Governo pondera nacionalizar a Efacec

Manuel Araújo / Lusa

A acionista maioritária da Efacec, Isabel dos Santos, e o antigo ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral

Além da TAP, o Governo admite também nacionalizar a Efacec. A TVI sabe que esta é uma das empresas a que se referia há dias o primeiro-ministro, que admitiu o mesmo tipo de intervenção em outras empresas estratégicas para o país.

O Governo está a ponderar nacionalizar a Efacec. A notícia é avançada esta sexta-feira pela TVI, que garante que esta é uma das soluções em cima da mesa para a empresa, que está a passar por graves problemas de tesouraria.

As dificuldades da empresa foram agravadas após o surgimento do Luanda Leaks, caso que envolve a empresária angolana Isabel dos Santos, que levou a filha do antigo presidente angolano a colocar à venda a sua participação de 67% — entretanto alvo de arresto pela Justiça portuguesa no âmbito da investigação a alegados atos de corrupção, desvio de fundos e branqueamento de capitais.

Segundo garante a TVI, quando há dias o primeiro-ministro António Costa admitiu a possibilidade de nacionalização de empresas consideradas estratégicas para o país, estariam em cima da mesa empresas como a TAP e a Efacec.

A empresa tecnológica, que fornece soluções de engenharia na área da energia, nomeadamente energia solar, sendo considerada por isso um ativo estratégico para o país, tem cerca de  2600 postos de trabalho do grupo, na sua maioria trabalhadores com elevado grau de formação e especialização.

Em janeiro, a Efacec tinha anunciado a saída de Isabel dos Santos do capital da empresa,  “o negócio mais vulnerável” da empresária em Portugal. Em comunicado, o Conselho de Administração da Efacec Power Solutions referiu na altura que Isabel dos Santos informou o órgão que “decidiu sair da estrutura accionista” do grupo, “com efeitos definitivos“.

Mas apesar de várias manifestações de interesse na aquisição da participação de Isabel dos Santos na Efacec, a venda da participação da empresária angolana não se concretizou. Além dos 67,2% de Isabel dos Santos, o restante capital da empresa é repartido por dois acionistas, a Têxtil Manuel Gonçalves e o grupo José de Mello, através da MGI Capital.

Além da nacionalização, que o governo considera uma “medida extrema”, tem também sido avançada a possibilidade de os bancos credores da empresa, onde se contam a Caixa Geral de Depósitos, Novo Banco, EuroBic, Banco Montepio e BCP, avançarem para a conversão de créditos em capital social da empresa.

Arguida em Angola por suspeitas de desvio de fundos públicos, Isabel dos Santos está a ser investigada em, pelo menos, nove processos em Portugal. Considerada a mulher mais rica de África, a empresária acusa a justiça angolana de “ignorar os direitos de defesa que são a base fundamental de qualquer sistema de justiça credível”.

Além da Efacec e do EuroBic, Isabel dos Santos tem ainda participações minoritárias nas empresas portuguesas NOS e Galp.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. A Belinha devia ser expropriada de todos os bens em Portugal a preços de saldo e as indemnizações deviam ser pagas ao povo angolado.

RESPONDER

Crianças inspiram Lego a livrar-se de todas as embalagens de plástico

As peças da Lego podem acabar no oceano durante mais de mil anos, mas os fabricantes dinamarqueses estão a tentar tornar a empresa ecologicamente correta. Na sua última promessa, a Lego vai começar a usar sacos …

Uma cidade chamada "amianto" está a tentar mudar o nome (e a discussão tornou-se tóxica)

Há uma cidade no Canadá chamada Asbesto - um material de construção altamente tóxico. Os habitantes da cidade não estão felizes com este nome, mas a sua mudança também não está a ser fácil. De acordo …

FC Porto 3-1 Braga | Entrada de “dragão”

O FC Porto iniciou a defesa do título nacional com uma vitória importante sobre o Sporting de Braga por 3-1. Os minhotos marcaram primeiro no Dragão, por um ex-portista, mas os descontos do primeiro tempo foram …

Barco navega em forma de coração para agradecer aos habitantes da Nova Escócia

A escuna Bluenose II navegou de forma bastante original no último dia da temporada de 2020. A rota seguida criou a forma de um coração no porto de Lunenburg, na Nova Escócia. De acordo com o …

França bate recorde com 13.498 novos casos. Espanha não vai confinar

A França registou este sábado um recorde diário de casos de covid-19, com 13.498 novos infetados nas últimas 24 horas, anunciou a Agência Nacional de Saúde, acrescentando que, no mesmo período, morreram mais 26 pessoas. No …

Diogo Jota no Liverpool

O Liverpool oficializou hoje a contratação do futebolista internacional Diogo Jota, de 23 anos, num contrato “de longa duração”, sem especificar a duração. A imprensa inglesa tem adiantado que o jogador vai assinar por cinco épocas, …

Companhia aérea australiana oferece voos de 7 horas (para lugar nenhum)

A companhia aérea australiana Qantas anunciou recentemente planos para um voo panorâmico de sete horas que fará um loop gigante em Queensland e Gold Coast, New South Wales e os remotos centros do interior do …

Barack Obama vai publicar um livro de memórias (mas só depois da eleições de novembro)

O livro de memórias do antigo Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, só vai ser publicado depois das eleições presidenciais de novembro. Uma enxurrada de livros políticos chegou às prateleiras nas últimas semanas, no final da …

Confrontos em Londres entre polícia e opositores das restrições devido à pandemia

A polícia de Londres, Inglaterra, entrou hoje em confronto com manifestantes que protestavam contra as restrições que visam conter a disseminação do novo coronavírus. De acordo com a agência Associated Press (AP), os confrontos ocorreram quando …

Milhares infetados por bactéria após fuga em fábrica farmacêutica chinesa

Milhares de pessoas no noroeste da China contraíram uma doença bacteriana depois de uma fuga que causou um surto numa biofarmacêutica no ano passado. De acordo com a CNN, que cita relatos dos media locais, mais …