Dos 200 euros aos 19 milhões. Ministério já começou a publicar ajustes diretos na Saúde

Tiago Petinga / Lusa

O Ministério da Saúde já começou a publicar no portal Base todos os ajustes diretos que está a realizar no âmbito da pandemia do novo coronavírus (covid-19), que já fez mais de mil vítimas mortais em Portugal.

Os ajustes direitos (sem concurso) em causa começaram a ser publicados nesta quarta-feira, tal como prometeu a ministra da Saúde, Marta Temido, depois de surgir alguma polémica por causa da alegada omissão de contratos.

No portal Base foram agora publicados dezenas de contratos firmados nestes moldes que vão desde valores mais baixos (200 euros) até 19 milhões de euros, valor que exigiria, em circunstâncias normais, a um concurso público, escreve a Rádio Renascença.

A pandemia obrigou contudo à aplicação de uma legislação especial que simplifica os procedimentos de contratação na aquisição de material através de ajuste direto. Todos os contratos têm de ser publicados no portal Base por questões de transparência no prazo de 20 dias, segundo a orientação técnica que consta do portal da contratação pública.

A RR, que consultou os contratos que constam no portal Base, refere que o contrato com valor mais elevado até agora publicado (19 milhões de euros) diz respeito a um ajuste direto com a FHC Farmacêutica, empresa de Mortágua (distrito de Viseu) para a aquisição de equipamento médico no âmbito da epidemia do novo coronavírus.

O segundo valor mais elevado (13,8 milhões de euros) foi firmado com uma empresa do grupo Luz Saúde para a compra de máscaras e testes de diagnóstico.

Surge depois a empresa Raclac de Famalicão (distrito de Braga), que vendeu à Direção-Geral da Saúde batas, máscaras, toucas, fatos de proteção e protetores de calçado.

Na passada terça-feira, durante uma visita ao Hospital Pedro Hispano, em Matosinhos, Marta Temido revelou que a despesa na Saúde com este tipo de contratos rondava os 80 milhões euros, devendo este valor ser já muito superior, segundo a RR.

Rio quer MP “muito atento” a contratos

O presidente do PSD defendeu esta quarta-feira que o Ministério Público deve estar “muito atento” aos ajustes diretos que forem feitos no âmbito da pandemia de Covid-19, considerando “inadmissível” que possa ter havido uma tentativa de “privilégio de amigos”.

Em entrevista à “CMTV”, Rui Rio foi questionado sobre uma notícia avançada na quinta-feira pelo “Correio da Manhã”, segundo a qual o Ministério da Saúde está a fazer negócios milionários por ajuste direto, sem publicar ou assinar contrato escrito, com fornecedores de equipamentos de proteção individual, tais como máscaras e álcool em gel, num montante total de 79,8 milhões de euros entre de meados de março e 23 de abri

“Vejo não é mal, é muito, muito mal. Uma coisa é percebermos que o Estado e as autarquias, no auge da pandemia, têm de comprar mascaras, testes e não podemos fazer um concurso público e ficar meses à espera. Coisa diferente é quando não é um ajuste direito de milhares de euros, mas de milhões, e depois é do amigo daqui ou dali”, afirmou.

O líder do PSD disse estar “muito preocupado” com esta possibilidade e considerou “inadmissível” se “alguém começa a privilegiar uns amigos ou começa a tentar ganhar dinheiro” com a doença. “Se isso aconteceu ou vier a acontecer, acho altamente reprovável e no PSD vamos estar muito atentos – para dentro e para fora, para os do meu partido ou de outro – e o que eu espero é que o Ministério Público esteja muito atento”, apelou.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

O antigo campo magnético da Lua pode ter servido de "escudo" para atmosfera da Terra

Há 4 mil milhões de anos, a Lua pode ter protegido a atmosfera Terra, através do seu já extinto campo magnético, do Sol, sugere uma nova investigação, levada a cabo por um especialista da agência …

Coloridos e selados. Descobertos no Egito sarcófagos com mais de 2.500 anos

As autoridades egípcias anunciaram esta segunda-feira a descoberta de uma coleção de sarcófagos datados de há mais de 2.500 anos, na zona arqueológica de Sakkara, a sul da cidade do Cairo. Em comunicado, citado pela agência …

Nokia vai criar para a NASA a primeira rede móvel operacional na Lua

O grupo finlandês Nokia vai fabricar para a NASA aquela que será a primeira rede móvel móvel na Lua, como parte de um projeto de base humana permanente da agência espacial norte-americana, foi esta segunda-feira …

Sarkozy acusado de "associação criminosa". Investigação sobre ligações à Líbia continua

Nicolas Sarkozy, o antigo Presidente francês, está a ser acusado de "associação criminosa" como parte de uma investigação sobre o financiamento da sua campanha presidencial de 2007, particularmente acerca dos seus alegados vínculos com o …

A última década foi a mais quente do Oceano Atlântico em três milénios

A última década foi a mais quente do Oceano Atlântico em quase três milénios, aponta uma nova investigação da Universidade de Massachusetts em Amherst, nos Estados Unidos, e da Universidade de Quebec, no Canadá. As …

NASA apresenta rover "transformer" que vai explorar os penhascos íngremes de Marte

A NASA acaba de apresentar um rover de quatro rodas, denominado DuAxel, que se pode dividir em dois rovers de duas rodas separados. O robô foi projetado para, um dia, explorar alguns dos terrenos mais …

Veneno de vespa pode ter muito "potencial" na composição de antibióticos

Com o passar dos anos, a população começa a ficar mais resistente a certos medicamentos e estes deixam de fazer efeito. Agora, uma equipa de investigadores desenvolveu novas moléculas anti-microbianas a partir do veneno de …

"Ou és infetado ou morres de fome". Trabalhadores da Amazon nas Filipinas denunciam condições precárias

Trabalhadores contratados pela empresa de segurança Ring da Amazon que trabalham em call centers nas Filipinas denunciam condições de trabalho que dizem ser precárias, mostrando-se ainda mais preocupados com a situação por causa da pandemia …

"Momento muito duro". André Almeida sofreu rotura de ligamentos e arrisca paragem longa

O futebolista internacional português André Almeida sofreu uma entorse do joelho direito, que resultou numa “rotura do ligamento cruzado anterior e do ligamento lateral interno”, informou esta segunda-feira o Benfica. O lateral dos encarnados saiu aos …

Apoio à retoma. Empresas com perdas de 25% podem reduzir horário até 33% já esta terça-feira

Empregadores com quebra de faturação igual ou superior a 25% vão poder reduzir até 33% o horário dos trabalhadores, entre outubro e dezembro, segundo a alteração ao regime de retoma progressiva de empresas em crise. O …