Ex-líder da Câmara dos Deputados chama Temer e Lula para testemunhas de defesa

Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou por 450 a favor, 10 contra e 9 abstenções a cassação do mandato do deputado afastado Eduardo Cunha

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou por 450 a favor, 10 contra e 9 abstenções a cassação do mandato do deputado afastado Eduardo Cunha

O ex-presidente da Câmara dos Deputados do Brasil, Eduardo Cunha, detido preventivamente, convocou o Presidente da República, Michel Temer, e o ex-chefe de Estado Lula da Silva para suas testemunhas de defesa, avança esta quarta-feira a imprensa local.

Segundo o portal de notícias G1 e a rádio CBN, a convocação de 22 testemunhas faz parte da defesa prévia de Eduardo Cunha, e é a primeira manifestação do arguido após a abertura da ação penal que foi protocolada na Justiça Federal terça-feira à noite.

O ex-parlamentar é acusado de ter recebido cinco milhões de reais (1,4 milhões de euros) em subornos pagos em contas secretas na Suíça, que foram abastecidas com dinheiro desviado de contratos de exploração de petróleo da Petrobras em África.

Eduardo Cunha está preso em Curitiba, no estado do Paraná, desde 19 de outubro.

Lula da Siva é arguido em três processos, um por suspeitas de corrupção e lavagem de dinheiro, outro por alegada tentativa de obstruir a investigação da Lava Jato, e um terceiro por suspeitas de organização criminosa, lavagem de dinheiro, tráfico de influência e corrupção em negócios em Angola.

O Presidente Michel Temer é alvo de investigações preliminares a alegações de que terá procurado doações ilícitas para uma campanha em 2012.

Para além do chefe de Estado, ligado ao Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), mesmo partido do ex-deputado detido, a lista inclui Henrique Alves, ex-ministro do nos governos de Dilma Rousseff e de Michel Temer, também do PMDB, que se demitiu depois de terem sido divulgadas declarações em que ele é acusado de ter recebido subornos.

Na lista estão também parlamentares e ex-parlamentares, incluindo o ex-senador Delcídio do Amaral – antes ligado ao Partido dos Trabalhadores (PT), formação política de Lula da Silva e Dilma Rousseff – que foi preso em novembro por alegada tentativa de atrapalhar as investigações da Lava Jato.

Há pessoas ligadas à petrolífera estatal Petrobras, no centro do mega-esquema de corrupção na Petrobras, incluindo o ex-diretor da área internacional, Nestor Cerveró, entretanto condenado por lavagem de dinheiro.

Nestor Cerveró e Delcídio do Amaral têm colaborado com as autoridades que investigam a Lava Jato, como delatores (prestadores de informações em troca de eventual redução de pena).

A lista inclui ainda José Carlos Bumlai, amigo íntimo de Lula da Silva, que foi condenado, em setembro, pelos crimes de corrupção e gestão fraudulenta.

Eduardo Cunha foi o responsável pela abertura do processo de destituição de Dilma Rousseff, que culminou com o seu afastamento da ex-Presidente do poder em agosto.

A sua defesa pediu ainda a rejeição da denúncia e a absolvição sumária.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Inteligência Artificial está a "alimentar" a violação dos direitos humanos, alerta ONU

Num novo relatório, a Organização das Nações Unidas (ONU) alertou os países que o uso imprudente de Inteligência Artificial (IA) pode estar a pôr em causa o respeito pelos direitos humanos. Michelle Bachelet, Alta Comissária das …

Foi viajar e não voltou. O misterioso desaparecimento de Gabby Petito (e do namorado)

Gabrielle Petito, uma jovem norte-americana de 22 anos, desapareceu misteriosamente. Gabby foi viajar com o namorado, que voltou para casa sozinho e não quis contar o que aconteceu — e agora também está desaparecido. Gabby Petito, …

Aos 101 anos, Ginny é a "Senhora Lagosta" e não planeia reformar-se

Virginia Oliver continua a trabalhar na pesca da lagosta, apesar de já ter 101 anos de idade. 'Ginny' não planeia reformar-se e já se tornou um meme na internet. Virginia 'Ginny' Oliver tem 101 anos e …

Dinamarca. Reclusos condenados a prisão perpétua proibidos de iniciar novos romances

Os reclusos que cumprem prisão perpétua na Dinamarca serão proibidos de iniciar novos relacionamentos amorosos, decisão proposta pelo governo após uma jovem de 17 anos se apaixonar por Peter Madsen, que assassinou a jornalista Kim …

Casal queria que o seu filho se chamasse Vladimir Putin. A Suécia não deixou

Na Suécia, os pais são obrigados a comunicar os nomes dos seus filhos recém-nascidos ao Skatteverket nos primeiros três meses a partir do nascimento. Um casal sueco, que vive na cidade de Laholm, foi proibido pela …

44 jogos seguidos sem ganhar. Mas o presidente não está preocupado

O Atlético Mogi não vence qualquer jogo oficial há mais de quatro anos. Perdeu em 42 desses 44 duelos. 17 de Junho de 2017 foi o último dia em que o Atlético Mogi venceu um jogo …

Autárquicas: António Costa promete que os municípios terão mais mil milhões de euros

O secretário-geral do PS, António Costa, indicou hoje, em Celorico de Basto, no distrito de Braga, que os municípios “vão passar a ter, a partir de abril, mais mil milhões de euros que acompanham a …

Mais de trinta anos após ter sido lançada ao mar no Japão, mensagem em garrafa é encontrada no Hawaii

Durante uma viagem ao Hawaii, uma jovem de apenas 9 anos encontrou uma garrafa que foi lançada ao mar há mais de trinta anos. Esta continha uma mensagem que, posteriormente, acabou por revelar uma experiência …

Mais 939 infeções, sete mortes e nova redução nos internamentos

Portugal registou nas últimas 24 horas mais 939 casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2, sete mortes atribuídas à covid-19 e nova redução nos internamentos em enfermaria e cuidados intensivos. De acordo com o boletim epidemiológico da …

Milionário norte-americano Robert Durst condenado por matar melhor amiga

O milionário norte-americano Robert Durst, tornado famoso por um documentário do canal HBO, foi condenado na sexta-feira num tribunal de Los Angeles, nos Estados Unidos, por matar a melhor amiga, um crime que remonta a …