Lufthansa admite que conhecia depressão grave do copiloto

A Lufthansa reconhece que tinha conhecimento dos problemas psicológicos do copiloto Andreas Lubitz, que despenhou um avião da sua filial low cost, a Germanwings, contra as montanhas dos Alpes, matando 149 pessoas, além dele próprio.

Em comunicado divulgado por vários órgãos de informação internacionais, a companhia aérea alemã salienta que o copiloto informou a sua Escola de Voo do episódio de depressão grave que sofreu e que o afastou da formação profissional.

Esta posição pública da Lufthansa surge após averiguações internas e depois de ter enviado ao Ministério Público de Dusseldorf novos documentos sobre a formação do copiloto e sobre o seu historial clínico, adianta a própria empresa alemã.

Entre os dados disponibilizados pela Lufthansa ao Ministério Público estará uma troca de e-mails entre Andreas Lubitz e a Escola de Voo da companhia aérea, onde o copiloto dará informações sobre a depressão que sofreu em 2009.

Andreas Lubitz terá facultado à Escola de Voo da Lufthansa documentos médicos a comprovar que tinha ultrapassado o problema da depressão e a companhia frisa, no comunicado, que, após a pausa de vários meses na sua formação, ele recebeu o certificado clínico atestando que estava apto para voar.

A Lufthansa disponibiliza-se ainda para conceder o seu “apoio ilimitado” à investigação e facultar todos os dados possíveis para “um esclarecimento rápido e sem obstáculos” do acidente da Germanwings que vitimou 150 pessoas nos Alpes.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Após 20 anos de silêncio, sinos e carrilhões de Mafra voltam a tocar

Os sinos e os carrilhões do Palácio de Mafra vão tocar a partir de 1 de fevereiro, após obras de restauro, depois de os primeiros sinais de deterioração surgirem a 11 de setembro de 2001, …

Encontro secreto de bispos críticos do Papa Francisco em resort de luxo em Sintra

Uma centena de bispos de todo o mundo reuniu-se em Sintra, no resort de luxo Penha Longa, num encontro envolvido em secretismo que não contou com intervenientes portugueses. As razões ou o que se discutiu …

Quim Torra perde mandato de deputado. Catalunha arrisca ficar sem Governo

O presidente independentista da Catalunha perdeu o seu mandato como deputado regional, esta segunda-feira, o que levanta dúvidas sobre a sua continuação à frente do Governo regional. Quim Torra, do partido Juntos pela Catalunha de Carles …

Herdeiros e casais têm até hoje para pedir alteração no Adicional ao IMI

Os casais e os beneficiários de heranças indivisas têm até esta terça-feira para entregar no Portal das Finanças o pedido de alteração à forma como foram tributados no Adicional ao Imposto Municipal sobre os Imóveis …

Tribunal de Contas trava medicamento "essencial" no Hospital de Guimarães

O Tribunal de Contas (TdC) recusou o visto a um contrato, no valor de 2,9 milhões de euros, celebrado pelo Hospital de Guimarães para aquisição de um medicamento considerado “essencial” para a prestação de cuidados …

Francisco Rodrigues dos Santos não se quer eternizar "na cadeira de presidente do CDS"

"À medida que as pessoas se vão eternizando nos lugares, começam a confundir o interesse público com o interesse particular". Por isso, Francisco Rodrigues dos Santos não se quer eternizar no CDS-PP. Em entrevista à TVI, …

Menos 115 deputados. Itália realiza referendo para reduzir Parlamento

A Itália organiza em 29 de março um referendo sobre a alteração da Constituição e a redução do número de deputados, uma data esta proposta pelo Governo de coligação entre o Movimento Cinco Estrelas (M5S) …

Flamengo chega a acordo com o Inter por Gabigol

Flamengo e Inter de Milão já chegaram a acordo para a transferência definitiva de Gabigol, jogador que esteve durante a última temporada na equipa brasileira por empréstimo. Segundo o portal brasileiro Globo Esporte, os dirigentes do …

Espanha quer "assaltar" o lugar de Centeno no Eurogrupo

Nadia Calviño, a número dois do Governo Espanhol, assume-se como favorita para assumir a presidência do Eurogrupo, caso o ministro das Finanças português, Mário Centeno, decida não entrar na corrida. A notícia é avançada esta terça-feira …

Dívidas de hospital de Lisboa travam compra de dois medicamentos para cancro

As dívidas do Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Norte, que inclui os hospitais de Santa Maria e Pulido Valente, levaram o Tribunal de Contas (TdC) a chumbar a compra de dois medicamentos para um cancro …