Governo remodelado esta quinta-feira com nova Secretaria de Estado

Mário Cruz / Lusa

-

O primeiro-ministro afirmou, esta quarta-feira, na abertura do debate sobre o Estado da Nação, que irá apresentar ao Presidente da República, na quinta-feira, os novos secretários de Estado, destacando a autonomização da área da habitação com a criação de uma nova Secretaria de Estado no seu Governo.

António Costa falava na abertura do debate sobre o Estado da Nação, na Assembleia da República, na parte da sua intervenção dedicada aos desafios do Governo na segunda metade da legislatura.

“No ajustamento governativo que amanhã apresento ao Presidente da República, está previsto precisamente a autonomização da habitação como Secretaria de Estado“, declarou o primeiro-ministro, numa alusão ao processo relacionado com a saída de três secretários de Estado – da Internacionalização, Assuntos Fiscais e Indústria – na sequência das viagens que efetuaram ao Euro 2016 pagas pela Galp.

De acordo com António Costa, a habitação tem de ser uma “nova área prioritária nas políticas públicas, dirigida agora às classes médias e em especial às novas gerações”.

As novas gerações “não podem ficar condenadas ao endividamento ou ao abandono do centro das cidades, sendo necessário promover a oferta de habitação para arrendamento acessível”, declarou.

Também no debate sobre o Estado da Nação, o primeiro-ministro respondeu ao pedido de demissão dos ministros da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, e da Defesa Nacional, Azeredo Lopes, feitos pela líder do CDS, Assunção Cristas.

Obviamente que não demito nenhum ministro. Obviamente que não demito a ministra da Administração Interna. Obviamente que não demito o ministro da Defesa Nacional. Deixe-me dizer-lhe uma outra coisa ainda mais fácil: tudo aquilo que qualquer uma das minhas ministras ou dos meus ministros fizer, será sempre responsabilidade minha”, afirmou.

A presidente do CDS-PP tinha terminado a sua primeira intervenção no debate do Estado da Nação pedindo ao chefe do executivo que dissesse “cara a cara”: “Vai ou não demitir a sua ministra da Administração Interna? Vai ou não demitir o seu ministro da Defesa Nacional?”.

“Se mantiver tudo como está, então, tudo, mas tudo o que acontecer daqui para a frente nestas áreas já não tem qualquer para-raios, tudo lhe será atribuído a si diretamente. A sua responsabilidade passa a ser sua e só sua“, defendeu a líder centrista.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Pronto!! problemas resolvidos…
    a partir de 5ª feira, não haverá + roubos em quarteis, não haverá + corrupção, não haverá + falhas no SIRESP, não haverá + incendios nem mortos em consequencia dos mesmos, não haverá + greves nem na saude, nem do pessoal da TAP nem dos prefossores e nem das Suas Exas Os Senhores Magistrados.
    Em suma, a partir de 5ª feira, Portugal passará a ser o paraíso na terra.

RESPONDER

Governo indiano ordena inspeção a todos os centros da congregação da Madre Teresa

O Governo da Índia ordenou uma inspeção a todos os centros para crianças geridos pela congregação católica da Madre Teresa no país, após a detenção de uma das suas freiras por alegadamente vender bebés. A ministra …

Peru decreta estado de emergência na fronteira com a Colômbia

O Peru decretou na segunda-feira o estado de emergência por 60 dias na fronteira com a Colômbia, devido à presença de narcotraficantes e de dissidentes da antiga guerrilha das Forças Armadas Revolucionários da Colômbia. O Presidente …

CP acaba com o primeiro Alfa Pendular do dia (e reforça receios de colapso)

A partir de 5 de Agosto, deixa de haver o primeiro comboio Alfa Pendular do dia a realizar o percurso de Lisboa ao Porto. A CP - Comboios de Portugal vai acabar com esta ligação …

São feitos por dia quase 600 créditos para comprar carro

Vendem-se cada vez mais carros em Portugal. Só no mês de maio foram concedidos quase 290 milhões de euros e feitos mais de 20 mil contratos, segundo dados do Banco de Portugal. Os empréstimos para compra …

Transferência do Infarmed "ameaça saúde pública” em Portugal e no mundo

A presidente do Infarmed, Maria do Céu Chamado, alertou esta terça-feira que uma deslocalização da instituição pode ser uma “ameaça à saúde pública” em Portugal e também no mundo. Ouvida na comissão parlamentar de Saúde, a …

Campanha oficial do Brexit multada por violar lei eleitoral

A campanha oficial para o voto a favor da saída do Reino Unido da União Europeia - Vote Leave - foi multada por violar a lei eleitoral, anunciou esta terça-feira a Comissão Eleitoral. Segundo revelou a …

Bitcoin ajudou a financiar ciberespionagem eleitoral da Rússia, acusam os EUA

A bitcoin terá ajudado a financiar o esquema de ciberespionagem nos Estados Unidos levado a cabo por 12 agentes russos durante as eleições presidenciais de 2016. Segundo um relatório, apresentado esta sexta-feira pelo vice-procurador-geral dos Estados …

Parlamento chumba fim do adicional ao imposto dos combustíveis

O Parlamento chumbou esta terça-feira, na especialidade, com os votos da esquerda, o projeto de lei do CDS que punha fim ao adicional ao Imposto sobre os Produtos Petrolíferos (ISP). PS, PCP e Bloco chumbaram o projeto …

UE e Japão assinam acordo de comércio livre contra protecionismo

A União Europeia e o Japão assinaram nesta terça-feira, em Tóquio, um acordo de comércio livre que o presidente do Conselho Europeu considerou ser uma "mensagem clara" contra o protecionismo. "Enviamos uma mensagem clara de que …

Alunos da secundária Pedro Nunes tiveram de pagar 10 euros para se matricularem

Os alunos da Escola Secundária Pedro Nunes tiveram de pagar 10 euros para se matricularem. A diretora do estabelecimento de ensino desconhecia a situação e já deu instruções para que o dinheiro seja devolvido. Os alunos …