As lojas de bebidas alcoólicas abriram portas e Nova Deli saiu (em peso) à rua

STR / EPA

Na segunda-feira, as lojas de bebidas alcoólicas reabriram na Índia, mas estiveram muito pouco tempo de portas abertas.

As filas gigantescas à porta das lojas de bebidas alcoólicas obrigaram as autoridades a decretar que estes estabelecimentos fossem novamente encerrados. Para dispersar os clientes, a polícia viu-se obrigada a usar bastões.

À agência AFP, Asit Banerjee, de 55 anos, explicou como milhares de indianos se têm sentido em tempos de pandemia: “estamos há um mês na solidão. O álcool vai dar-nos energia para manter o distanciamento social.”

Banerjee faz parte de um grupo de milhões de indianos trabalhadores informais que ficaram presos nas grandes cidades, depois de ter sido decretada a proibição de viajar, o que os impediu de regressar às suas zonas de origem e para junto das suas famílias.

A loja onde este cidadão foi entrevistado pela AFP, em Nova Deli, foi encerrada pouco depois de abrir, e o mesmo aconteceu por todo o país. De acordo com o Público, no estado de Karnataka, no sudoeste, formaram-se longas filas nas primeiras horas da manhã, quando ainda faltava muito para as lojas abrirem.

Na capital, um vídeo divulgado pela agência ANI mostra uma fila de quase um quilómetro numa rua de Nova Deli. Apesar de, neste caso, os clientes respeitarem a distância entre eles, a loja foi encerrada porque não paravam de chegar pessoas ao local.

As grandes filas em várias lojas de bebidas alcoólicas são zonas preocupantes de risco de transmissão do novo coronavírus. O Hindustan Times relata que, em algumas regiões, os clientes realizaram “orações especiais”, com flores e incenso, para celebrarem a reabertura destes estabelecimentos.

O encerramento de várias atividades provocou danos na economia indiana e vários estados pediram a reabertura das lojas de bebidas alcoólicas, a origem de parte muito importante dos impostos estaduais. O diário adianta que se estima que os impostos do álcool injetem sete mil milhões de rupias nos cofres dos estados, cerca de 84 milhões de euros.

“O álcool é uma grande fonte de receitas para todos os estados. Como vou compensar esse buraco? Os de Nova Deli vão mer-se esse dinheiro, eles que nem dão uma rupia?”, questionou Amarinder Singh, o governador do Punjab.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Diário de oficial nazi revela localização de tesouro escondido na Polónia durante a 2.ª Guerra Mundial

Um diário que esteve na posse de uma sociedade secreta durante décadas contém um mapa que descreve a localização de mais de 30 toneladas de ouro escondidas pelos nazis durante a Segunda Guerra Mundial. Escrito há …

"Pés de café" ajudam robôs a andar mais rápido (e sem tropeçar)

Uma das principais aplicações para robôs com pernas é a exploração de locais de desastre. No entanto, para atravessar os escombros, estas máquinas precisam de ter "pés" firmes. Uma equipa de investigadores da Universidade da Califórnia, …

Famalicão 2-1 FC Porto | Dragões falham reentrada

O FC Porto ficou hoje com a liderança da I Liga portuguesa de futebol em risco, ao perder em casa do Famalicão, por 2-1, na 25.ª jornada, que marca o regresso após a paragem devido …

Empresas chinesas compram soja dos EUA apesar de suspensão imposta pelo Governo

Empresas estatais chinesas terão comprado pelo menos três carregamentos de soja aos Estados Unidos (EUA), mesmo após o Governo ter levantado uma suspensão. Esta surgiu depois de Washington afirmar que terminaria com o acordo comercial …

Musk quer bombardear Marte. Pode ser só um "pretexto" para enviar armas nucleares para o Espaço

O plano de Elon Musk de bombardear Marte é apenas um pretexto para o lançamento de armas nucleares para o Espaço, disse o diretor da agência espacial russa Roscosmos, Dmitry Rogozin. Bombardear Marte para tornar o …

Quase 20 mil toneladas de combustível derramadas em rio na Rússia

https://cache-igi.cdnvideo.ru/igi/video/2020/6/2/%D0%BD%D0%BE%D1%80%D0%B8%D0%BB%D1%8C%D1%81%D0%BA.mp4 Quase 20 mil toneladas de combustível foram acidentalmente derramadas num rio no extremo norte da Rússia, levando as autoridades a declarar uma situação de "emergência" e levantando preocupações entre ambientalistas e residentes. Em comunicado, a associação …

Mais verde e mais barato. Suécia segue a Alemanha e instala a primeira turbina eólica de madeira

A Suécia instalou uma nova e interessante turbina eólica: uma torre construída em madeira. A Alemanha também já tem esta nova tecnologia. Construída a partir de materiais de fontes sustentáveis e que oferecem desempenho comparável às …

Já não mostra só as filas do supermercado. App "Posso ir?" também diz se pode ir à praia

A aplicação móvel que permite aos utilizadores consultar as filas e as afluências aos supermercados também mostra como está a praia. Agora, a aplicação "Posso ir?" vai também dizer-lhe se é ou não prudente ir dar …

Discurso xenófobo. Na Áustria, "a islamofobia tornou-se uma forma dominante de racismo"

A Áustria regista um aumento preocupante do discurso xenofóbico, em particular em relação aos muçulmanos e refugiados, alerta um relatório do Conselho da Europa. A Comissão do Conselho da Europa contra o Racismo e a Intolerância …

Um em cada quatro russos acredita que a pandemia é uma invenção

Um em cada quatro russos acredita que a pandemia de coronavírus é uma invenção, de acordo com uma pesquisa realizada pela Escola Superior de Economia de Moscou (HSE). Segundo avançou o site de notícias RBC, citado …