Inspectores da PJ detidos por alegadamente receberem luvas de cartéis de droga

PJ / Facebook

A Polícia Judiciária (PJ) está a efectuar uma mega-operação que visa inspectores e ex-inspectores da própria força policial, suspeitos de envolvimento em crimes de tráfico de droga, branqueamento de capitais e corrupção.

O Correio da Manhã avança que foram detidos o inspector-chefe Ricardo Macedo e o ex-inspector Dias Santos, agora reformado, “dois quadros históricos do combate ao tráfico de droga” da PJ que são suspeitos de receber luvas de traficantes para deixar entrar estupefacientes no país.

Segundo a Renascença, ao todo já terão sido detidas 15 pessoas, entre 39 e 61 anos, nesta ação a cargo da Unidade Nacional de Combate à Corrupção (UNCC), em colaboração com a Unidade Nacional de Combate ao Trafico de Estupefacientes (UNCTE), no âmbito de um inquérito dirigido pelo Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP).

A PJ ainda está no terreno, numa ação com quase 250 agentes, magistrados judiciais e do Ministério Público que levam a cabo 120 buscas no âmbito da “Operação Aquiles“, pelo que podem ocorrer mais detenções ao longo do dia.

De acordo com uma nota da Procuradora-Geral da República, “investigam-se, designadamente, suspeitas da prática dos crimes de corrupção ativa e passiva, tráfico de estupefacientes agravado, associação criminosa e branqueamento”.

Ainda são poucos os dados conhecidos do caso a cargo do Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP), não se sabendo, nomeadamente, quais serão os valores das luvas em causa.

Suspeita-se que sejam números elevados, dado que há indícios de ligações a “um dos mais importantes cartéis de droga da América do Sul”, segundo o CM.

O jornal refere que os elementos detidos são suspeitos de receberem subornos para “fornecerem informações privilegiadas e criarem manobras de diversão, dentro da própria PJ, que permitiram a entrada de grandes quantidades de cocaína em Portugal nos últimos anos, escapando assim ao controlo policial”.

ZAP

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Mas alguém ainda tem dúvidas que a PJ integra algumas “ovelhas” ranhosas dentro da instituição? Como se poderá explicar o insistente tráfico sem a conivência de gente poderosa ? Como se poderá justificar alguns sinais exteriores de riqueza por parte de funcionários públicos cujos vencimentos estão tabelados ?
    A ingenuidade tem limite ! Assim como a mentira e o embuste.

  2. Afinal será que ainda poderemos confiar em alguém e as coisas a continuarem por este caminho ainda restará espaço para alguém honesto viver no meio desta choldra politica e mafiosa?.

  3. Porque nunca se vê nada do que é apanhado? Há grandes corruptos na PJ ou a vida faustosa que fazem será do ordenado mensal que usufruem? Como é que o erário público sabe que toda a droga apreendida, dinheiro, armas e tudo o resto não vai para mãos ilícitas? Não sabe….pois…

  4. pj e tudo farinha do mesmo saco de branca… deviam era começar a fazer uns despistes de droga aos agentes que ainda se iriam rir bastante ahahahah propz de almada pedro papedro

Responder a Jules Cancelar resposta

Novas demissões na Agência de Informações Financeiras do Vaticano

Um membro da entidade de regulação financeira do Estado do Vaticano, Marc Odendall, demitiu-se na sequência de buscas realizadas pela polícia e que originaram na suspensão do organismo do sistema de comunicações global. Marc Odendall, banqueiro …

Governo e Liga de clubes discutem redução do IVA para espetáculos desportivos

Secretário de Estado do Desporto afirma querer ouvir as reivindicações do organismo, mas sem se comprometer. O secretário de Estado da Juventude e do Desporto anunciou ontem que vai reunir-se com representantes da Liga Portuguesa de …

Tufão obriga a retirada de cerca de cinco mil pessoas do norte das Filipinas

Cerca de cinco mil pessoas foram retiradas do norte das Filipinas devido à aproximação do tufão Kalamaegi, que deverá tocar terra na província de Cagayan nas próximas horas, disseram esta terça-feira as autoridades locais. "Estamos preparados …

Acabaram-se as trotinetas no Algarve. Duraram 10 meses

A vereadora considera, no entanto, que a experiência foi “positiva”, já que permitiu recolher dados de mobilidade, nomeadamente, da utilização destas soluções em pequenos trajetos, ao mesmo tempo que colocou a questão na agenda pública. Sophie …

EasyJet diz que será a primeira a alcançar a neutralidade carbónica na aviação

A companhia aérea britânica easyJet afirmou esta terça-feira que será a primeira no mundo a alcançar a neutralidade carbónica através das compensações. Num comunicado publicado no seu site oficial, a companhia low cost anuncia ainda um …

Número de pré-avisos de greve até outubro é o mais alto dos últimos quatro anos

O número de pré-avisos de greve até outubro foi o mais alto dos últimos quatro anos, totalizando 781, segundo dados da Direção Geral do Emprego e das Relações do Trabalho (DGERT). Entre janeiro e outubro deste …

Na Índia, já há "bares de oxigénio" para quem quiser respirar ar puro

A Índia é um dos países mais contaminado do mundo. Desde o final de outubro, a poluição alcançou um nível crítico devido à queimada de restolhos nos campos. Agora, há uma solução arrojada para que os …

Depois do Papão Harrison, o novo exame foi "duro" (e muitos jovens médicos já pensam em emigrar)

Foram quatro horas de exame, com 150 perguntas, na temida Prova Nacional de Acesso para a Formação Especializada em Medicina e muitos dos jovens médicos não conseguiram concluí-la. Os que temem não conseguir aceder à …

Situação trágica. "Veneza está a desaparecer"

A situação em Veneza é trágica, com 85% da cidade italiana inundada depois das piores cheias dos últimos anos. Mas estas inundações são apenas um alerta para o que pode vir a seguir, já que …

Documentos internos do governo chinês revelam plano "sem piedade" contra muçulmanos

O jornal norte-americano New York Times recebeu 403 páginas de documentos internos do governo chinês relacionados com a limpeza étnica na província de Xinjiang. Nesta província, foram criados mais de 500 campos de concentração onde uigures, …