Governo obriga hospitais a comprar plasma ao Instituto do Sangue

Os hospitais públicos vão ser obrigados a recorrer ao Instituto Português de Sangue e Transplantação (IPST) para se abastecerem de plasma e derivados do sangue.

A notícia é divulgada pelo jornal Público, que adianta que Ministério da Saúde quer regulamentar, por despacho, o negócio do plasma – que em Portugal continua a ser dominado pela multinacional Octapharma – criando alternativas para que o país deixe de estar dependente de empresas estrangeiras.

O Governo publicou esta terça-feira o despacho que define que “o Instituto Português do Sangue e da Transplantação deve apresentar um plano operacional para a utilização do plasma colhido em Portugal e que, até ao final do primeiro quadrimestre de 2017, as instituições e entidades do Serviço Nacional de Saúde passam a recorrer ao IPST para satisfazer as suas necessidades em plasma“.

O despacho determina que o IPST terá de apresentar o plano operacional no prazo de 30 dias e esta medida terá de estar em vigor até ao final de Abril do próximo ano.

O negócio do plasma ficou sob os holofotes depois de Paulo Lalanda e Castro, ex-administrador da Octapharma, se ter demitido dos cargos que ocupava naquela farmacêutica e ter sido detido na quinta-feira por alegada corrupção.

No âmbito de uma investigação do Ministério Público por suspeitas de favorecimento da multinacional, também foi detido o ex-presidente do INEM e da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, Luís Cunha Ribeiro, que ficou em prisão preventiva.

Foram ainda constituídos arguidos dois advogados e uma representante da Associação Portuguesa de Hemofilia.

No inquérito, estão a ser investigadas suspeitas de que Lalanda e Castro e Cunha Ribeiro, que estava ligado a procedimentos concursais públicos na área da saúde, terão acordado entre si que este último utilizaria as suas funções e influência para beneficiar indevidamente a Octapharma.

Os factos em investigação ocorreram entre 1999 e 2015 e os suspeitos terão obtido vantagens económicas que procuraram ocultar, em determinadas ocasiões, com a ajuda de terceiros.

Segundo o Público, os dados do Infarmed indicam que, só entre 2009 e setembro deste ano, a Octapharma ganhou mais de 250 milhões de euros com a venda de plasma e derivados do sangue a hospitais públicos.

ZAP

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Devia o governo e o ministério publico, OBRIGAR a Octapharma, (também já foi condenada no Brasil pelo mesmo motivo) a devolver com JUROS o valor que cobrou à mais para o suborno, com juros, não esquecendo que esse valor a receber pelo estado, será muito maior ao valor do suborne, já que quem suborna, concertesa, ficou com a maior parte do “lucro”

  2. Causou-me estranheza que os dadores benévolos de sangue, doam o seu sangue gratuitamente nos hospitais ou nas associações de dadores de sangue, aplicam-no nos doentes e depois cobram vários ‘€€€’ ao doente ou à familia do doente.

RESPONDER

Os Simpsons podem ter previsto o surto do novo coronavírus da China

A série de televisão animada "Os Simpsons" é conhecida por ter feito profecias que, com o passar do tempo, se tornaram mesmo realidade. Agora, os fãs do programa parecem ter encontrado um episódio que prediz …

Identificada nova espécie de dinossauro que viveu há mais de 150 milhões de anos

Paleontólogos identificaram, nos Estados Unidos, uma nova espécie de dinossauro do género dos alossauros, que viveu há mais de 150 milhões de anos. A espécie, que tem o nome de Allosaurus jimmadseni, foi identificada a partir …

Escorpião com 436 milhões de anos foi dos primeiros animais a pisar a Terra

Cientistas descobriram um escorpião com 436 milhões de anos que terá sido um dos primeiros animais da Terra a migrar dos habitats aquáticos para os terrestres. Foram encontrados dois fósseis da espécie num antigo mar tropical …

Bruno de Carvalho disposto a liderar SAD do Sporting com Varandas

O ex-presidente do Sporting admitiu, esta sexta-feira, estar disposto a liderar a SAD do clube, mesmo com Frederico Varandas como presidente. No seu comentário semanal na Rádio Estádio, Bruno de Carvalho disse estar disposto a regressar …

A Inteligência Artificial teria resolvido o mistério da fuga de Alcatraz

Um programa de Inteligência Artificial (IA) poderia ter resolvido o mistério da fuga dos irmãos irmãos John e Clarence Anglin e Frank Morris da prisão de Alcatraz, que foi considerada uma das mais seguras dos …

Mais de 30 militares dos EUA ficaram com lesões cerebrais após ataque iraniano

Mais de 30 militares norte-americanos ficaram com lesões cerebrais traumáticas na sequência do ataque iraniano na base militar de Ain al-Assad, no Iraque. 34 militares norte-americanos ficaram com lesões cerebrais traumáticas na sequência do ataque levado …

Homem que torturou suspeitos de planear o 11 de setembro diz que o voltaria a fazer

James Mitchell torturou os cinco suspeitos de terem planeado o ataque de 11 de setembro de 2001. Em tribunal, disse que não tem remorsos e que o voltaria a fazer. James Mitchell foi o psicólogo responsável …

Belenenses e Belenenses SAD chegam a acordo para suspender ações judiciais

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) anunciou, esta sexta-feira, que foi alcançada uma suspensão das ações judiciais entre o Belenenses e a Belenenses SAD. Em comunicado publicado na sua página oficial, a FPF informou que o …

Amazon quer que os clientes paguem com as mãos

A gigante tecnológica Amazon quer que os  clientes comprem e efetuem o pagamento com um aceno da mão em vez de passar um cartão numa máquina. De acordo com o Wall Street Journal, que cita fontes …

59 autarcas constituídos arguidos na Operação Éter

O Ministério Público constituiu 74 arguidos, 59 dos quais autarcas e ex-autarcas de 47 câmaras do Norte e Centro, no processo da investigação às Lojas Interativas da Turismo do Porto e Norte, realizada no âmbito …