Maria Luís está de saída e alerta para o risco de um 4º resgate

José Sena Goulão / Lusa

Pedro Passos Coelho, Maria Luís Albuquerque

No dia em que o governo de coligação PSD-CDS/PP vai cair, a ministra das Finanças ainda em exercício já fala como oposição e alerta para a possibilidade de Portugal poder vir a necessitar de um novo resgate financeiro.

Um alerta feito aos portugueses no debate do programa de governo que decorre na Assembleia da República, onde o PS de António Costa se apresta para apresentar uma moção de rejeição ao actual governo.

Perante esta queda anunciada, a ministra das Finanças avisa para os “desmandos” de quem não tem “cuidado em assegurar o financiamento” e para os riscos de podermos precisar de um novo resgate – “o quarto em 40 anos”, afiança Maria Luís Albuquerque.

Garantindo que o país está melhor e que “só a oposição não o quer reconhecer”, a ministra em exercício ainda alerta que um novo resgate “traria sacrifícios bem mais duros“.

Maria Luís Albuquerque faz questão de salientar que há boas notícias com as exportações em alta, o desemprego em decrescendo e a confiança dos consumidores e empresários a subir.

Também intervindo no Parlamento, o deputado do PSD Duarte Pacheco criticou os socialistas, propondo até, com ironia, uma candidatura do PS ao Prémio Nobel da Economia por pretender conseguir reduzir o défice com mais despesa e menos receita.

“Será que o Excel dos socialistas ainda é o mesmo do engenheiro Sócrates? Aquele que, em 2009, com menos receita e mais despesa nos conduziu à bancarrota? Será que, em 2016, os socialistas já estão a prever um crescimento superior àquele que estava previsto?” Perguntas que Duarte Pacheco deixou no debate parlamentar.

SV, ZAP

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. É exatamente por comentários como este, que a coligação devia permanecer em funções. Não só por ter sido de facto a eleita pelos portugueses, mas para que se responsabilizasse pelo trabalho executado até aqui.
    Esta situação de um novo governo composto por politicos que não se entendem e que apenas fazem acordos para atingirem o objectivo de estarem no poder, vai levar à culpabilização entre os que estiveram e os que virão a estar à frente dos destinos do País e mais uma vez ninguem será responsabilizado.
    É novamente a dança das cadeiras.
    Um acordo por um ano nem numa pequena empresa leva a lado nenhum, quanto mais num País.

  2. Mas se os cofres estão cheios como disse mais que uma vez então não deveríamos precisar desse resgate, agora e mais uma vez se vai verificar tudo o que se fez e se roubou ops desculpem desviou dos cofres para amigos e amigalhaços.
    A única coisa que tenho a dizer é que seja quem for vai sempre dar ao mesmo e os problemas reais do Pais ficam cada vez pior, ao Povo o que é do Povo e de uma vez fora com todos os partidos que estão podres, nasçam novos partidos de novos ideais e realidades distintas para começar de novo pois nunca nos vamos endireitar com qualquer partido actual onde reina a corrupção, engano e desrespeito pelo seu próprio Povo

  3. Sabem o que devia fazer o presidente da republica ,agarrar no Costa, Passos, Portas, Catarina, Geronimo e outros e obriga-los a Governar o Pais em conjunto sem idealismos partidários e mamões e apenas para bem do Povo e do Pais.

RESPONDER

Fisco tem por cobrar 15 mil milhões de euros em impostos

O Jornal Económico escreve esta segunda-feira que a Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) tem por cobrar 14.919 milhões de euros em impostos. De acordo com o diário de economia, mais de metade da dívida dos contribuintes está …

"Armada espanhola" assegura 70% do mercado das obras públicas em Portugal

As empresas espanholas estão a assegurar 70% do mercado das obras públicas em Portugal, escreve esta segunda-feira o jornal Público, citando uma análise ao Portal Base, às obras públicas acima de sete milhões de euros No …

"Oitavos" da Liga dos Campeões não vão ser jogados em Portugal

A UEFA cedeu à pressão dos clubes e decidiu que os encontros da segunda mão dos oitavos-de-final vão ser disputadas nos respetivos estádios dos clubes. Os encontros por jogar relativos aos oitavos-de-final da Liga dos Campeões …

Turmas repartidas e aulas ao sábado. O que muda no novo normal do Ensino Superior

Para o regresso às aulas do Ensino Superior no próximo ano letivo, as universidades estão a preparar medidas que permitam cumprir as regras sanitárias e zelar pela aprendizagem dos seus alunos. Se tudo correr como planeado, …

Presidente do Barcelona afasta interessados em Messi e desfaz mito

Rumores sugeriam que Lionel Messi estava decidido a sair do Barcelona. Não tardou a aparecerem interessados no argentino, mas o presidente do Barça já veio deixar um recado. Na semana passada, o mundo do futebol foi …

Doze jovens infetados após festa na Guarda. Politécnico suspende exames presenciais

Doze jovens, oito dos quais alunos do Instituto Politécnico da Guarda (IPG), testaram este fim de semana positivo para o novo coronavírus (covid-19). De acordo com a SIC Notícias, as infeções deram-se na sequência de uma …

Vieira pode demitir-se para provocar eleições antecipadas. Candidatura em Outubro "dificilmente chegará às urnas"

As eleições para a presidência do Benfica estão na ordem do dia numa altura em que o título nacional parece mais distante e quando se avança que Luís Filipe Vieira deve vir a ser acusado …

Laboratório de Wuhan "esconde" vírus semelhante ao novo coronavírus desde 2012

O laboratório de virologia de Wuhan armazena há quase oito anos um vírus “muito parecido” com aquele que originou a pandemia de covid-19. Esse vírus foi descoberto em 2012 numa antiga mina de cobre em …

Joelson Fernandes pode juntar-se a Trincão no Barcelona

A imprensa espanhola volta a realçar o interesse do Barcelona em Joelson Fernandes. O jovem sportinguista renovou recentemente o seu vínculo, mas pode juntar-se a Trincão na Catalunha. Esta não é a primeira vez que o …

Medina quer "livrar-se" do Airbnb e criar casas para trabalhadores essenciais em Lisboa

Fernando Medina, presidente da Câmara Municipal de Lisboa, quer “livrar-se" do Airbnb e transformar o alojamento local em casas para trabalhadores de serviços essenciais", de acordo com um artigo publicado no jornal britânico The Independent. De …