Já despontam eucaliptos em Pedrógão Grande (e são “barris de pólvora”)

(dr) António Cotrim

Volvido apenas mês e meio após o trágico incêndio de Pedrógão Grande, os eucaliptos já começaram a despontar na área ardida e um investigador alerta que, sem gestão do espaço, a zona pode transformar-se num autêntico barril de pólvora.

Junto ao Itinerário Complementar 8 ou pelas estradas municipais que ligam as diferentes aldeias afetadas pelas chamas que consumiram 53 mil hectares de floresta, a agência Lusa constatou o crescimento de eucaliptos próximo das árvores queimadas ou junto aos troncos cortados.

O investigador Ernesto de Deus, que estuda a regeneração natural do eucalipto, explica que o que se vê agora no território é o eucalipto a regenerar – o resultado da evolução da espécie que se adaptou aos fogos na zona de onde era natural (sudeste da Austrália e Tasmânia).

Muito dificilmente estas árvores morrem com o fogo e, quanto maior a árvore, mais difícil é de morrer”, disse à Lusa o especialista que realiza um doutoramento sobre esta espécie no Instituto Superior de Agronomia da Universidade de Lisboa.

Segundo Ernesto de Deus, a árvore rebenta, “quer através da base do tronco, quer ao longo do tronco”, realçando que o eucalipto queimado, apesar de parecer morto, tem uma grande probabilidade de sobreviver e de se recompor no espaço de alguns meses.

Para além disso, depois de o fogo passar por um eucaliptal, as cápsulas que estão na copa da árvore abrem-se uns dias após a passagem das chamas e largam todas as sementes (há milhares em cada indivíduo), que normalmente germinam assim que surgem “as primeiras chuvas e um pouco de humidade”.

Se não forem arrancados, “vão ser barris de pólvora”

“O eucalipto reproduz-se com bastante facilidade. É bastante sensível à competição de outras espécies e, com o despir da vegetação, encontra condições favoráveis porque não tem competição“, realça Ernesto de Deus, explanando que esta espécie exótica é das primeiras árvores a colonizar uma zona queimada.

Face a essa característica, se os terrenos não forem tratados e limpos, o eucaliptal ganha uma maior densidade e fica “uma autêntica selva”, com “árvores de diferentes tamanhos a começarem a aparecer”.

“Os povoamentos ficam com muito mais material combustível e com muito mais risco de incêndio, se não forem tratados. Sem gestão, vão ser barris de pólvora“, alerta o investigador.

Para Ernesto de Deus, o eucaliptal é “relativamente fácil de tratar”, visto que a semente não tem dormência e, no espaço de um ano, “quase todas germinam”.

“É preciso ir para o terreno e arrancá-los”, disse o investigador, explicando que é necessário arrancar as árvores junto à raiz e não apenas cortar na base do tronco, para impedir novos rebentos.

Nos terrenos queimados que já sofreram intervenção após o incêndio, verifica-se, na maioria dos casos, um simples corte na base do tronco das árvores, constatou a agência Lusa no terreno.

O incêndio que deflagrou em Pedrógão Grande no dia 17 de junho, no distrito de Leiria, provocou pelo menos 64 mortos e mais de 200 feridos, e só foi dado como extinto uma semana depois.

Mais de dois mil operacionais estiveram envolvidos no combate às chamas, que consumiram 53 mil hectares de floresta, o equivalente a cerca de 75 mil campos de futebol.

O fogo chegou ainda aos distritos de Castelo Branco, através da Sertã, e de Coimbra, pela Pampilhosa da Serra e Penela.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. http://portocanal.sapo.pt/noticia/128425/
    Segundo a Lusa constatou no local, o fogo está a consumir uma zona essencialmente povoada de mato, castanheiros e amendoal, tendo passado pela Serra de Reboredo, tida como uma das maiores manchas de carvalho branco da Europa.
    Isto em Torre de Moncorvo.
    Arranca-se os carvalhos também? Ou estes são um barril de água que se deixa arder???

RESPONDER

Pela primeira vez, os norte-americanos querem mais imigração - e não menos

Pela primeira vez, os norte-americanos querem ver aumentar a imigração no seu país, escreve o Business Insider citando uma sondagem da Gallup. De acordo com os números apresentados pelo jornal norte-americano, 34% dos cidadãos dos …

Porto 5-0 Belenenses | Segunda parte demolidora no Dragão

O FC Porto respondeu de forma categórica à vitória do Benfica sobre o Boavista por 3-1 na noite de sábado. Na recepção ao Belenenses, os “azuis-e-brancos” golearam por expressivos 5-0, com quatro golos a serem apontados …

Foi exposto o primeiro núcleo exoplanetário. Pode pertencer a gigante gasoso "planeta falhado"

Astrónomos da Universidade de Warwick descobriram o núcleo sobrevivente de um gigante gasoso em órbita de uma estrela distante, oferecendo uma visão sem precedentes do interior de um planeta. O núcleo, que é do mesmo tamanho …

As águas profundas provocam terramotos e tsunamis (e já se sabe como)

Uma nova investigação vincula diretamente o ciclo da água na Terra com a produtividade magmática e a atividade sísmica. A água (H2O) e outros elementos voláteis (como o CO2 e o enxofre) que circulam nas profundezas …

Cidade japonesa acaba de proibir a utilização de telemóveis enquanto se caminha

A cidade japonesa de Yamato acaba de aprovar uma proposta de lei que proíbe as pessoas de utilizarem telemóveis enquanto caminham. A cidade, localizada num subúrbio de Tóquio, entende que os telemóveis são um risco …

MIT apagou base de dados popular que ensinou IA a ser racista e sexista

O Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), nos Estados Unidos, viu-se obrigado apagar uma base de dados de treinamento de Inteligência Artifical (IA) depois de esta ensinar vários algoritmos a usar insultos racistas e sexistas. …

Escola Básica e fábrica de Paços de Ferreira encerradas, com nove casos positivos

A Escola Básica n.º 2 e a Fábrica de Lacados Abrelac, em Paços de Ferreira, Porto, foram encerradas após diagnosticados nove casos de covid-19 para “prevenção” e para “interromper as cadeias de transmissão”, disseram hoje …

Mais nove mortes e 328 casos confirmados em Portugal

Portugal regista hoje mais nove óbitos por covid-19, em relação a sábado, e mais 328 casos de infeção confirmados, dos quais 254 na região de Lisboa e Vale do Tejo, segundo os dados da Direção-Geral …

Cientistas criam miniatura de ondas de choque de supernovas (e quase desvendam um mistério)

Esta versão em miniatura das ondas de choque das supernovas pode ter ajudado os cientistas a chegar muito perto da resolução de um antigo mistério cósmico. Uma equipa de investigadores do Departamento de Energia do Centro …

Na Indonésia, são os recém-licenciados quem mais vai sofrer com o impacto económico da covid-19

A covid-19 continua a desacelerar a economia na Indonésia e pode causar graves impactos nos recém-licenciados que entram no mercado de trabalho pela primeira vez. Na Indonésia, o crescimento económico diminuiu para 2,97% durante o primeiro …