Ex-líder da Câmara dos Deputados chama Temer e Lula para testemunhas de defesa

Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou por 450 a favor, 10 contra e 9 abstenções a cassação do mandato do deputado afastado Eduardo Cunha

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou por 450 a favor, 10 contra e 9 abstenções a cassação do mandato do deputado afastado Eduardo Cunha

O ex-presidente da Câmara dos Deputados do Brasil, Eduardo Cunha, detido preventivamente, convocou o Presidente da República, Michel Temer, e o ex-chefe de Estado Lula da Silva para suas testemunhas de defesa, avança esta quarta-feira a imprensa local.

Segundo o portal de notícias G1 e a rádio CBN, a convocação de 22 testemunhas faz parte da defesa prévia de Eduardo Cunha, e é a primeira manifestação do arguido após a abertura da ação penal que foi protocolada na Justiça Federal terça-feira à noite.

O ex-parlamentar é acusado de ter recebido cinco milhões de reais (1,4 milhões de euros) em subornos pagos em contas secretas na Suíça, que foram abastecidas com dinheiro desviado de contratos de exploração de petróleo da Petrobras em África.

Eduardo Cunha está preso em Curitiba, no estado do Paraná, desde 19 de outubro.

Lula da Siva é arguido em três processos, um por suspeitas de corrupção e lavagem de dinheiro, outro por alegada tentativa de obstruir a investigação da Lava Jato, e um terceiro por suspeitas de organização criminosa, lavagem de dinheiro, tráfico de influência e corrupção em negócios em Angola.

O Presidente Michel Temer é alvo de investigações preliminares a alegações de que terá procurado doações ilícitas para uma campanha em 2012.

Para além do chefe de Estado, ligado ao Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), mesmo partido do ex-deputado detido, a lista inclui Henrique Alves, ex-ministro do nos governos de Dilma Rousseff e de Michel Temer, também do PMDB, que se demitiu depois de terem sido divulgadas declarações em que ele é acusado de ter recebido subornos.

Na lista estão também parlamentares e ex-parlamentares, incluindo o ex-senador Delcídio do Amaral – antes ligado ao Partido dos Trabalhadores (PT), formação política de Lula da Silva e Dilma Rousseff – que foi preso em novembro por alegada tentativa de atrapalhar as investigações da Lava Jato.

Há pessoas ligadas à petrolífera estatal Petrobras, no centro do mega-esquema de corrupção na Petrobras, incluindo o ex-diretor da área internacional, Nestor Cerveró, entretanto condenado por lavagem de dinheiro.

Nestor Cerveró e Delcídio do Amaral têm colaborado com as autoridades que investigam a Lava Jato, como delatores (prestadores de informações em troca de eventual redução de pena).

A lista inclui ainda José Carlos Bumlai, amigo íntimo de Lula da Silva, que foi condenado, em setembro, pelos crimes de corrupção e gestão fraudulenta.

Eduardo Cunha foi o responsável pela abertura do processo de destituição de Dilma Rousseff, que culminou com o seu afastamento da ex-Presidente do poder em agosto.

A sua defesa pediu ainda a rejeição da denúncia e a absolvição sumária.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Panama Papers. Mossack Fonseca não gostou do filme e processou Netflix por difamação

A dupla de sócios do escritório de advogados Mossack Fonseca, envolvido no caso “Panama Papers”, moveu um processo em tribunal por difamação contra a Netflix. A plataforma anuncia a estreia, para esta sexta-feira, do filme “Laundromat: …

Porsche e Boeing unem-se em projeto de táxi aéreo premium

A Porsche e a Boeing estão a unir esforços para explorar o mercado de mobilidade área urbana. Aproveitando os seus pontos fortes, as duas empresas prometem desenvolver um táxi aéreo para o futuro. Numa verdadeira fusão …

Fotografia com pombos? Na Tailândia, há "profissionais" contratados para assustá-los

A área de uma das portas da cidade, Tha Pae, parte do que resta da muralha vermelha que protegia a cidade antiga em Chiang Mai, na Tailândia, é uma das maiores atrações turísticas locais. Os turistas …

Sky News lança canal sem qualquer notícia sobre o Brexit

O canal Sky News Brexit-Free foi esta quarta-feira para o ar às 17h horas, sendo que os seus programas serão transmitidos até às 22h, de segunda a sexta-feira. O grupo de televisão britânico Sky vai lançou …

Vacina contra o cancro da mama pode estar disponível dentro de 8 anos

Investigadores da Clínica Mayo desenvolveram uma vacina contra o cancro ovário e da mama que poderá estar disponível comercialmente dentro de apenas oito anos. A ideia da vacina é estimular o próprio sistema imunológico dos pacientes …

Busca pelo avião de Amelia Earhart só encontrou chapéus, detritos de um naufrágio e uma lata de refrigerante

A mais recente busca pelos restos do avião de Amelia Earhart, a famosa aviadora americana que desapareceu sobre o Pacífico em 1937, terminou sem resultados. De acordo com o jornal norte-americano The New York Times, a investigação …

Protestos em Hong Kong. LeBron acusado de apoiar regime chinês

A super estrela do basquetebol LeBron James juntou-se à polémica entre a NBA e a China, após apelidar de “mal-informado” o treinador dos Houston Rockets, Daryl Morey, que expressou apoio aos manifestantes em Hong Kong …

Acordo para o Brexit está "prestes a ficar fechado"

A chanceler alemã, Angela Merkel, e o Presidente francês, Emmanuel Macron, disseram esta quarta-feira que um acordo para o Brexit está em finalização e poderá ser apresentado quinta-feira para aprovação no Conselho Europeu. "Quero acreditar que …

Em Chernobyl, estão a desaparecer "as memórias que as pessoas deixaram para trás"

Chernobyl é, atualmente, a maior atração internacional da Ucrânia e o novo presidente, Volodymyr Zelenski, já apresentou um projeto para trazer ainda mais turistas. No entanto, estão a desaparecer "as memórias que as pessoas deixaram …

Huawei afirma que a tecnologia 6G vai estar disponível daqui a 10 anos

O CEO da Huawei, Ren Zhengfei, assinalou, durante uma entrevista à CNBC, que a sua empresa está a trabalhar em redes móveis 6G, que estarão completamente desenvolvidas daqui a 10 anos.   "Trabalhámos em 5G e 6G …