Inspetores do SEF suspeitos de assassinar ucraniano foram identificados em carta anónima

Os três inspetores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) suspeitos de assassinar um ucraniano no aeroporto de Lisboa foram identificados numa carta anónima enviada à Polícia Judiciária (PJ).

De acordo com o semanário Expresso, a carta, que chegou à sede da PJ alguns dias depois de Ihor Homeniuk ter morrido, era escrita a computador e descrevia detalhadamente a forma como o imigrante tinha sido espancado no dia anterior a ser encontrado morto numa sala do Centro de Instalação Temporária do SEF.

A carta identificava o nome de dois dos três alegados autores do espancamento: dois inspetores do SEF com mais de 12 anos de serviço e conhecidos do pessoal que trabalha no aeroporto de Lisboa. O terceiro suspeito, que não estava identificado na carta, é um agente da Polícia Marítima que entrou para os quadros do SEF há pouco tempo.

Na altura em que recebeu a carta, a PJ já sabia que Ihor não tinha sido vítima de um ataque de epilepsia ou de uma paragem cardiorrespiratória, mas sim de homicídio.

Os três inspetores do SEF, que podem arriscar uma pena de prisão de até 25 anos por homicídio qualificado, estão em prisão domiciliária. Uma enfermeira, dois socorristas da Cruz Vermelha e o médico do INEM que declarou o óbito estão igualmente a ser investigados, depois de terem assistido o cidadão ucraniano.

O caso foi revelado pela TVI, que adiantou que o cidadão ucraniano, proveniente da Turquia, queria entrar em Lisboa, mas foi barrado na alfândega do aeroporto pelo SEF, que o impediu de entrar enquanto turista.

O SEF decidiu que o imigrante embarcaria no voo seguinte de regresso à Turquia, mas, entretanto, o homem terá reagido mal ao impedimento de entrar em Portugal. Foi levado para uma sala de assistência médica, no Centro de Instalação Temporária do aeroporto, onde terá sido torturado e morto.

O relatório da autópsia aponta que agressões na zona da caixa torácica que levaram a asfixia provocaram a morte do imigrante de leste.

Na sequência deste caso, o diretor e o subdiretor da Direção de Fronteiras de Lisboa do SEF foram demitidos na passada segunda-feira.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Que tristeza para Portugal e a nossa maneira de receber. Quando li custava a acreditar li duas vezes esperando algum engano. Quando me apercebi que era verdade, senti verdadeira repulsa nao havendo nada que justifique tal açao, mesmo, se a referida pessoa se tivesse portado muito mal. Enfim tempos de hoje que nao compreendo, ou pessoas muito mal formadas,

  2. Às vezes fico a pensar se, quando estou a falar com um qualquer agente de autoridade, se não estarei à frente dum sujeito da pior espécie. Indivíduos como estes não podem apanhar nem um minuto a menos do que a pena máxima ou as instituições policiais não podem mais ter qualquer crédito. Bem, pelo menos não foi com um negro senão já estávamos fartos de ouvir os do costume. É irónico não haver qualquer justificação para esta barbárie pois nem sequer existe racismo para nos ajudar a compreender (mas não a aceitar). A única coisa que nos sobra, a nós como sociedade em que esses indivíduos se inserem, é um sentimento de vergonha e uma sensação de horror.

  3. Era bom que as pessoas em geral e quem escreve comentários em particular tivesse sempre presente um princípio basilar do estado de direito: a presunção da inocência. Esse conceito seria talvez mais fácil de interiorizar se fosse o Mauricio Lopes ou o P. Ribeiro a serem acusados de um crime. A acusação não é um veredicto, mas um ponto de partida para a descoberta da verdade. Sem a presunção de inocência, qualquer um de nós seria, à partida, condenado e não faria qualquer sentido o julgamento. Pensem nisso.

RESPONDER

Cientistas encontram dois fragmentos do meteorito de Barcelona

Cientistas espanhóis encontraram dois pequenos fragmentos do chamado meteorito de Barcelona, que caiu, há mais de 300 anos, no dia de Natal. No dia 25 de dezembro de 1704, um meteorito rasgou os céus e caiu …

"Pressionaram-me para o denunciar". Higuita recorda amizade com Escobar

A relação de amizade entre René Higuita e Pablo Escobar levou a que o ex-futebolista fosse seguido pelas autoridades. A polícia chegou a pressioná-lo para denunciar Escobar. O antigo internacional colombiano René Higuita é provavelmente uma …

George Floyd. Portugal junta-se às manifestações mundiais contra o racismo

Cinco cidades portuguesas juntam-se hoje à campanha de solidariedade mundial contra o racismo, associando-se à luta pela dignidade humana na sequência da morte, a 25 de maio, do afro-americano George Floyd, sob custódia da polícia …

Covid-19. México investiga mercado negro de atestados de óbito falsos

As autoridades da Cidade do México anunciaram que estão a investigar um suposto mercado negro de atestados de óbito relacionado com a covid-19, no dia em que o país registou 625 mortes nas últimas 24 …

Astrónomos descobrem "réplica" do Sol e da Terra a três mil anos-luz

O que diferencia esta descoberta de outros exoplanetas parecidos com a Terra é que a sua estrela tem uma semelhança impressionante com o nosso Sol. Entre os dados da missão Kepler, uma equipa de investigadores identificou …

Sem romarias e festas, milhares de famílias estão a entrar em falência

Milhares de famílias cujo rendimento depende das romarias e festas populares estão a atravessar sérias dificuldades económicas. Os prejuízos ultrapassam os 50 milhões de euros. A suspensão das festas populares e romarias religiosas em todo o …

Corpo de Maria Velho da Costa ficou 11 dias na morgue. Filho critica MP e fala em "massacre psicológico"

Os restos mortais da escritora Maria Velho da Costa, que faleceu a 23 de Maio, ficaram no Instituto de Medicina Legal, em Lisboa, durante 11 dias, sem que a família tivesse conhecimento de que já …

"Vocês são uns ingratos". Vieira arrasa equipa após empate com o Tondela

Luís Filipe Vieira foi ao balneário falar com os jogadores após o empate com o Tondela. O presidente benfiquista mostrou-se irritado e acusou os futebolistas de ingratidão. Depois do empate do SL Benfica com o CD …

Costa tirou o tapete ao seu "super-ministro" (que é cada vez mais candidato a líder do PS)

Pedro Nuno Santos, ministro das Infraestruturas, já foi um peso-pesado do Governo de António Costa, mas o primeiro-ministro desautorizou-o na discussão sobre o futuro da TAP, num claro sinal de que a "lua-de-mel" entre os …

Há dois candidatos na calha para suceder a Centeno. Siza Vieira fora da corrida

Pedro Siza Vieira era apontado como o favorito a suceder a Mário Centeno na pasta das Finanças, mas recusou essa possibilidade. Nelson de Souza e João Leão são agora os dois principais candidatos. Com a saída …