PSD/Madeira. Jardim considera Costa “adversário” e Albuquerque atira-se às selfies de Marcelo

Tiago Petinga / Lusa

O Presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque

O presidente do PSD/Madeira, Miguel Albuquerque, e o seu presidente honorário, Alberto João Jardim, deixaram duras críticas ao Executivo socialista liderado por António Costa, bem como ao Presidente da República durante o XVII Congresso do PSD/M, que ocorreu neste domingo no Funchal.

Alberto João Jardim, afirmou que o primeiro-ministro, António Costa, é o “adversário” da autonomia e aconselhou os dirigentes sociais-democratas a “internacionalizar” a questão.

“O nosso adversário é um indivíduo que foi número dois de José Sócrates e que se chama António Costa”, disse o ex-líder social-democrata na abertura do congresso, onde foi várias vezes aplaudido por cerca de 700 militantes. Alberto João Jardim sublinhou que o primeiro-ministro “não é estadista”, mas apenas “um homem do aparelho” e um “partidocrata”.

“Até deu para subverter o resultado das eleições e ele chegar a primeiro-ministro com alianças com pessoas que tentaram derrubar e evitar a democracia em Portugal só para poder sobreviver no partido dele”, afirmou, referindo-se ao PCP e ao Bloco de Esquerda que apoiam o Governo socialista.

Em igual sentido, Miguel Albuquerque, estendeu o rol de críticas, pedindo ao Presidente República para que tome uma atitude face à “pouca vergonha” da “discriminação” que o Governo da República faz em relação à população do arquipélago.

“É tempo do Senhor Presidente da República tomar uma posição sobre esta pouca vergonha, nós votamos para o Presidente da República, não para tirar selfies, mas para salvaguardar as instituições democráticas”, declarou, no encerramento do XVII Congresso Regional que decorreu no Centro de Congresso do Funchal.

Albuquerque realçou que os madeirenses e porto-santenses “merecem ser considerados e tratados como portugueses de corpo inteiro à luz das leis e da Constituição da República”.

“É intolerável e é inaceitável que, por razões de ordem política, este Governo das esquerdas continue a discriminar os madeirenses e os porto-santenses, é inaceitável e é eticamente reprovável que este Governo, por razões partidárias, continue a cumprir e a confundir as suas funções institucionais com aquelas que são as suas funções partidárias”.

Confiante na vitória do PSD nas próximas eleições regionais

Alberto João Jardim mostrou-se confiante na vitória do PSD nas eleições regionais de 22 setembro e, desde logo, pediu ao novo governo regional que internacionalize o problema da autonomia. “Se nós continuarmos a insistir na luta pela autonomia e eles [as instituições governativas nacionais] continuarem a nos cortar as pernas, nós legalmente, com base na Constituição, devemos internacionalizar o problema e recorrer aos competentes órgãos internacionais”, declarou.

Também Miguel Albuquerque aludiu às eleições, afirmando estar certo que os madeirenses e os porto-santenses “não vão embarcar nem muito menos votar em personagens que surgiram do nada e que vivem do exibicionismo e da demagogia”.

Observou ainda que António Costa, vai à Madeira no próximo fim-de-semana pelo que devia aproveitar a oportunidade para decidir sobre os “juros agiotas” que cobra à região, para pôr ordem na TAP, para deixar de “empurrar com a barriga” a revisão do subsidio de mobilidade e para explicar por que razão não foi estendido aos estudantes universitários da Madeira o Passe 23.

Miguel Albuquerque manifestou o apoio do partido na Madeira a Rui Rio nas próximas eleições europeias, regionais e legislativas porque “Portugal precisa de uma alternativa à governação das esquerdas”. Disse que o PSD/M “está mobilizado para as novas etapas” e pronto para enfrentar as próximas eleições.

“Será sobretudo a grande oportunidade para infligir a António Costa a primeira grande derrota, na Madeira, no dia 22 de setembro”, concluiu.

O congresso regional do PSD/Madeira contou ainda com a presença de Rui Rio, que apontou também baterias ao Governo de António Costa, acusando-o de enganar “permanentemente” os portugueses.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Portugal tem cada vez menos água disponível

Portugal tem cada vez menos água disponível e nos próximos cem anos a precipitação em certas regiões do país, como o Algarve, pode sofrer uma redução de até 30%, alertou esta terça-feira a Associação Natureza …

Tel Aviv vai ter estradas elétricas que recarregam autocarros em movimento

Tel Aviv, em Israel, está a trabalhar na criação de estradas elétricas sem fios para carregar e fornecer energia aos transportes públicos da cidade. As estradas elétricas são parte de um programa piloto liderado pelo município …

Suicídio entre militares norte-americanos aumenta 20% em época de covid-19

Os suicídios entre os militares subiram 20% este ano em comparação com o mesmo período de 2019, registando-se um aumento nos incidentes de comportamento violento à medida que as tropas lutam contra a covid-19 e …

Turista apanhado a gravar as suas iniciais no Coliseu de Roma. Arrisca ser condenado a prisão

Um turista foi apanhado a gravar as suas iniciais no Coliseu de Roma, em Itália, e arrisca ser punido com um até um ano de prisão. De acordo com o diário italiano La Repubblica, o turista, …

Função Pública. Fesap exige subida de remuneração mínima para 693 euros

A Federação de Sindicatos da Administração Pública (Fesap) exige que a primeira posição da Tabela Remuneratória Única avance para 693,13 euros em 2021 e uma atualização do subsídio de refeição para seis euros. Estas duas medidas …

Escolas encerradas empurram milhões de crianças para o trabalho infantil

Milhões de crianças correm o risco de serem forçadas a fazer trabalho infantil, como resultado da pandemia do novo coronavírus. Isto poderá levar ao primeiro aumento no trabalho infantil, depois de 20 anos de progresso. De …

Oito anos depois, um Schumacher volta à F1

Mick Schumacher vai conduzir um Alfa Romeo em Nürburgring, na 1.ª sessão de treinos livres. Jovem piloto deverá ser campeão da Fórmula 2, já neste ano. Michael Schumacher esteve na Fórmula 1 em 19 épocas, não …

Restauração, cinema e alojamento com condições especiais nas moratórias

Restauração, transportes aéreo, ferroviário e marítimo, educação, atividades de saúde e desportivas, alojamento e cinema são alguns dos setores com condições especiais de pagamento nas moratórias bancárias, segundo diploma publicado. O decreto-lei, esta terça-feira publicado em …

Ex-diretor da agência Elite Models europeia investigado por violação e abuso sexual

Gérald Marie, ex-diretor de uma das maiores agências de modelos do mundo, está a ser investigado pelas autoridades francesas, por suspeitas de agressão sexual e violação, inclusivamente a uma menor. Segundo a Procuradoria-Geral da República francesa, …

Parceiros sociais apanhados de surpresa com alterações ao sucessor do lay-off

O presidente da Confederação Empresarial de Portugal (CIP) disse que o Governo não apresentou aos parceiros sociais as alterações que anunciou para regime de apoio à retoma progressiva, o sucedâneo do lay-off simplificado. "Compreendemos que o …