Lula acredita que vai ser “o próximo” detido no escândalo da Petrobras

Antonio Cruz / Agência Brasil

Lula da Silva e Dilma Rousseff

Lula da Silva e Dilma Rousseff

Luiz Inácio Lula da Silva, ex-Presidente do Brasil, teme ser detido no âmbito da Operação Lava Jato, que investiga os subornos feitos a funcionários da Petrobras por contrutoras.

Este fim de semana, foram detidos 12 executivos das duas maiores empresas de construção do Brasil, a Odebrecht e a Andrade Gutierrez, incluindo os respetivos presidentes, Marcelo Odebrecht e Otávio de Azevedo.

Eu sou o próximo“, terá dito Lula, de acordo com fontes próximas do ex-presidente, citadas pela Folha de S. Paulo.

O presidente do Brasil de 2003 a 2010 terá confidenciado a aliados que é o próximo alvo da polícia devido à relação próxima com a Odebrecht, empresa que patrocinou viagens de Lula ao estrangeiro para ajudar a fomentar negócios na África e América Latina.

Um dos executivos presos este fim de semana é precisamente Alexandrino Alencar, diretor da Odebrecht que acompanhava Lula nestas viagens patrocinadas pela empreiteira.

Sem direito a imunidade, dado que atualmente não ocupa nenhum cargo público, Lula da Silva mostrou-se preocupado por poder ser chamado a prestar depoimentos a qualquer momento.

O nome de Lula é citado em documentos apreendidos no âmbito da 14ª etapa da Operação Lava Jato, denominada Erga Omnes (“para todos” em latim).

Apesar do rumor de que outros partidos serão afetados pelo envolvimento, a tensão é maior entre os militantes do Partido dos Trabalhadores, de Lula e Dilma. A Folha refere que, desde o fim de 2014, a informação que circulava no meio empresarial e político era de que Marcelo Odebrecht não “cairia sozinho” caso fosse preso.

“Degrau a degrau, a operação Lava Jato chega ao topo da cadeia alimentar dos negócios das construtoras”, resume a jornalista Dora Kramer no Estadão.

A Operação Lava Jato investiga o esquema de suborno das construtoras brasileiras a funcionários da Petrobras para obter a licitação em obras da estatal. Parte do dinheiro das luvas era depois canalizado para o financiamento de partidos políticos, a maioria dos quais da base aliada do governo liderado pelo PT de Lula e Dilma. Antes dos líderes das duas maiores construtoras brasileiras, já tinham sido detidos membros de nove empreiteiras menores.

De acordo com a Polícia Federal e o Ministério Público Federal (MPF), a Odebrecht e a Andrade Gutierrez, no entanto, ao contrário das demais investigadas, recorriam a um esquema “mais sofisticado” de pagamento de subornos a agentes públicos e políticos através de contas no exterior, o que exigiu maior aprofundamento das investigações antes do pedido de prisão dos diretores das empresas.

ZAP

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. As “imunidades” não são retroativas.
    Só agora porque eventuais crimes prepertrados no exercício ao serviço do povo não prescrevem após perda de eventuais imudidades! Lá como cá. Doa a quem doer…
    A democracia só o é depois do poder legislativo propiciar instrumentos que permitam ao poder judicial actuar de forma efectivamente independente do poder político, por serem o garante do estado de direito democrático.

RESPONDER

Bloco faz ultimato: vota contra o OE se até 4ª feira o Governo "insistir em impor recusas"

A coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, avisou este domingo que o BE votará contra o orçamento se até quarta-feira “o Governo insistir em impor recusas onde a esquerda podia ter avanços”, mantendo, no …

Nova faca de madeira é três vezes mais afiada do que as de aço - e pode ser lavada após ser usada

Através do uso de métodos alternativos, uma equipa de cientistas criou uma nova forma endurecida da madeira que pode ser transformada em facas afiadas. A equipa da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, refere que as …

Áustria planeia confinar não vacinados contra covid-19

O governo austríaco anunciou que, se ocupação de camas de Unidades de Cuidados Intensivos com pacientes covid-19 atingir nível crítico, pessoas não imunizadas poderão sair de casa apenas em casos excepcionais, como compras essenciais e …

"Deixa os homens cantar". Ex-paraquedistas vaiam e pedem demissão do ministro da Defesa

Centenas de ex-paraquedistas vaiaram e pediram hoje a demissão do ministro da Defesa e do Chefe do Estado Maior do Exército durante a cerimónia militar nas comemorações do Dia do Exército, em Aveiro. A iniciativa, que …

Portugal com mais quatro óbitos e 604 casos de covid-19

Portugal regista hoje mais 604 novos casos de covid-19 confirmados e quatro óbitos pela doença, assim como mais 243 pessoas recuperadas e menos internamentos em enfermaria e unidades de cuidados intensivos, segundo o boletim oficial. De …

Retrato de Monsieur Lavoisier e a sua esposa Marie-Anne-Pierrette Paulze.

Análise revela composição secreta debaixo de retrato de Lavoisier

Um icónico retrato do químico francês Antoine-Laurent de Lavoisier e da sua esposa, Marie-Anne, mostrou ter uma composição escondida debaixo dele. Antoine-Laurent de Lavoisier foi um químico francês fundamental para a revolução deste campo científico no …

Combustíveis: governantes "não fizeram o trabalho de casa"

A presidente executiva da OZ Energia, Micaela Silva, defendeu que o “Governo devia intervir menos” no mercado dos combustíveis, porque é liberalizado e não tem margens excessivas de comercialização, mas é “muito penalizado” pela quantidade …

Implante cerebral permite que paciente totalmente cega consiga ver formas e letras

Os cientistas da Universidade Miguel Hernández de Elche (UMH), em Espanha, fizeram com que uma mulher completamente cega conseguisse ver formas simples e letras, através da colocação de um implante no seu córtex visual. Os investigadores …

Teoria dos primatas pedrados. Podem os cogumelos mágicos ter sido a chave para a nossa evolução?

A teoria já era conhecida desde os anos 90, mas um novo estudo veio trazê-la à baila novamente. O argumento é de que os cogumelos com efeitos psicadélicos podem ter ajudado a tornar os nossos …

Ainda sem fumo branco para o OE, Bloco e PCP reúnem órgãos máximos

O PCP e o Bloco de Esquerda reúnem hoje os respetivos órgãos máximos entre congressos com a proposta orçamental para 2022 no centro do debate. As conclusões da reunião da Mesa Nacional do BE serão apresentadas …