Hillary Clinton já canta vitória mas Bernie Sanders não desiste

cobblucas / Flickr

Hillary Clinton, ex-vice-presidente de Barack Obama, mulher do ex-presidente Bill Clinton

Hillary Clinton, ex-vice-presidente de Barack Obama, mulher do ex-presidente Bill Clinton

A ex-secretária de Estado já confirmou que conseguiu os apoios suficientes para ser nomeada candidata pelo Partido Democrata. Apesar disso, o seu rival recusa a derrota e vai continuar na luta.

Hillary Clinton já atingiu o número de delegados necessários para garantir a nomeação pelo Partido Democrata na corrida à Casa Branca marcada para novembro deste ano.

Foi a própria antiga secretária de Estado norte-americana quem o confirmou, perante os seus apoiantes em Nova Iorque, depois de saber que ganhou as primárias de terça-feira no estado de Nova Jersey.

Clinton afirmou que “pela primeira vez na história” dos Estados Unidos da América “uma mulher será nomeada por um grande partido” como candidata à Presidência.

Ainda na terça-feira, e antes da realização das primárias, diversos meios de comunicação social norte-americanos haviam já calculado que a ex-primeira-dama possuía os apoios necessários para ser nomeada.

Além de Nova Jersey, houve também primárias do Partido Democrata na Califórnia, Dakota do Sul e do Norte, Novo México e Montana.

Segundo as projeções, Clinton ganhou em Nova Jersey e Novo México. Já Bernie Sanders venceu na Dakota do Norte e ainda não existem projeções ou resultados definitivos na Califórnia, Dakota do Sul e Montana.

Depois de reivindicar a vitória nas primárias democratas deste ano, Hillary dirigiu-se ao seu rival nesta corrida interna, a quem deu os parabéns “pela sua extraordinária campanha”.

“O senador Sanders, a sua campanha e o vigoroso debate que tivemos (…) foram muito positivos para o Partido Democrata e para a América”, afirmou.

“Acreditamos que somos mais fortes juntos”, disse ainda, insistindo em que as eleições deste ano “não são sobre as mesmas velhas lutas entre democratas e republicanos”: “São sobre aquilo que somos como nação”, considerou.

Clinton deixou ainda críticas a Donald Trump, que deverá ser o candidato pelo Partido Republicano, considerando-o “temperamentalmente” desadequado para o cargo de Presidente dos Estados Unidos.

Sanders não desiste

Por seu lado, o senador recusou ter sido derrotado e prometeu ficar para a convenção democrata.

“Vamos lutar muito para ganhar as primárias de Washington”, disse aos seus apoiantes na Califórnia, referindo-se às derradeiras eleições primárias democratas da próxima terça-feira, prometendo levar depois a luta pela “justiça social, económica, racial e ambiental para Filadélfia”, onde vai ter lugar, de 23 a 25 de julho, a Convenção Nacional do Partido Democrata para formalmente designar o candidato que irá desafiar Trump.

“Eu sou muito bom a matemática e sei que a luta que temos pela frente é muito, muito difícil. Mas nós continuaremos a nossa batalha por cada voto e por cada delegado”, afirmou Sanders, que não deixou de felicitar Clinton pelas vitórias da noite.

Nada impede que Bernie Sanders permaneça tecnicamente na corrida, mesmo que se admita que a convenção vai resultar na investidura da sua rival. “A luta continua!”, concluiu o senador.

O próprio Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, felicitou Clinton pela sua vitória nas primárias do Partido Democrata.

“A sua histórica campanha inspirou milhões e é uma extensão da sua luta de vida pelas famílias e crianças da classe média”, afirmou Obama sobre a ex-secretária de Estado.

A Casa Branca anunciou ainda que o Presidente norte-americano vai receber Sanders na quinta-feira a pedido do senador.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Há uma planta na Austrália que é masculina, feminina e bissexual

Cientistas da Bucknell University (Austrália) descobriram uma espécie de planta que pode ser masculina, feminina e bissexual. Os investigadores publicaram a descoberta na revista PhytoKeys e chamaram a amostra, que foi descrita em 1970, mas não …

Astrónomos descobrem a mais antiga colisão de galáxias conhecida

Uma equipa internacional de investigadores descobriram o exemplo mais antigo de uma colisão entre duas galáxias. A luz dessa fusão teve de viajar durante 13 mil milhões de anos para chegar até nós, uma vez …

Asteróide do tamanho da Torre Eiffel vai passar pela Terra. É a segunda maior aproximação em 120 anos

Na segunda-feira, dia de S. João no Porto, um asteróide muito grande - que pode ser tão grande como a Torre Eiffel - vai passar pela Terra a mais de 45 mil quilómetros por hora. O …

As eleições foram repetidas em Istambul. Erdogan voltou a perder (e por mais)

O candidato da oposição Ekrem Imamoglu ganhou hoje de novo as eleições municipais em Istambul, após a anulação de uma primeira votação, infligindo ao presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, o pior revés eleitoral em 17 …

No Azerbaijão, há chamas que ardem há quatro mil anos

Chamas altas dançam sem descanso num trecho de 10 metros de encosta. É o Yanar Dag - que significa "montanha em chamas" - na Península Absheron, no Azerbaijão. "Este fogo queimou 4.000 anos e nunca parou", …

A lendária Cidade Perdida do Deus Macaco é um refúgio de espécies "extintas"

A Cidade Branca, imponente sítio arqueológico detetado em 2012 nas selvas das Honduras, é também um "ecossistema prístino e próspero, cheio de espécies raras e únicas". A ONG americana Conservation International chegou a essa conclusão depois …

As mulheres têm mais doenças autoimunes do que os homens. A culpa pode ser da placenta

A hipótese da compensação da gravidez mostra que a evolução pode ter tido um papel importante no sistema imunológico das mulheres. Há cerca de 65 milhões de aos, depois da época dos dinossauros, surgiu o primeiro …

Cientistas conseguiram registar canto de uma das baleias mais raras do mundo

Cientistas conseguiram, pela primeira vez, registar sons de um pequeno grupo de baleias-francas-do-pacífico (Eubalaena japonica). Pela primeira vez, investigadores da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA) conseguiram gravar sons de um pequeno grupo de baleias-francas-do-pacífico (Eubalaena …

Único racismo português "é contra os ciganos" (e Portugal devia pedir-lhes desculpa)

O antropólogo e investigador José Pereira Bastos defendeu este domingo que Portugal deveria pedir desculpa aos ciganos e resolver o problema da habitação, apontando que não adianta de nada haver um Dia Nacional do Cigano. O …

Redes sociais podem ser uma ameaça para as experiências médicas

As redes sociais podem afetar severamente a maneira como se conduzem experiências médicas. A comparação de resultados entre voluntários, por exemplo, pode influenciar os resultados obtidos. Testar novos tratamentos farmacêuticos é um processo complicado. Muitas vezes, …