Na semana da sua grande conquista política, Boris arrisca guerra diplomática com Trump

Donald Trump insistiu nos riscos do acesso da gigante chinesa à rede 5G no Reino Unido, mas Londres deve anunciar parceria na terça-feira.

A semana em que o Reino Unido vai oficializar a sua saída da União Europeia (agendada para dia 31 de janeiro) pode ser assombrada por um conflito diplomático com os Estados Unidos. De acordo com o Público, está em causa o anúncio de uma acordo entre o Governo britânico e a Huawei, para permitir o acesso do gigante tecnológico à rede 5G do país.

Os Estados Unidos são o grande aliado comercial do Reino Unido no pós-divórcio com Bruxelas, mas têm feito vários avisos. Donald Trump telefonou pessoalmente a Boris Johnson, na passada sexta-feira, para lhe dar conta dos riscos do anúncio, recordando as relações próximas entre a Huawei e o Governo chinês – nomeadamente os serviços de informação do Estado chinês, que, dessa forma, pode permitir o acesso privilegiado de Pequim a uma rede de infraestruturas importantes no Reino Unido.

O Sunday Times avança ainda que o Presidente dos EUA insistiu que os dois países devem trabalhar em conjunto para chegar a uma alternativa à gigante chinesa, tendo comunicado a Boris que se este não desistir, estará a lançar bases para uma guerra diplomática.

“Dar luz verde ao acordo [com a Huawei] será uma grave ameaça para a segurança nacional”, avisou Donald Trump.

Por sua vez, em Downing Street argumenta-se que os chineses serão “excluídos de locais sensíveis”, como o Parlamento de Westminster ou as bases navais de Portsmouth, Faslane ou Devonport.

O eventual braço de ferro entre o Reino Unido e os Estados Unidos pode prejudicar tanto a posição de princípio de Washington nas negociações com Londres sobre um novo acordo de livre comércio, como a cooperação entre os serviços secretos dos dois países.

Segundo o diário, a Administração Trump chegou a ameaçar com a exclusão do Reino Unido do “Five Eyes” – o mecanismo de cooperação e de troca de informações entre EUA, Reino Unido, Austrália, Canadá e Nova Zelândia –, mas um funcionário do Governo britânico disse ao Sunday Times que os serviços secretos norte-americanos lhes garantiram que essa hipótese não está em cima da mesa.

Em relação às negociações entre Washington e Londres, o clima pode mesmo azedar. “O apetite para um acordo comercial EUA-Reino Unido pode diminuir se o Reino Unido tomar a decisão errada sobre a Huwaei”, alertou um alto funcionário da Casa Branca, em declarações ao Wall Street Journal.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Considerando que a NSA pode ver e ouvir tudo e todos no mundo, os EUA sabem muito bem o potencial da Huawei. Na Europa, a Huawei comprou a sua concorrente directa da EU, na Belgica para além de mais alguns spin-off’s da Universidade da Lovaina e a partir daí estamos f*didos na mesma. Para além disso, o que é que os EUA tem neste momento pra oferecer em alternativa?

    • Ai Paulo que tu quando estás caladro roças a genialidade. O pior é quando te lembras de exteriorizar o que a tua mente te permite.

      • O Sr. Paulo disse uma grande verdade. Os Americanos têm de facto a mania de controlar tudo e todos, se não sabe disso deveria estar mais bem informado até porque isto é assumido por eles próprios.

  2. Todos pelos direitos humanos, até que lhes cheguem à carteira.
    É igual ao tuga. A Isabel dos Santos também era venerada aqui pelos subditos do ocidente, até que lá fora a começaram a processar e de repente aqui os papagaios começaram a falar para não parecer mal e não por causa da exploração dos pobres angolanos.

    Agora preferirem ser governados pela china em vez dos eua é que não percebo, mas as pessoas também com a capacidade intelectual que têm neste país já nada me admira.

RESPONDER

PJ faz buscas na Madeira e em Lisboa por fraude na obtenção de fundos europeus

Cerca de duas dezenas de buscas foram efetuadas, esta terça-feira, na Madeira e na Grande Lisboa no âmbito de um inquérito dirigido pelo Ministério Público (MP) que investiga crimes de fraude na obtenção de fundos …

França em choque com ação da polícia em acampamento de migrantes

A atuação da polícia durante o desmantelamento de um acampamento improvisado de migrantes no centro de Paris, na noite de segunda-feira, está a gerar críticas e indignação. Na noite desta segunda-feira, a polícia francesa dispersou algumas …

Centro Europeu de Controlo de Doenças alerta: países que retirem medidas para o Natal terão aumento de internamentos

O Centro Europeu de Controlo de Doenças estima que se os países que em outubro e novembro tomaram novas medidas para controlar a pandemia as levantassem a 21 de dezembro, os internamentos hospitalares aumentariam na …

Pensilvânia certifica vitória de Joe Biden nas eleições presidenciais

As autoridades da Pensilvânia certificaram, esta terça-feira, a vitória do democrata naquele estado nas eleições presidenciais norte-americanas. Na sua conta do Twitter, o governador local, o democrata Tom Wolf, escreveu que o Departamento de Estado da Pensilvânia …

Nos Países Baixos, há drive-ins para as crianças poderem visitar o Pai Natal em tempo de pandemia

Muito se tem falado de como será o Natal neste ano atípico. Contudo, há países que já começam a arranjar alternativas para a época festiva. Nos Países Baixos, os drive-ins estão a ser usados para …

Vereador da Educação de Lisboa ameaça autarca com “um par de murros”

O vereador da Educação da Câmara de Lisboa afirmou, num comentário no Facebook, em resposta a uma publicação de um vogal da Junta de Freguesia do Areeiro, estar disponível para lhe dar "um par de …

Papa Francisco critica negacionistas da covid-19 e fala da morte de George Floyd

O papa Francisco, num livro esta segunda-feira publicado, criticou os opositores ao uso de máscaras ou outras restrições impostas para conter a pandemia de covid-19, sublinhando que nunca se manifestariam contra a morte do afro-americano …

Fenprof reconhece abertura da tutela do Ensino Superior para negociar apesar de divergências

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) reconheceu esta segunda-feira a abertura do Governo para negociar algumas questões do Ensino Superior, depois de uma reunião em que a tutela e a organização sindical nem sempre estiveram …

Bombeiros vão receber verba adicional de três milhões de euros

As associações humanitárias de bombeiros vão receber uma verba adicional de três milhões de euros em 2021 para fazer face aos constrangimentos financeiros devido à pandemia de covid-19, segundo uma proposta do PS hoje aprovado. Este …

Media Capital desafia ERC e elege Mário Ferreira como presidente

Os acionistas da Media Capital elegeram, esta terça-feira, o empresário Mário Ferreira presidente da dona da TVI. A assembleia-geral esteve inicialmente convocada para 28 de outubro, tendo sido suspensa, retomando hoje os trabalhos e com uma …