A “ilha dos deuses” do Japão vai cobrar bilhete de entrada aos turistas

Depois de locais como Veneza, em Itália, e a ilha dos dragões de Komodo, na Indonésia, também Miyajima, a “ilha dos deuses” do Japão, irá cobrar bilhete de entrada aos turistas.

A ilha localiza-se a uma curta viagem de ferry a partir de Hatsukaichi, Património da Humanidade pela UNESCO, e é célebre pelos veados que passeiam livremente, pelos templos, santuários e, muito particularmente, por uma grande porta laranja no meio das águas e, ao fundo, um santuário do séc. XII que parece flutuar.

Considerado um dos locais mais belos do Japão, Miyajima é visita obrigatória entre os turistas. Milhares passam pela ilha diariamente. Em 2018, o número de visitantes ultrapassou os 4,3 milhões. Com Tóquio a receber os Jogos Olímpicos em 2020, recorda o jornal Público, é provável que os números aumentem significativamente.

Entre o controlo das massas e a necessidade de fundos para a manutenção do local, o presidente da câmara local, recém-eleito e que defendeu nos debates o pagamento, quer passar a implementar entrada paga para a ilha. O valor deverá ser quase simbólico: 100 ienes – o equivalente a 83 cêntimos.

“É necessário assegurar novos recursos financeiros para podermos manter continuamente a qualidade da ilha como ponto turístico”, resumiu Taro Matsumoto, que dirige agora Hatsukaichi, em declarações à CNN.

De acordo com o jornal japonês The Asahi Shimbun, taxas semelhantes já são cobradas em vários locais em ilhas da região de Okinawa (casos de Izena, Iheya, Tokashiki e Zamami), pelando a uma contribuição para o ambiente.

Estas taxas não são exclusivas do Japão. Atualmente, os turistas que queiram visitar a Ilha de Komodo, o famoso lar de mais de 5.000 dragões de Komodo, na Indonésia, têm de pagar entre 9 a 11 euros. Porém, no futuro, os bilhetes poderão chegar aos 900 euros.

Já em Itália, a partir de 2020, Veneza vai cobrar uma taxa de entrada aos turista, como forma de controlar o sobreturismo. A partir do verão, os turistas que cheguem à cidade e às ilhas da laguna em visita de passagem pagarão até 10 euros. O custo base de acesso será três euros em época baixa. Em época alta, o valor poderá subir aos oito euros. Em períodos “críticos”, como o Ano Novo, Carnaval e Páscoa, a taxa a 10 euros.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Comissão Europeia "otimista" na rápida retoma económica em Portugal

A Comissão Europeia diz estar "razoavelmente otimista" sobre uma "rápida recuperação" económica de Portugal após a crise gerada pela covid-19 e considera que a forma como o país "controlou" a pandemia beneficiará a retoma do …

Nova Zelândia decreta em junho erradicação de contágios. Está há 13 dias consecutivos sem novos casos

A Nova Zelândia, país que tem sido apontado internacionalmente como exemplar no combate à pandemia de covid-19, prevê decretar a “erradicação da doença” no país no próximo dia 15 de junho. A informação foi avançada esta …

Secretário da Defesa discorda de Trump no envio de tropas para conter distúrbios. Aliados europeus afastam-se

O Secretário norte-americano da Defesa, Mark Esper, rompeu na quarta-feira com o Presidente, Donald Trump, no apoio ao envio das forças armadas para as cidades e os estados que se recusarem "a tomar as medidas …

Vai "nascer" em Arouca a maior ponte suspensa do mundo. É a esperança para fazer renascer o turismo

O Turismo de Arouca está a enfrentar dificuldades devido à quebra gerada pela pandemia, mas os empresários aguardam com expectativa a abertura daquela que será a maior ponte suspensa do mundo, já descrita como "extraordinária". Ainda …

"Será difícil não voltar a adiar a abertura" dos centros comerciais na região de Lisboa

O presidente da Associação dos Médicos de Saúde Pública, Ricardo Mexia, considerou que "será difícil não voltar a adiar a abertura" dos centros comerciais na Grande Lisboa, tendo em conta os números da região nos …

Atraso na partilha de informação. Responsáveis da OMS recusam responder a perguntas sobre China

Os mais altos responsáveis da Organização Mundial de Saúde (OMS) recusaram-se esta quarta-feira a responder diretamente a perguntas sobre um atraso da China na partilha do mapa genético do novo coronavírus com a agência. Três perguntas …

Espanha reabre fronteiras a 22 de junho. Portugal diz que ainda não há uma decisão tomada

Espanha vai reabrir as fronteiras com Portugal e França a 22 de junho. O país tinha planeado abrir as fronteiras ao turismo estrangeiro a 1 de julho, mas decidiu adiantar a data. Porém, Portugal diz …

Conceição critica arbitragem, mas em Espanha fala-se de penálti de Pepe "que roça o escândalo"

Os 'dragões' perderam no primeiro jogo após a retoma do campeonato. Sérgio Conceição deixou críticas à arbitragem, mas em Espanha fala-se de um penálti escandaloso... de Pepe. O FC Porto ficou com a liderança da I …

Redução do IVA, abono para crianças e incentivos para comprar elétricos. O plano de 130 mil milhões de Merkel

A chanceler alemã, Angela Merkel, anunciou esta quinta-feira um pacote de estímulo de 130 mil milhões de euros para este ano e 2021, para impulsionar a economia do país, duramente atingida pela pandemia de covid-19. Entre …

De Jorge Jesus a Bruno de Carvalho. Rui Pinto terá espiado 72 pessoas e entidades

O português Rui Pinto terá espiado 72 pessoas e entidades, acusa o Tribunal da Relação de Lisboa. A defesa do denunciante criticou a manutenção da prisão preventiva. De acordo com o acórdão do Tribunal da Relação …