Governo russo acusado de patrocinar programa de doping

ciamabue / Flickr

Mariya Savinova celebra a sua Medalha de Ouro no 800m nos Jogos Olímpicos de 2012 em Londres.

Um relatório independente divulgado esta segunda-feira pela Agência Mundial Antidopagem (AMA) conclui que o Governo russo dirigiu um programa de dopagem no desporto com apoio estatal, com participação ativa do ministro dos Desportos e dos serviços secretos.

O relatório do professor canadiano Richard McLaren refere que o programa “à prova de falhas” foi colocado em prática pelos responsáveis russos, inclusivamente durante os Jogos Olímpicos de Inverno Sochi 2014.

De acordo com o documento, o ministro dos Desportos da Rússia, Vitaly Mutko, teve “participação ativa” neste sistema, que teve a assistência dos serviços secretos nos laboratórios antidopagem de Moscovo e Sochi.

A AMA já pediu a exclusão dos atletas russos de todas as competições internacionais, incluindo os Jogos Olímpicos Rio 2016, na sequência da divulgação do relatório.

“A AMA pede ao movimento desportivo que impeça a participação de atletas russos em competições internacionais, enquanto o país realizar mudanças profundas”, refere o organismo em comunicado.

Para já, a suspensão em bloco está limitada ao atletismo, devendo os atletas de outras modalidades serem avaliados individualmente pelas respetivas federações internacionais, por indicação do COI, para poderem ser considerados elegíveis para participarem no Rio 2016.

A Rússia foi suspensa em novembro de 2015 pela Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF) depois da divulgação de um demolidor relatório independente da AMA, em que se denunciava um esquema de doping institucionalizado na Rússia.

No início de maio, a IAAF nomeou o canadiano Richard McLaren para dirigir a equipa que investigou as novas acusações de dopagem sobre desportistas russos que participaram nos Jogos Olímpicos de inverno Sochi 2014, feitas por um antigo chefe do laboratório antidopagem russo.

Grigory Rodchenkov, que se demitiu do cargo em novembro de 2015, afirmou à imprensa norte-americana que os atletas russos nos Jogos de Inverno de 2014 beneficiaram de um sistema de dopagem supervisionado pelo governo russo, estimando que vários atletas russos, nomeadamente 15 medalhados olímpicos, beneficiaram desse sistema.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

Trump insiste em rejeitar vitória de Biden. Bolsonaro diz que tem "informações" sobre "fraude"

O Presidente norte-americano, Donald Trump, disse este domingo que não desiste da rejeição da vitória do Presidente eleito Joe Biden, um democrata, insistindo nas acusações de suposta “fraude” eleitoral, apesar de os tribunais terem desvalorizado …

Lei da eutanásia pode ficar pronta em dezembro e seguir para Marcelo antes das presidenciais

A lei da eutanásia deverá estar concluída, na especialidade, em dezembro, podendo ser aprovada este ano e enviada para decisão do Presidente antes das eleições presidenciais de janeiro, disseram à Lusa fontes parlamentares. À Lusa, a …

90% dos docentes têm medo de serem infetados. Diretores das escolas ponderam abandonar o cargo

Nove em cada dez professores estão preocupados ou têm medo de estar nas escolas por considerarem que estão a ser ignoradas regras que garantem higienização e distanciamento correto em tempo de pandemia, revela um inquérito …

Rui Pinto fala em "tortura psicológica na prisão" (e critica António Costa)

O alegado pirata informático Rui Pinto criticou este domingo o primeiro-ministro António Costa no Twitter, acusando-o de desvalorizar “as questões de Estado de direito” . Numa mensagem publicada no Twitter, Rui Pinto acusou António Costa de …

Polónia avisa que mecanismo de condicionalidade pode ser usado contra Portugal

O Governo polaco avisou esta segunda-feira que o mecanismo de condicionalidade do pacote financeiro europeu, que vincula a distribuição de fundos ao Estado de Direito, poderia também ser usado no futuro contra Portugal, Espanha ou …

Apesar do apelo das autoridades, centenas de pessoas saíram à rua para fazer a festa em Guimarães

Foram muitos os nicolinos que se juntaram, na manhã deste domingo, no Centro Histórico de Guimarães. O típico cortejo do Pinheiro deveria ter-se realizado ontem à noite mas devido às restrições aplicadas no âmbito do …

"Ainda tem muito a oferecer". Poiares Maduro vê Passos a suceder a Ursula von der Leyen na Comissão Europeia

Miguel Poiares Maduro, ex-ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional, disse, em entrevista à TSF, que Pedro Passos Coelho "tem qualidades políticas que lhe permitem aspirar a qualquer cargo político em Portugal". Em entrevista à TSF, o …

"Ou o Governo nos recebe ou levam-nos de ambulância ou caixão". Ljubomir e mais 8 em greve de fome

Nove elementos do movimento "A pão e a água" estão em greve de fome desde a passada sexta-feira, 27 de Novembro. São empresários da restauração e da animação nocturna, entre os quais se encontra o …

Bombeiros "em falência" exigem que Estado pague dívidas de 44 milhões de euros

O presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Jaime Marta Soares, diz que as corporações de bombeiros estão "em falência técnica" e reclama ao Estado o pagamento de 44 milhões de euros em dívidas. A Liga dos …

Médico de Maradona investigado por suspeitas de homicídio por negligência

O médico de Diego Maradona está sob investigação por suspeitas de homicídio por negligência. Leopoldo Luque desmente e diz que não tem nada a esconder. A casa e o consultório do médico de Diego Maradona, em …