Itália com menor número diário de mortes em 15 dias. Nos EUA, a crise compara-se ao 11 de setembro

Peter Foley / EPA

No dia em que Itália registou o menor número de óbitos por covid-19 em duas semanas, os Estados Unidos registaram 1.200 mortos. O cirurgião geral do país compara a crise a Pearl Harbor e ao 11 de setembro.

Este domingo, os Estados Unidos registaram mais de 1.200 mortes causadas pela infeção por covid-19. Segundo a Universidade Johns Hopkins, mais de 17 mil pessoas já recuperam da doença no país.

O estado de Nova Iorque, epicentro do covid-19 no país, registou 594 mortes nas últimas 24 horas, elevando o total para 4.150. O governador Andrew Cuomo disse que o “pico” está próximo.

No sábado, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, avisou que o número de mortos vão subir nos próximos dias, numa altura em que há mais de 330 mil casos confirmados e 9.600 óbitos no país.

Um paramédico de Nova Iorque, Michael Greco, disse, em declarações à Sky News, que os próximos oito dias serão os “mais tristes e destrutivos” nos EUA em muito tempo. “A escassez de equipamentos de proteção individual é um dos nossos maiores desafios. Infelizmente, a quantidade de paragens cardíacas que estamos a responder num único dia está a atingir um nível muito alto”.

“Ainda não sei se dobrámos a esquina, acho que vamos precisar de ver alguns dias seguidos de diminuição de números para realmente sentir que o pico já passou. Infelizmente, ainda acredito que ainda não vimos o pior. Os nossos homens e mulheres estão a ter de tomar decisões em campo para as quais ninguém foi treinado”, acrescentou.

Em declarações à Fox News, o cirurgião geral dos Estados Unidos, o vice-almirante Jerome Adams, afirmou que esta semana será a “mais triste e difícil da vida da maior parte dos norte-americanos”, comparando a pandemia com dois dos momentos mais traumáticos da história do país.

“Isto vai ser o nosso momento Pearl Harbor, o nosso momento 9/11. A diferença é que não será localizado, estará a acontecer por todo o país”, lamentou, fazendo um paralelo entre a pandemia gerada pela covid-19 no país e o ataque japonês contra a base naval de Pearl Harbor, na 2.ª Guerra Mundial, e ao atentado em 11 de setembro de 2001 contra o World Trade Center.

O ataque a Pearl Harbor, em 1941, provocou 2.403 mortos e 1.143 feridos. Já nos ataques terroristas em 11 de setembro de 2001 contra as Torres Gémeas, o Pentágono e um avião, que caiu na Pensilvânia, 2.996 pessoas morreram. As mortes provocadas pela covid-19 já superaram o total de mortes dos dois acontecimentos.

O chefe da Saúde Pública ressaltou a necessidade do isolamento social para evitar que o sistema de saúde do país entre em colapso, garantindo que ainda será possível alterar o desfecho da pandemia.

Itália com menor número diário de mortes

Itália continua a registar uma tendência de queda nos números de novos contágios e de mortes provocadas pela covid-19. Este domingo, revelou-se que, nas últimas 24 horas, morreram 525 pessoas vítimas da infeção e foram confirmados 4.316 novos casos.

Este é o número diário de mortes mais baixo em mais de duas semanas.

Depois de a 27 de março se ter registado o pico do número diário de mortes, com 919 óbitos confirmados, o número de mortes tem vindo a descer gradualmente ao longo da última semana. Já o número de novos casos tem vindo a manter-se entre os 4 e os 5 mil.

Os números totais do surto em Itália são neste momento 128.948 casos de infeção e 15.887 mortes. Até agora, 21.815 doentes já recuperaram da infeção, havendo ainda 91.246 doentes infetados.

Em França, morreram mais de 500 pessoas nas últimas 24 horas, num total de mais de oito mil óbitos – 5.889 ocorreram nos hospitais e 2.189 em lares de idosos e outras instituições. O número total de infetados ultrapassa os 70 mil, com um aumento de 1.873 este domingo.

Há 28.891 pessoas hospitalizadas e 6.978 em cuidados intensivos. Do total de casos, 22.361 pessoas infetadas encontram-se em instituições sociais e médico-sociais, incluindo lares de idosos.

