Índia suspende a construção da primeira linha do comboio ultra-rápido Hyperloop

Hyperloop One

As autoridades estatais do estado indiano de Maharashtra decidiram suspender a construção da primeira linha do comboio ultra-rápido Hyperloop, que iria ligar as movimentadas cidades de Bombaim e Pune.

O Governo local decidiu não avançar para a construção do tubo de transporte de propulsão magnético idealizado pelo CEO e fundador da Tesla e Space X, o visionário Elon Musk, até que o projeto seja testado com sucesso noutros países.

Deixem o projeto acontecer noutro lugar. Deixem-no ter sucesso a pelo menos uma distância de 10 quilómetros numa cidade do exterior”, disse Ajit Pawar, vice-ministro-chefe de Maharastra, onde as duas cidades estão localizadas, citado pelo jornal India Today.

“Não temos capacidade para testar o Hyperloop. Vamos concentrar-nos noutros meios de transporte e, enquanto isso, e se esta tecnologia for desenvolvida através de testes bem-sucedido no exterior, podemos pensar nisso”, revelou.

Em julho, o Governo de Maharashtra aprovou um projeto para a renovação dos transportes entre Bombaim e Pune, cidades com 12 e 6 milhões de habitantes, respetivamente. O projeto envolveria o investimento de 10 mil milhões de dólares e tinha como objetivo percorrer os 117,5 quilómetros entre estas mega-cidades em apenas 23 minutos.

Atualmente, não existe nenhum Hyperloop totalmente funcional no mundo. A Índia iria ser o primeiro  país a implementar o projeto desenhado por Elon Musk em 2013.

Este projeto de comboio ultra-rápido consiste em várias cápsulas que são movidas por propulsão magnética através de um tubo selado a vácuo, permitindo assim atingir velocidades que vão até aos 1.200 quilómetros por hora.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Foge! Não era eu que me ia meter ali! Deve ser o que se chama ir pelo cano! De qualquer forma, acho sempre um piadão a esse país! Tem uns comboios em que as pessoas viajam como gado e até nos tejadilhos mas pensam em gastar uma fortuna numa coisa nunca testada e saída da cabeça de um visionário que, entre outras coisas, quer enviar centenas de pessoas para Marte. Pelo menos temos que lhe admitir a honestidade de ter advertido que quem for a Marte deverá estar preparado para morrer.

    • Pois, não és nenhum pioneiro.
      Andas de carro, avião, comboio, mota, skate, patins, bicicleta?

      Cuidade que podes te magoar!

      • Se leste o texto do artigo, deverás ter verificado que os próprios indianos duvidam da segurança do Hyperloop. Por isso esse teu comentário a um comentário não faz qualquer sentido.

  2. Este meio de transporte já eu o tinha pensado na minha adolescência, no momento em que uma professora da secundária ensinou que no espaço não havia atrito. É uma pena que andemos a gastar desmesuradamente os recursos do planeta com as empresas de fabrico de automóveis a encherem os bolsos, mesmo com a proliferação do automóvel electrico. Tal como cada homem individualmente por vezes escolhe para a sua vida caminhos prejudiciais, assim as sociedades e humanidade no conjunto também o fazem, e não é uma questão de manter o espírito aberto, é sim antes de mais de coerência e maturidade intelectual. O Hiperloop é um meio de transporte não poluente e rápido e seguro. Muitos aviões caíram e continuarão a cair, muitos automóveis têm acidentes, e acredito plenamente que após os devidos testes o hiperloop será o mais seguro de todos. Por vezes constacto a existência de comentários efectuados por indivíduos que desconhecem por completo o que é abertura de pensamento e ideias e sonhos, e são esses precisamente que parecem ter a convicção plena do que dizem, quando a esses penso que não vou perder mais tempo, a não ser dizer que diriam precisamente o mesmo quando vissem alguem a fazer o primeiro voo num rudimentar avião ou mesmo aquando da invenção do sapato.

    • Que pena não teres registado a patente, génio! Mas sempre te podes oferecer para cobaia no do deserto do Nevada. Não te esqueças é de mandar um postal a relatar a tua experiência.

RESPONDER

Morreu Maria João Abreu. Atriz tinha 57 anos

Maria João Abreu morreu esta quinta-feira, após ter sofrido dois aneurismas. A atriz tinha apenas 57 anos. Maria João Abreu estava internada no Hospital Garcia de Orta, em Almada. A atriz, de 57 anos, foi submetida …

Um óbito e 436 novos casos registados nas últimas 24 horas

Esta quinta-feira, Portugal regista mais um óbito e 436 novos casos de infeção, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da Direção-Geral da Saúde, o país …

O "palheiro" de Vieira é agora um jardim (foi comprado pela Câmara de Vila Franca de Xira)

Luís Filipe Vieira, presidente do Benfica, já não é dono do "palheiro" que foi entregue como aval pessoal no âmbito de empréstimos concedidos pelo Novo Banco. O dirigente vendeu o imóvel à Câmara de Vila …

Fim das moratórias. Banco de Fomento está a trabalhar com outros bancos

O Banco Português de Fomento está a trabalhar com vários stakeholders, nomeadamente os bancos, para ter o fim das moratórias em conta com a perspetiva para este e o próximo ano. Nos próximos tempos, o Banco …

Pessoas com 55 anos ou mais já podem agendar a vacina contra a covid-19

Depois dos maiores de 60 anos, chegou a vez da inscrição dos utentes com 55 anos ou mais. Estes cidadãos já podem agendar a toma da vacina contra a covid-19. O auto-agendamento para a vacina contra …

Primeiro-ministro israelita garante que o país usará "força crescente" contra Hamas

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, avisou na quarta-feira que Israel vai continuar a intensificar a força dos ataques retaliatórios contra as milícias palestinianas em Gaza e que vai visar vários comandantes da liderança militar do …

Melhorias nos edifícios e uma nova plataforma. PRR tem 45 milhões para ajudar pessoas com deficiência

O Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) tem 45 milhões de euros para acelerar as acessibilidades físicas para pessoas com deficiência ou incapacidades. Na terceira componente do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) disponibilizado pelo Governo, …

Siza Vieira diz que Governo está “disponível para colocar recursos públicos” na transição digital

Pedro Siza Vieira revelou estar "inteiramente disponível para colocar recursos públicos" ao serviço da transição digital e assegurou que o país "está preparado" para aproveitar fundos da UE. O ministro da Economia e da Transição Digital …

Partido de Macron impede candidata de concorrer a eleição por usar hijab

O partido do presidente francês Emmanuel Macron impediu uma mulher muçulmana de concorrer como candidata às eleições locais porque tirou uma fotografia para um panfleto de campanha usando um hijab na cabeça. Sara Zemmahi ficou famosa …

Coroa de D. Maria II arrematada por 1,3 milhões. Não vem para Portugal por falta de dinheiro

A tiara de diamantes e safiras da década de 1840, que pertenceu à rainha D. Maria II e suscitou interesse da direção do Palácio Nacional da Ajuda, foi arrematada em leilão da Christie’s por 1 …