Governo aprova subsídio de doença pago a 100% para doentes com covid-19

Tiago Petinga / Lusa

A ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Mariana Vieira da Silva, durante a conferência de imprensa para apresentar as medidas discutidas em Conselho de Ministros.

O subsídio de doença em caso de infeção pelo novo coronavírus vai ser pago na totalidade durante os primeiros 28 dias. Além disso, os pais que não comparecerem ao trabalho para acompanharem os filhos ou outros dependentes em isolamento profilático terão faltas justificadas.

O subsídio de doença em caso de infeção pelo novo coronavírus vai ser pago na totalidade durante os primeiros 28 dias, anunciou a ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Mariana Vieira da Silva, em conferência de imprensa, esta quinta-feira.

“Concretiza a adequação da proteção dos trabalhadores por conta de outrem e dos trabalhadores independentes do regime geral de segurança social, correspondente a 100% da remuneração de referência, até ao limite de 28 dias, no âmbito do subsídio por isolamento profilático ou do subsídio por doença, com efeitos a partir de 25 de julho”, lê-se no comunicado do Conselho de Ministros.

Até agora, os trabalhadores infetados com covid-19 tinham direito apenas a 55% da remuneração de referência.

A medida consta no Orçamento Suplementar e destina-se aos “trabalhadores por conta de outrem e dos trabalhadores independentes do regime geral de segurança social”.

O Jornal Económico escreve que a aprovação desta medida vem corrigir uma lacuna na lei, sendo que o pagamento na totalidade já estava previsto no Orçamento Suplementar, mas não estava a ser aplicado por não existir ainda legislação que regulamentasse este tipo de situações.

“O Governo procede à adequação da respetiva proteção dos trabalhadores por conta de outrem e dos trabalhadores independentes do regime geral de Segurança Social, correspondente a 100% da remuneração de referência, até ao limite de 28 dias, no âmbito do subsídio por isolamento profilático ou do subsídio por doença”, lia-se no Orçamento Suplementar, em vigor desde 25 de julho.

Segundo o jornal ECO, o Conselho de Ministro aprovou também um diploma que determina que os pais que não comparecerem ao trabalho para acompanharem os filhos ou outros dependentes em isolamento profilático terão faltas justificadas.

“Quem tenha de acompanhar um filho ou um dependente fica também com falta justificada durante os 14 dias”, disse Mariana Vieira da Silva.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Desapareceu tão misteriosamente como apareceu o monólito do deserto do Utah (e apareceu outro na Roménia)

O monólito de metal descoberto, na semana passada, no meio do deserto do Utah, nos EUA, desapareceu sem deixar rasto. O mistério adensa-se em torno do objecto que alguns já apelidaram de "extraterrestre", até porque …

The Crown: O que é verdade e ficção na nova temporada?

Não é novidade que as famílias reais da Europa, em especial a família real britânica, sempre despertaram muita curiosidade e interesse por parte do público. Desta forma, a plataforma de streaming Netflix decidiu investir, em …

Hubble avista possível "jogo de sombras" do disco em torno de um buraco negro

Algumas das vistas mais deslumbrantes do nosso céu ocorrem ao pôr-do-Sol, quando a luz do Sol penetra nas nuvens, criando uma mistura de raios brilhantes e escuros formados pelas sombras das nuvens e pelos feixes …

No Japão, houve mais suicídios num mês do que mortes por covid-19 no ano todo

No mês de outubro, o número de suicídios no Japão foi superior ao número de mortes por covid-19 desde o início da pandemia. De acordo com os dados do governo, foram registados 2153 suicídios no …

YouTube cria o primeiro videoclipe "infinito" de sempre. Reúne todas as versões de "Bad Guy" de Billie Eilish

"Bad Guy" de Billie Eilish tornou-se o primeiro vídeo de música infinito de sempre. Celebrando o facto de ter atingido a marca de mil milhões de visualizações, a artista juntou-se ao YouTube e criou uma …

Marítimo 1 - 2 Benfica | Águia faz terapia no “divã” de Pizzi

Após duas derrotas consecutivas para o campeonato (contra o Boavista e o Braga), o Benfica regressou às vitórias, na visita ao Marítimo, por 2-1. Um resultado que não disfarça as dificuldades e a intranquilidade que …

A Coreia do Sul vai ter táxis aéreos. Serão usados em serviços de emergência e turismo

A empresa chinesa de mobilidade aérea EHang concluiu três voos de teste na Coreia do Sul para demonstrar o seu novo transporte de passageiros. Trata-se de um táxi aéreo com capacidade de resposta de emergência …

Tartarugas marinhas transportadas para a Flórida depois de sofrerem reação hipotérmica

Quarenta tartarugas marinhas em vias de extinção foram transportadas para a Florida, nos Estados Unidos, depois de sofrerem uma reação de hipotermia na costa de Massachusetts. Quando as tartarugas marinhas são expostas à água fria por …

Apoiante de Trump doou 2,5 milhões para combater os resultados eleitorais. Agora, quer o dinheiro de volta

Um investidor de capital de risco da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, que doou 2,5 milhões de dólares para ajudar o ainda Presidente norte-americano, Donald Trump, a contestar os resultados eleitorais que deram a …

Petição de Cristina Ferreira contra cyberbullying já reúne mais de 37 mil assinaturas

Cristina Ferreira lançou este sábado (28) uma petição contra o ódio e a agressão na internet que já conta com mais de 37 mil assinaturas. O objetivo é levar este tema à Assembleia da República. Cristina …