Médico de família para todos até ao final do próximo ano “é a prioridade”

Portugal.gov.pt

Raquel Duarte, secretária de Estado da Saúde.

A secretária de Estado da Saúde, Raquel Duarte, disse que a prioridade é garantir médico de família a todos os cidadãos até ao final do próximo ano. Atualmente há mais de 700 mil pessoas sem médico de família.

Numa entrevista concedida ao jornal Público, a secretária de Estado da Saúde, Raquel Duarte prevê que seja possível garantir um médico de família a todos os cidadãos até ao final de 2020. Isto porque o saldo entre novos médicos e aqueles que se estão a reformar é bastante positivo.

Raquel Duarte revelou que o modelo de constituição de Unidades de Saúde Familiar (USF) e a forma de remuneração estão a ser avaliadas e relembrou que “não há cidadãos de primeira e de segunda” e que o objetivo primário é “a saúde da população”.

Com mais de 700 mil pessoas sem médico de família, o objetivo do Governo passa agora por alargar os modelos de USF A, com incentivos institucionais, e de USF B, com incentivos financeiros por desempenho.

“Eu acredito no modelo USF e acredito que, particularmente os mais jovens que fazem formação neste modelo, vão querer replicá-lo e isso vai ter o efeito de contágio”, defendeu a secretária de Estado da Saúde, e explicou que mais do que a estrutura em si, “a cobertura de médico de família é que é a prioridade“.

Raquel Duarte alertou ainda para algumas discrepâncias no território nacional, no qual o Norte está muito bem, mas zonas como Lisboa e Algarve têm uma maior falta de médicos de família.

No entanto, a secretária de Estado mostra-se otimista e diz que “se, no concurso lançado esta quinta-feira, os cerca de 400 médicos de família ficarem todos — e se cada um tiver uma lista de cerca de 1900 utentes —, conseguimos cobrir toda a população“.

Em sentido contrário, “há um pico de reformas“. Este ano serão 200 e no próximo ano calcula-se que sejam cerca de 300. Contudo, com a entrada de 400 médicos por ano, prevê-se que a cobertura de toda a população por médicos de família “seja conseguida no final de 2020, se não houver grandes perturbações”.

A secretária de Estado da Saúde foi ainda confrontada pelo facto de 40% dos país não estar coberto por Unidades de Saúde Familiar, apesar de o Governo ter instituído quotas anuais para a criação de USF. Raquel Duarte explicou que está a ser feita uma “avaliação da estratégia” e que “as quotas vão sendo ajustadas”.

Além disso, destacou que o compromisso de chegar às cem USF até ao fim da legislatura vai ser cumprido e ultrapassado — terão 103 por todo o país. Adicionalmente, Duarte assegura que a diferença de remuneração entre as USF A e B será revisto e reavaliado com cuidado.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Erro clínico. Centenas de hóspedes em quarentena em hotel da Austrália vão ter de fazer teste ao VIH

Centenas de pessoas que estiveram em quarentena no hotel Victoria, na Austrália, vão ter de fazer o teste de doenças transmitidas pelo sangue, incluindo VIH, devido a um erro dos profissionais de saúde daquele local …

Forças Armadas dos EUA estão a adquirir coletes à prova de bala adaptados para mulheres

As Forças Armadas dos EUA estão a dar grandes passos no que diz respeito à igualdade de género. A instituição está a começar a mudar os seus coletes à prova de bala, de forma a …

Abstenção do PCP no OE2021? É um excelente indicador, diz Costa

O primeiro-ministro, António Costa, considerou um “excelente indicador” o PCP ter anunciado a abstenção no Orçamento do Estado de 2021 (OE2021) e resultado de um entendimento “para ter um bom orçamento para o próximo ano”. “É …

Egito abre restaurante com vista de luxo para as pirâmides de Gizé

O Egito inaugurou um novo restaurante com vista panorâmica para as pirâmides. O investimento faz parte de uma tentativa de reavivar o turismo no país. O Egito revelou novas instalações para os visitantes no planalto nas …

Novo recorde. Portugal regista mais 3.669 casos de covid-19

Portugal regista este sábado 3.669 novos casos de infeção com o novo coronavírus, responsável pela covid-19, o valor diário mais elevado desde o início da pandemia, e mais 21 mortes relacionadas com a covid-19, segundo …

Câmara do Porto encerra cemitérios nos dias 31 de outubro e 1 e 2 de novembro

O presidente da Câmara do Porto anunciou o encerramento dos cemitérios em 31 de outubro e 1 e 2 de novembro, justificando a decisão com a necessidade de desviar meios para cumprir a proibição de …

Rui Vitória de saída do Al Nassr

O treinador português Rui Vitória está de saída do Al Nassr, avança este sábado o canal árabe 24Sports. A saída de Rui Vitória, que em janeiro de 2019 deixou o comando técnico do Benfica, surge …

Casamento com 200 pessoas autorizado em Arruda dos Vinhos. Câmara contesta

O presidente da Câmara de Arruda dos Vinhos criticou a decisão da autoridade de saúde de autorizar a realização de um casamento “com cerca de 200 pessoas”, considerando que vai colocar a população do concelho …

Novo Banco desmente demissão de gestores após polémicas com Fundo de Resolução e Vieira

O Novo Banco veio a público desmentir a notícia do Público que alega que três gestores de topo da instituição se demitiram, após divergências internas envolvendo várias polémicas relacionadas com o Fundo de Resolução, com …

Milhões da bazuka europeia só chegam em junho

Portugal e os restantes Estados-membros das União Europeia (UE) só deverão receber os respetivos fundos da bazuka europeia de apoio à retoma no pós-pandemia na segunda metade de 2021, em meados de junho. A confirmar-se …