/

Marcelo Rebelo de Sousa em isolamento após contacto com caso positivo

Estela Silva / Lusa

O Presidente da República encontra-se em isolamento profilático preventivo, depois de ter tido conhecimento que teve contacto com uma pessoa infetada pelo novo coronavírus.

De acordo com a nota publicada no site da Presidência da República, Marcelo Rebelo de Sousa “teve contacto, na passada segunda-feira, com um elemento da Casa Civil, cujo resultado positivo ao SARS-CoV-2 foi conhecido esta manhã”.

O chefe de Estado encontra-se em isolamento profilático preventivo, “aguardando as diligências das autoridades de saúde, que estão a proceder à análise de risco”, lê-se na mesma nota.

Segundo a SIC Notícias, o elemento da Casa Civil infetado é Paulo Magalhães, assessor de imprensa do Presidente da República.

Fonte da Presidência, citada pelo jornal online Observador, disse que o Presidente está “esperançoso” que as autoridades de saúde o libertem quando falarem com ele, já que os vários contactos com o caso positivo foram de “curta duração e sempre com máscara”.

Recorde-se que começa na próxima segunda-feira o período oficial de campanha eleitoral para as Presidenciais de 24 de janeiro.

Esta quarta-feira, o Presidente tem agendado um debate televisivo com o candidato do Chega, André Ventura, que vai ser transmitido na SIC, a partir das 21h00. Segundo o semanário Expresso, Marcelo já garantiu a sua presença neste frente a frente, ainda que de forma remota, por vídeo conferência.

O canal televisivo responsável pelo debate também já anunciou que “o debate será presencial ou à distância, conforme as indicações que a DGS der à Presidência da República” e acrescenta que a “candidatura de André Ventura já foi avisada desta situação e concorda com a manutenção do debate para esta noite”.

Entretanto, na sua conta do Twitter, o líder do Chega já reagiu à situação. “Ele há coincidências (quase) providenciais…”, escreveu, de forma irónica.

A 17 de dezembro, o primeiro-ministro, António Costa, também teve de ficar em isolamento profilático preventivo durante 14 dias depois de ter contactado com o Presidente francês, Emmanuel Macron, que testou positivo ao novo coronavírus.

E também não é a primeira vez que o próprio Presidente fica em isolamento. Em março, logo no início da pandemia, Marcelo ficou fechado em sua casa, por precaução, depois ter estado em contacto com alunos de uma escola encerrada por causa do novo coronavírus.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.