Grande Lisboa deverá sair da calamidade (mas os autarcas estão preocupados com a segunda vaga)

Tiago Petinga / Lusa

Na próxima semana, o Governo deverá rever o estado de calamidade decretado para a região de Lisboa e Vale do Tejo e algumas restrições deverão ser levantadas. Enquanto isso, os autarcas estão preocupados com uma eventual segunda vaga em setembro.

De acordo com o semanário Expresso, o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, disse, à saída de uma reunião na segunda-feira com o ministro da Educação, secretário de Estado Adjunto e autarcas da Grande Lisboa, que o estado de calamidade se mantém até final de julho.

Segundo o semanário, as 19 freguesias dos concelhos de Lisboa, Sintra, Amadora, Odivelas e Loures vão ter medidas menos restritivas no início de agosto.

Porém, os autarcas da região de Lisboa e Vale do Tejo estão preocupados com uma eventual segunda vaga de covid-19 em setembro.

Bernardino Soares, autarca de Loures, disse, ao Expresso, que evolução no concelho, é “positiva”, mas que é preciso fazer muito para evitar uma recaída em setembro e outubro. Para o autarca, é necessário reforçar a oferta de transportes públicos, reforçar as equipas de saúde pública e reorganizar a gestão regional dos internamentos hospitalares.

O regresso às aulas presenciais também preocupa Bernardino Soares. O autarca considera urgente assegurar a aquisição de material informático e a contratação de pessoal docente e pessoal não docente para garantir as condições de acompanhamento de alunos, apoio aos professores, higienização das escolas e preparação das refeições escolares.

Hugo Martins, autarca de Odivelas, considera necessário “flexibilizar o horário escolar, dando mais autonomia às direções; reorganizar os espaços de tempos livres; aumentar os rácios de pessoal não docente; e reforçar o apoio informático aos professores”.

O autarca apela também que não se baixe a guarda. “Estou preocupado com a possibilidade da existência de falta de zelo, de cuidado por parte de cumprimento das regras pelas diversas entidades”, assume.

Basílio Horta, autarca de Sintra, concelho com mais novos casos, exigiu, em entrevista ao Diário de Notícias, o reforço da capacidade de resposta do serviço de urgência no Hospital Amadora-Sintra. “Estamos realmente preocupados com o que pode vir aí, porque não é só a covid. É a covid a coincidir com a gripe e com a reabertura das escolas. Nós temos aqui 47 mil alunos que vão ter aulas presenciais”, disse.

Na quarta-feira, Portugal registou 252 infetados, cinco mortos e 230 pessoas curadas. Dos novos casos, 85% concentram-se na região de Lisboa e Vale do Tejo.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Ventura ataca Costa: é um "tipo desagradável" com "ar de pai Natal indiano"

Este sábado, em Coimbra, num comício como candidato presidencial, o líder do Chega dedicou várias críticas ao primeiro-ministro, António Costa. André Ventura chegou a Coimbra, pisou o púlpito e, munido de um microfone, criticou duramente o …

Se OE não for aprovado à esquerda, será a "certidão de óbito" do Governo (e o país "vai bater palmas" a Rio)

No seu habitual espaço de comentário na SIC este domingo, Luís Marques Mendes disse acreditar que o Orçamento de Estado para 2021 será aprovado mas, se não for aprovado à esquerda, será a "certidão de …

"Não estamos a salvar o Governo, mas o país". Ana Catarina Mendes pressiona esquerda para aprovar OE2021

A líder parlamentar do Partido Socialista (PS), Ana Catarina Mendes, disse, em entrevista à TSF, que o Orçamento de Estado para 2021 (OE2021) traduz uma "agenda progressista e de esquerda" e que não há razões para …

Merkel visitou Navalny no hospital em Berlim. Opositor russo está "inesperadamente melhor"

A chanceler alemã, Angela Merkel, visitou Alexei Navalny no hospital de Charité, em Berlim, onde o opositor russo recebeu tratamento após ser envenenado com um agente nervoso do grupo Novichok, segundo o semanário alemão Der …

Nota artística. Valsa bem ensaiada contra rumba dos inadaptados

https://soundcloud.com/nuno-teixeira-264830877/boavista-0-5-porto-o-musical Deixa cá preparar o musical da segunda jornada... Hoje vou ao Boavista-Porto. Cinco golos para os forasteiros, não foi? Não. Isso foi na semana passada, o Famalicão-Benfica. Começo cedo a misturar tudo. Deixa cá ver, …

Drones comprados pela Força Aérea para vigiar incêndios não funcionam (e tiveram de ser devolvidos)

Dos 12 drones que a Força Aérea comprou para ajudar na vigilância na época de incêndios, apenas três funcionam. Os outros chegaram com falhas técnicas e operacionais. De acordo com o jornal i, os 12 drones …

Reino Unido pode ter "confinamento social total" (e pondera fechar durante duas semanas)

Perante uma eminente segunda vaga de casos, o Reino Unido está a ponderar aplicar restrições mais duras com o intuito de travar de forma mais eficaz a propagação da covid-19. A hipótese de confinamento social …

Justiça impede Donald Trump de proibir TikTok. Casa Branca vai recorrer

A Casa Branca disse que vai respeitar a ordem judicial que impede a proibição da aplicação TikTok nas plataformas de descarregamento de aplicações móveis nos Estados Unidos, mas anunciou que vai recorrer da decisão. Este domingo, …

Presidente da Comunidade de Madrid recusa confinamento total (e é acusada de "segregação")

A presidente da Comunidade de Madrid, Isabel Díaz Ayuso, manteve o seu repúdio ao confinamento total da capital espanhola, apesar do aumento de casos pelo novo coronavírus, considerando que o pedido do Ministério da Saúde …

Vacinação contra a gripe arranca esta segunda-feira para grupos prioritários

A vacina da gripe está disponível a partir desta segunda-feira, começando a ser administrada nas faixas da população consideradas prioritárias, como os residentes em lares de idosos e grávidas, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). A …