Na semana da sua grande conquista política, Boris arrisca guerra diplomática com Trump

Donald Trump insistiu nos riscos do acesso da gigante chinesa à rede 5G no Reino Unido, mas Londres deve anunciar parceria na terça-feira.

A semana em que o Reino Unido vai oficializar a sua saída da União Europeia (agendada para dia 31 de janeiro) pode ser assombrada por um conflito diplomático com os Estados Unidos. De acordo com o Público, está em causa o anúncio de uma acordo entre o Governo britânico e a Huawei, para permitir o acesso do gigante tecnológico à rede 5G do país.

Os Estados Unidos são o grande aliado comercial do Reino Unido no pós-divórcio com Bruxelas, mas têm feito vários avisos. Donald Trump telefonou pessoalmente a Boris Johnson, na passada sexta-feira, para lhe dar conta dos riscos do anúncio, recordando as relações próximas entre a Huawei e o Governo chinês – nomeadamente os serviços de informação do Estado chinês, que, dessa forma, pode permitir o acesso privilegiado de Pequim a uma rede de infraestruturas importantes no Reino Unido.

O Sunday Times avança ainda que o Presidente dos EUA insistiu que os dois países devem trabalhar em conjunto para chegar a uma alternativa à gigante chinesa, tendo comunicado a Boris que se este não desistir, estará a lançar bases para uma guerra diplomática.

“Dar luz verde ao acordo [com a Huawei] será uma grave ameaça para a segurança nacional”, avisou Donald Trump.

Por sua vez, em Downing Street argumenta-se que os chineses serão “excluídos de locais sensíveis”, como o Parlamento de Westminster ou as bases navais de Portsmouth, Faslane ou Devonport.

O eventual braço de ferro entre o Reino Unido e os Estados Unidos pode prejudicar tanto a posição de princípio de Washington nas negociações com Londres sobre um novo acordo de livre comércio, como a cooperação entre os serviços secretos dos dois países.

Segundo o diário, a Administração Trump chegou a ameaçar com a exclusão do Reino Unido do “Five Eyes” – o mecanismo de cooperação e de troca de informações entre EUA, Reino Unido, Austrália, Canadá e Nova Zelândia –, mas um funcionário do Governo britânico disse ao Sunday Times que os serviços secretos norte-americanos lhes garantiram que essa hipótese não está em cima da mesa.

Em relação às negociações entre Washington e Londres, o clima pode mesmo azedar. “O apetite para um acordo comercial EUA-Reino Unido pode diminuir se o Reino Unido tomar a decisão errada sobre a Huwaei”, alertou um alto funcionário da Casa Branca, em declarações ao Wall Street Journal.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Considerando que a NSA pode ver e ouvir tudo e todos no mundo, os EUA sabem muito bem o potencial da Huawei. Na Europa, a Huawei comprou a sua concorrente directa da EU, na Belgica para além de mais alguns spin-off’s da Universidade da Lovaina e a partir daí estamos f*didos na mesma. Para além disso, o que é que os EUA tem neste momento pra oferecer em alternativa?

    • Ai Paulo que tu quando estás caladro roças a genialidade. O pior é quando te lembras de exteriorizar o que a tua mente te permite.

      • O Sr. Paulo disse uma grande verdade. Os Americanos têm de facto a mania de controlar tudo e todos, se não sabe disso deveria estar mais bem informado até porque isto é assumido por eles próprios.

  2. Todos pelos direitos humanos, até que lhes cheguem à carteira.
    É igual ao tuga. A Isabel dos Santos também era venerada aqui pelos subditos do ocidente, até que lá fora a começaram a processar e de repente aqui os papagaios começaram a falar para não parecer mal e não por causa da exploração dos pobres angolanos.

    Agora preferirem ser governados pela china em vez dos eua é que não percebo, mas as pessoas também com a capacidade intelectual que têm neste país já nada me admira.

Operação "Páscoa em Casa" já arrancou. Até segunda-feira, não pode sair do seu concelho de residência

Circulação proibida fora do concelho de residência e aeroportos encerrados. Arrancou à meia-noite desta quinta-feira a aplicação das medidas decretadas pelo Governo para o período pascal - 9 a 13 de abril -, visando reduzir …

Encontrado no fundo do mar um organismo "sobrenatural" tão grande como um prédio de 11 andares

Uma equipa de investigadores capturaram imagens de um organismo "sobrenatural" nas águas da costa da Austrália Ocidental. Uma equipa a bordo de RV Falkor, o navio de investigação principal do Schmidt Ocean Institute, localizou o organismo, …

Há 1.400 anos, uma estranha luz vermelha apareceu no Japão (e já sabemos o que era)

O registo mais antigo de um fenómeno astronómico observado no Japão deixou uma marca importante na história japonesa e na literatura clássica. O fenómeno data de 30 de dezembro de 620 e há séculos que …

Cientistas convertem água em combustível solar

Uma equipa de investigadores britânicos usou uma metodologia única que permite transformar água em combustível solar, que pode ser uma solução para energia renovável. Esta metodologia única utilizada por uma equipa de cientistas da Universidade de …

"Em Casa d’Amália": RTP comemora cententário da fadista

A Fundação Amália Rodrigues junta-se à RTP para assinalar o centenário da fadista. O programa Em Casa d’Amália tem estreia marcada para a próxima sexta-feira (10) e reúne várias figuras da música portuguesa da atualidade. O …

Desapareceram 21 milhões de números de telefone na China. Mas o mistério foi resolvido

O porta-voz de uma das três maiores operadoras chinesas confirmou o desaparecimento dos utilizadores, mas deu uma explicação para este mistério. Nos últimos dias, surgiram vários relatos de notícias que davam conta de que, entre janeiro …

Mercadona doa 20 mil quilos de chocolate aos profissionais de saúde e aos mais carenciados

A Mercadona anunciou, esta quarta-feira, a doação de 20 mil quilos de chocolate ao Banco Alimentar Contra a Fome do Porto. O objetivo é proporcionar uma Páscoa mais doce aos mais carenciados e aos que …

"Paciente 1" em Itália recupera (e dá as boas-vindas a Giulia, a sua filha recém-nascida)

Giulia, a filha recém-nascida do "paciente 1" de Itália, veio para trazer alguma esperança ao país, em plena pandemia de covid-19. Mattia, de 38 anos, foi internado no dia 20 de fevereiro no hospital de Codogno, …

Investigadores transformaram o coronavírus em música (e já o podemos ouvir)

Uma equipa de investigadores do Instituto de Tecnologia de Massachussets (MIT) conseguiu transformar em som a estrutura da proteína spike, que permite que o novo coronavírus adira às células para infetá-las. Até agora, já pudemos ver …

Autoeuropa quer recorrer ao lay-off (e retomar produção a 20 de abril)

A administração da Autoeuropa quer promover um regresso gradual ao trabalho a partir de 20 de abril, pretendendo recorrer ao lay-off simplificado para os trabalhadores que não regressem ao trabalho nessa data. “O regresso ao trabalho …