Matemática portuguesa diz que basta 20% da população infetada para atingir imunidade de grupo

Sebastião Moreira / Lusa

A matemática portuguesa Gabriela Gomes sugere que basta que apenas 20% da população fique infetada com o novo coronavírus para atingir a imunidade de grupo.

Vários especialistas sugerem que para atingir a imunidade de grupo é necessário que 70% da população portuguesa fique infetada com o novo coronavírus. Agora, a matemática Gabriela Gomes defende que basta apenas 20% da população para o conseguir. Se, no início da pandemia, mostrava-se algo cética, agora, com a evolução da doença, tem ainda mais confiança nos seus cálculos.

“Os indivíduos não são igualmente suscetíveis, nem estão expostos ao mesmo volume de contactos. Entre as diferentes pessoas não é igual o grau de infecciosidade caso sejam infetadas”, explicou a matemática portuguesa em declarações ao Expresso.

É com base nesta heterogeneidade que o seu modelo oferece uma perspetiva mais otimista, diferenciando-se dos outros cálculos que usam a sigla SEIR – suscetibilidade, pessoas expostas não infecciosas, pessoas já infecciosas e pessoas recuperadas. O modelo adotado pela investigadora da Universidade de Strathclyde, na Escócia, “divide cada um desses grupos em milhares de outros”.

A equipa de Gabriela Gomes limitou-se a aplicar aos dados da covid-19 os modelos cujos princípios foram anteriormente estudados em doenças como a malária, dengue e outras.

“De acordo com as previsões tradicionais, o levantamento das restrições mais duras levaria a uma subida imediata do número de casos, de forma igualmente agressiva, o que não aconteceu”, explicou ao Expresso.

Os dados de maio e junho deram ainda mais certezas à especialista de que o seu modelo, que prevê uma percentagem que é cerca de um terço daquela que os modelos tradicionais estimam, estava correto.

“Com um liminar de imunidade a rondar os 10%, como nós estimamos para Portugal, a infeção já terá pouca força e o risco será baixo. Espera-se que a força de infeção aumente um pouco no inverno, mas esse aumento será sempre proporcional ao número de pessoas que permanecerem suscetíveis. Ou seja, quando mais a suscetibilidade diminuir por infeção natural no verão menores serão os surtos no inverno”, acrescentou.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. A ideia de “Imunidade de Grupo”, em respeito a uma colectividade com alta taxa de idosos, teria efeitos colaterais, que se traduziriam em perca de vidas humanas desnecessárias, além de por em risco todo o sistema de Saúde que seria rapidamente sobrecarregado e impotente em enfrentar a situação. Não só considero esta ideia perigosa como criminosa !

RESPONDER

Cientistas criam material de "auto-reparação" mais resistente do mundo (e é perfeito para ecrãs de telemóveis)

Investigadores do Instituto Indiano de Educação e Investigação Científica (IISER, na sigla em inglês) podem ter encontrado o material perfeito para fazer os ecrãs de smartphones: transparente, resistente e que a capacidade de se "auto-curar" …

"A bitcoin vai criar a paz mundial"

A rainha das moedas digitais, se não construir a paz no planeta, vai ajudar na pacificação entre os seres humanos. É a opinião de Jack Dorsey. É o centro de atenções de muitos investidores, é o …

"Burrolandia". Parque temático de burros no México está a tentar salvar estes animais

Um parque temático de burros no México serve de santuário a estes animais que estão aos poucos a desaparecer no país. "O burro ajudou o homem por muito tempo. É hora de retribuirmos o favor", …

Uma mão robótica que joga Super Mario Bros na Nintendo? Sim, existe

Uma equipa de investigadores da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, imprimiu em 3D peças para criar uma mão robótica capaz de jogar Super Mario Bros na Nintendo.  A mão robótica é totalmente montada com circuitos …

"Narco Drones" apanhados a entregar drogas numa prisão chilena

Reclusos e cúmplices no exterior estão a usar drones para contrabandear droga para a prisão mais antiga do Chile. As autoridades chilenas descobriram que o esquema de contrabando tinha como objetivo transportar drogas para a Ex …

Erupção do vulcão Etna causa problemas económicos na Sicília

Nos últimos meses, o vulcão Etna tem estado em constante erupção e o custo de limpeza das cinzas está a deixar muitas cidades da Sicília à beira da falência. O vulcão Etna – um dos mais …

Argentina cria documento de identidade para pessoas não binárias

O Presidente da Argentina anunciou, esta semana, que o país tem um novo documento de identidade para incluir pessoas não binárias. É o primeiro país da América Latina a fazê-lo. De acordo com o chefe de …

Costa diz que Portugal vai ter "o dobro" de fundos comunitários para investir

O primeiro-ministro afirmou, este sábado, que Portugal vai contar, nos próximos sete anos, com "o dobro" de fundos comunitários para investimento, considerando que esta "é uma oportunidade única" que não pode ser desperdiçada. "Vamos ter a …

Chinesa morre após salvar a filha de deslizamento de terra. Bebé esteve 24 horas nos escombros

Uma mulher morreu após salvar o seu bebé quando um deslizamento de terra e uma forte inundação atingiram a sua casa na China, revelam as equipas de resgate. Como noticia a BBC, a bebé foi resgatada …

Caso Ihor. IGAI pede expulsão do ex-diretor de fronteiras do SEF

A Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) já entregou ao ministro Eduardo Cabrita o relatório final do processo disciplinar contra o inspetor coordenador do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) António Sérgio Henriques, que propõe a …