com a decisão do fundador da rede social de manter uma postura neutra perante as recentes publicações do Presidente dos Estados Unidos. De acordo com o jornal The Guardian, os …

Inteligência Artificial recria "verdadeiro" rosto de Napoleão Bonaparte

Recorrendo a uma técnica de Inteligência Artificial, um artista holandês criou um retrato em alta definição do imperador francês Napoleão Bonaparte. O fotógrafo freelancer holandês Bas Uterwijk, cujo pseudónimo é Gandbrood, recorreu a uma rede neuronal …

"Apito" da covid-19. Novo teste deteta novo coronavírus em apenas um minuto

Uma equipa de cientistas da Universidade Ben-Gurion, em Israel, desenvolveu um novo dispositivo que é capaz de detetar a presença do novo coronavírus no organismo humano em apenas um minuto. O novo teste, desenvolvido pelos investigadores …

"We Call it Alentejo". Novo filme promocional destaca as maravilhas alentejanas

A gastronomia e vinhos, as pequenas aldeias, a sustentabilidade e a natureza são atributos do Alentejo evidenciados no mais recente filme promocional do território, lançado pela agência regional de promoção turística para chamar visitantes estrangeiros. Com …

Curandeiro convocou cerca de 100 pessoas para se abraçarem contra a "farsa" da pandemia

Josep Pàmies, um agricultor espanhol defensor das terapias alternativas, convocou cerca de 100 pessoas a abraçarem-se a beijarem-se contra a "farsa" da pandemia. No sábado, cerca de uma centena de pessoas juntaram-se em Balanguer, na província …

Rússia anuncia início de ensaios clínicos de uma vacina contra a covid-19

A Rússia vai começar os ensaios clínicos de uma vacina contra a covid-19 em 50 soldados que se ofereceram para participar nos testes, anunciou esta terça-feira o Ministério da Defesa. "Para verificar a segurança e eficácia …

Montenegro tem uma carta na manga para promover o turismo

Para incentivar o turismo, Montenegro tem a intenção de usar a carta da segurança sanitária para convencer os turistas estrangeiros a visitar o país. No dia 25 de maio, Montenegro declarou-se um "país livre de coronavírus" …

O jogo em Macau também é uma vítima da covid-19

As receitas do jogo em Macau caíram 93,2% em maio, em relação a igual período de 2019, quando já se registavam fortes restrições nas fronteiras da capital mundial dos casinos para conter a pandemia da …

Bebé inglês é o primeiro no mundo a participar num ensaio clínico com canábis

O ensaio clínico, que está a ser realizado no Reino Unido, pretende perceber se este é um método seguro e eficaz para reduzir o risco de lesões cerebrais nos recém-nascidos com encefalopatia hipóxico-isquémica. De acordo com …