Ministro demitido culpa filho de Bolsonaro

Tânia Rêgo / Agência Brasil

O ex-ministro da secretaria-geral da Presidência do Brasil, Gustavo Bebianno, afirmou esta quarta-feira que o filho do Presidente brasileiro Carlos Bolsonaro foi o responsável pela sua exoneração do governo.

Numa entrevista à rádio Jovem Pan, Bebianno criticou a postura do filho do chefe de Estado, chegando mesmo a afirmar que foi “demitido por Carlos Bolsonaro” e que este “inflamou a cabeça do pai”.

A minha indignação é ter servido como um soldado leal, disposto a matar e morrer, e, no fim da linha, ser crucificado, tendo levado um tiro nas costas, sendo chamado de tudo o que há porque o senhor Carlos Bolsonaro fez macumba psicológica na cabeça do pai. Eu não posso admitir isso, não é correto”, declarou o ex-governante

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, que demitiu na segunda-feira o ministro da secretaria-geral, Gustavo Bebianno, afirmou, num vídeo partilhado nas redes sociais, que o motivo da exoneração deveu-se a “diferentes pontos de vista sobre questões relevantes”.

Porém, Gustavo Bebianno garante que Jair Bolsonaro “sofreu” com a sua exoneração: “Tenho a certeza de que ele tomou essa decisão com uma dose grande de sofrimento. Eu sempre vi nos olhos dele um grande carinho por mim”, afirmou à rádio Jovem Pan.

As críticas do ex-ministro ao filho do chefe de Estado foram constantes ao longo da entrevista, tendo Bebianno declarado que Carlos “coleciona inimigos”. “Se o Carlos fosse meu filho, eu estaria preocupado, porque ele coleciona inimigos”, afirmou, acrescentado que este “vive de teorias da conspiração, vive dentro de uma caixa”.

Bebianno relatou ainda que foi “diversas vezes” agredido verbalmente por Carlos, que é também vereador no Rio de Janeiro, no decorrer da campanha presidencial de 2018.

Apesar de ter sido exonerado, Gustavo Bebianno frisou que não tenciona atacar o chefe de Estado do Brasil, classificando-o como “um homem correto”. “Tenho caráter, não vou atacar o nosso Presidente, que é um homem correto”, acrescentou convicto de que o atual governo vai resultar.

Apesar de Gustavo Bebianno estar alegadamente envolvido em transferências monetárias relacionadas com “candidatos fantasma”, Bolsonaro afirmou que continua a acreditar na “seriedade” do agora ex-ministro.

Bebianno tornou-se o primeiro governante a deixar o executivo de Bolsonaro, após ter sido o protagonista da primeira crise que o atual governo enfrenta.

Na última semana, o jornal brasileiro Folha de S. Paulo noticiou que o Partido Social Liberal (PSL), de Bolsonaro, atribuiu 400 mil reais (95 mil euros) a uma candidata a deputada federal em Pernambuco três dias antes das eleições e que teve apenas 274 votos. Segundo o mesmo jornal, o dinheiro terá sido entregue à candidata a pedido do agora demitido Gustavo Bebianno, que, à data, era presidente do PSL.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. “macumba psicológica”
    Hahahaaaaa…
    Ai Brasil, Brasil…
    O que se pode esperar de um governo cheio de fanaticos religiosos/doentes mentais?!

RESPONDER

YouTube remove vídeos que vinculam falsamente a Covid-19 ao 5G

A onda de teorias falsas que ligam a pandemia da COVID-19 ao 5G levou a uma série de incidentes, incluindo ameaças a engenheiros. Agora, o YouTube está a reprimir essa desinformação. O YouTube informou que removerá …

Engenheiros construiram um ventilador caseiro. Pode servir como "último recurso"

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Vanderbilt, nos Estados Unidos, construiu um ventilador caseiro que pode ser usado como último recurso. A pandemia de covid-19 continua a desafiar as comunidades médicas e uma das ameaças …

Sepultura de genocídio encontrada no Ruanda pode conter 30 mil corpos

No Ruanda, foi encontrada uma sepultura que pode conter 30 mil vítimas do genocídio no país em 1994. Cerca de 800 mil tutsis e hutus moderados foram assassinados. Mais de 25 anos depois de um genocídio …

Belenenses SAD entra parcialmente em lay-off

"A indústria do futebol está entre as mais atingidas pelos efeitos da pandemia", que provocou a suspensão de praticamente todas as provas futebolísticas, destaca o Belenenses SAD. O Belenenses SAD, da I Liga de futebol, entrou …

Dois milhões de máscaras furtadas em Espanha podem ter sido vendidas em Portugal

O equipamento médico e sanitário furtado está avaliado em cinco milhões de euros e terá sido adquirido por uma empresa portuguesa que conhecia a proveniência do material. Um empresário de Santiago de Compostela foi detido por, …

Facebook terá tentado comprar um software de espionagem em 2017

O Facebook tem estado envolvido em vários escândalos e o mais recente está relacionado com a alegada compra da ferramenta Pegasus, usada para hackear iPhones. A empresa de segurança informática NSO Group, responsável pela Pegasus, alega …

Primeiro-ministro espanhol diz que coronavírus desafia o futuro da UE. E fá-lo em sete idiomas

O primeiro-ministro espanhol Pedro Sánchez publicou no domingo um artigo em sete idiomas europeus, argumentando que o coronavírus pode ser a ruína da União europeia (UE) caso não sejam tomadas medidas mais drásticas para lidar …

Viseiras de Leiria despertam cobiça. Bélgica e EUA queriam comprar toda a produção

Várias empresas de moldes e plásticos da região de Leiria estão a fabricar viseiras de protecção contra a Covid-19. Uma adaptação em tempos de pandemia que está a levantar atenção no estrangeiro, com EUA e …

Apple vai começar a produzir um milhão de máscaras por semana

O presidente da Apple, Tim Cook, anunciou que a empresa poderá produzir um milhão de máscaras por semana a partir do próximo fim de semana. Tim Cook explicou, na sua conta da rede social Twitter, que …

Robert Weighton é o homem mais velho do mundo. Tem 112 anos

Com 112 anos completados no dia 29 de março, o britânico Robert Weighton tornou-se o homem mais velho do mundo. Robert Weighton nasceu no dia 29 de março de 1908, em Kingston-Upon-Hull, no Yorkshire. Ao longo …