16.183 pessoas já receberam alta hospitalar desde o início do surto em França, tendo regressado a casa após o internamento hospitalar.

China diz ter menos de 1.300 infetados

A China anunciou que o número de infetados com a covid-19 é de 1299, a primeira vez desde janeiro que baixa da barreira dos 1300.

A Comissão Nacional de Saúde da China disse que, nas últimas 24 horas, foram registados 39 novos casos na China continental, que exclui Macau e Hong Kong. Destes, 38 são provenientes do exterior, os chamados casos importados. O único caso de contágio local diagnosticado foi registado na província de Guangdong, vizinha da cidade de Macau.

O número de pacientes que superam a doença e recebem alta diariamente excede os novos infetados. Nas últimas 24 horas, 114 pacientes receberam alta, em comparação com as 39 novas infeções detetadas.

A China relatou ainda uma única morte, no período em análise. Trata-se de um paciente em Wuhan.

Assim, o número total de infetados na China desde o início da pandemia é de 81.708, dos quais 3331 morreram e 77.078 pessoas tiveram alta após a superarem a doença.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Grande carruagem cerimonial descoberta quase intacta em Pompeia

Uma grande carruagem cerimonial de quatro rodas, com elementos de ferro, decorações de bronze e estanho, restos de madeira mineralizada e vestígios de elementos orgânicos, como cordas, foi encontrada quase intacta na área arqueológica de …

FC Porto 0-0 Sporting | Nulo com sabor a vitória para o "leão"

O “clássico” do Dragão, entre FC Porto e Sporting, terminou sem golos, sem grande futebol, e com um “leão” cada vez mais perto do título, apesar de ainda faltar muito campeonato.  A igualdade permite à formação …

Adolesceste entusiasta por pirotecnia construiu o seu próprio simulador profissional de fogos de artifício

O FWsim foi lançado pela primeira vez em 2010 como um software de planeamento de fogos de artifício, voltado para profissionais de pirotecnia e entusiastas de fogos de artifício. Em 2006, conta o Vice, Lukas Trötzmüller …

Pela primeira vez em 45 anos, uma casa vitoriana "flutuou" pelas ruas de San Francisco

A manhã de 21 de fevereiro em San Francisco, nos Estados Unidos, foi um pouco diferente do normal: uma casa vitoriana passou a "flutuar" pelas ruas da cidade. De acordo com o BuzzFeed News, uma equipa …

Nação Cherokee pede à Jeep que deixe de usar o nome da tribo nos seus carros

"É hora de a Jeep reconsiderar chamar os seus SUVs Cherokee e Grand Cherokee". Pela primeira vez, a tribo norte-americana Nação Cherokee pediu diretamente à Jeep para parar de usar o seu nome nos seus …

PCP quer apoios a 100% para pais "imediatamente e com efeitos retroativos"

O secretário-geral do PCP pediu ao Governo, este sábado, apoios a 100% para os trabalhadores que estão em casa com os filhos, pagos "imediatamente e com efeitos retroativos", e defendeu um plano de desconfinamento "setor …

Naufrágio grego que levava partes do Partenon está a revelar os seus segredos

A última expedição de mergulhadores ao navio grego Mentor, que naufragou perto da ilha Citera em 1802, recuperou várias peças do cordame, moedas, a sola de couro de um sapato, uma fivela de metal, uma …

Chega vai reagir "muito veementemente" na rua à tentativa de ilegalização

O líder do Chega disse, este sábado, que o partido vai responder "muito veementemente" e com "presença na rua", já em março, à tentativa de ilegalização da estrutura promovida por Ana Gomes. "Quero deixar claro aqui, …

Procura-se candidato para dormir. Site oferece 1650 euros e uma noite num resort

Este pode ser, literalmente, um emprego de sonho: fazer dinheiro enquanto se dorme, incluindo uma noite num resort de 5 estrelas. O site Sleep Standards, que se dedica a dar informação sobre pesquisas e produtos relacionados …

Catarina Martins faz apelo a Costa. "Moratórias têm de ser estendidas já"

A coordenadora do Bloco de Esquerda fez um apelo direto ao primeiro-ministro, este sábado, para que não espere que "seja tarde demais" e decida já estender as moratórias, evitando assim uma vaga de despejos e …