Governo francês acusado de manipular relatório da polícia de Nice

Ataque com camião faz mais de 30 mortos numa esplanada em Nice

Uma responsável da polícia municipal de Nice disse hoje ter sofrido pressões do Ministério do Interior francês para alterar o relatório sobre o dispositivo de segurança destacado para o local onde ocorreu o ataque de 14 de julho.

O ministro do Interior, Bernard Cazeneuve, já reagiu a estas declarações, considerando tratar-se de “graves acusações” e anunciou que vai apresentar uma queixa por difamação.

Desde o ataque que a alegada insuficiência do dispositivo de segurança tem gerado conflito entre o Governo francês e a oposição de direita, que aponta a responsabilidade ao ministro do Interior.

O Presidente francês, François Hollande, manifestou, na sexta-feira, “toda a confiança” no ministro do Interior.

Numa entrevista ao Journal du Dimanche, Sandra Bertin, que dirige o centro de videovigilância da polícia de Nice, afirmou que, um dia após o ataque, recebeu a visita de um comissário “enviado” pelo Ministério Interior.

A responsável disse que foi “assediada por uma hora” pelo comissário, que ordenou que colocasse no relatório das imagens de 14 de julho que a polícia nacional esteve presente em dois pontos do dispositivo.

“A Polícia Nacional pode ter estado lá, mas não aparece nos meus vídeos“, adiantou.

Na quinta-feira, o jornal Libération afirmou que o controlo da entrada da zona pedonal da Promenade des Anglais, onde 30 mil pessoas assistiam ao fogo-de-artifício, estava a ser feito por um único veículo da polícia municipal e que a polícia nacional francesa estava quase ausente da zona.

No dia 14 de julho, um camião avançou durante dois quilómetros sobre uma multidão na avenida, em Nice, que estava a assistir ao fogo-de-artifício para celebrar o dia de França.

O último balanço das autoridades francesas aponta para 84 mortos e 202 feridos.

Pelo menos quatro cidadãos portugueses ficaram feridos no ataque, confirmou o Governo.

As autoridades francesas consideraram estar-se perante um atentado e o Presidente da França anunciou o prolongamento por mais seis meses do estado de emergência que vigora no país desde o ano passado.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Costa está muito empenhado num acordo pelo OE, mas não "a qualquer preço"

O primeiro-ministro disse, esta sexta-feira, que o Governo vai fazer tudo ao seu alcance para chegar a um acordo sobre o Orçamento do Estado para 2022 (OE2022), mas advertiu que "um acordo não se obtém …

Evergrande escapa por um triz ao default e garante o pagamento de juros de 71.7 milhões de euros

A gigante imobiliária chinesa conseguiu cumprir com o pagamento dos juros no limiar do fim da extensão do prazo. No entanto, persistem os receios sobre a possibilidade da crise na China contagiar a economia mundial. A …

Pessoas a andar na rua em Viena, Áustria

Em caso de apagão geral, Áustria é o primeiro país europeu a ter um Plano B(lackout)

E se houvesse um apagão que afetasse todo o continente europeu? O cenário é o argumento que o Ministério da Defesa austríaco tem usado para enviar um aviso à população desde o início deste mês. A …

Só um terço das empresas em Portugal têm gestores com um curso superior

O estudo da Fundação Francisco Manuel dos Santos refere que este valor é negativo para o país já que a formação superior dos gestores está associada à produtividade e há maior probabilidade da empresa começar …

Governo avança com desconto de 10 cêntimos por litro nos combustíveis para as famílias

O Governo vai criar um desconto de dez cêntimos por litro nos combustíveis para todas as famílias, até 50 litros por mês. Uma medida que estará em vigor entre novembro deste ano e março do …

Inês Sousa Real, porta-voz do PAN

PAN já enviou memorando de entendimento ao Governo

O partido Pessoas–Animais–Natureza enviou ao Governo, esta sexta-feira, o memorando de entendimento com cerca de 60 propostas, no âmbito do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). "O PAN fez chegar ao Governo um memorando do qual …

Alterações ao Orçamento de 2021 custaram, afinal, muito mais do que o estimado pelo Governo

Apenas duas das 291 medidas adicionadas representaram um impacto anual de 88 milhões de euros, com o Governo a calcular, durante a especialidade, que a totalidade custaria 3,2 milhões de euros. As alterações feitas ao Orçamento …

Entre a pandemia e os preços da energia, Marcelo alerta que chumbo do OE criaria "mais um problema"

O Presidente da República reiterou, esta sexta-feira, que deseja evitar uma crise política criada por um eventual chumbo do Orçamento de Estado, porque "só juntaria um problema" à pandemia e à subida dos preços dos …

França dá a partir de dezembro "cheque-combustível" de 100 euros

França vai dar a partir de dezembro um “cheque-combustível” único de 100 euros a cerca de 36 milhões de condutores que ganham menos de 2.000 euros por mês devido à escalada dos preços do gasóleo …

Parlamento aprova extinção do SEF

A extinção do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) foi aprovada na Assembleia da República, esta sexta-feira, com os votos a favor do PS, BE e da deputada não-inscrita Joacine Katar Moreira. O texto final apresentado …