Marcelo agradece “espírito de bem servir” da GNR. Governo anuncia promoções

Miguel Pereira da Silva / Lusa

O Presidente da República elogiou nesta segunda-feira os militares da Guarda Nacional Republicana (GNR), em especial na atual conjuntura de pandemia, e agradeceu-lhes o “espírito de bem servir”, no 110.º aniversário desta força de segurança.

Através de uma nota publicada no site oficial da Presidência da República na Internet, Marcelo Rebelo de Sousa “associa-se à efeméride, congratulando-se pelo legado e compromisso desta instituição secular, em prol do cumprimento da tão nobre mas exigente missão de garantir a segurança de Portugal e dos portugueses”.

“O Presidente Marcelo Rebelo de Sousa testemunha e realça o labor inestimável de todas e de todos os militares e civis que integram a Guarda, especialmente durante o atual contexto pandémico, manifestando a sua gratidão pela sua resiliência, abnegação e espírito de bem servir”, lê-se na nota.

Segundo o chefe de Estado, esse “espírito de bem servir” manifesta-se também “nos compromissos internacionais ratificados por Portugal, designadamente através da participação da GNR em missões e operações no âmbito da Política Comum de Segurança e Defesa da União Europeia, bem como em operações combinadas da Agência Europeia de Fronteira e Guarda Costeira (Frontex), as quais visam contribuir para a salvaguarda e dignificação de vidas humanas”.

Em Março de 2017, Marcelo Rebelo de Sousa promulgou o novo Estatuto dos Militares da GNR, no mesmo dia da sua aprovação em Conselho de Ministros, depois de ter vetado uma primeira versão, considerando que as alterações entretanto introduzidas pelo Governo traduziram as suas preocupações.

Promoções nas forças de segurança

Neste dia de aniversário da Guarda, o Ministério da Administração Interna autorizou a promoção, em 2021, de mais de cinco mil elementos da GNR, mas também agentes da PSP e guardas-florestais. Com estas promoções, será possível concretizar a nomeação do primeiro oficial-general do quadro da GNR.

“As forças de segurança tuteladas pelo Ministério da Administração Interna podem promover 5081 elementos este ano. Os despachos do ministro da Administração Interna que autorizam estas promoções foram hoje publicados em Diário da República, concretizando mais um passo no sentido da valorização dos profissionais das forças de segurança”, refere o ministério tutelado por Eduardo Cabrita em comunicado.

No que diz respeito à GNR, são 2892 as promoções autorizadas (relativas a vagas do ano de 2020) e esse é o número mais elevado de todos – na PSP serão 2095 e entre os guardas-florestais serão 94.

Além disto, terá ainda continuidade o Plano Plurianual de Admissões nas forças de segurança, que permitirá ajustar o número de elementos a recrutar, de modo a contemplar o efetivo previsto e não recrutado no ano passado, devido aos constrangimentos provocados pela pandemia.

Segundo o Ministério da Administração Interna, as promoções agora autorizadas enquadram-se “nesta medida e permitem retomar o normal desenvolvimento das carreiras, tendo em vista a manutenção do elevado grau de prontidão e a eficácia operacional dos efetivos policiais”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Netanyahu irá deixar residência oficial do primeiro-ministro a 10 de julho

O ex-primeiro-ministro de Israel Benjamin Netanyahu irá deixar a residência oficial em Jerusalém a 10 de julho, depois de um acordo alcançado com o sucessor, Naftali Benet, que lhe dera um prazo de duas semanas …

Crónica ZAP - Linha de Fundo por Teófilo Fernando

Linha de Fundo: Venha o tubarão

Portugal desilude e complica o apuramento. Segue-se a França. Itália, Bélgica e Países Baixos nos oitavos-de-final. O Campeonato da Europa visto da Linha de Fundo. Na corda bamba Portugal – Alemanha (2-4) “A vida é como uma corda 
De …

Praga de milhões de ratos está a aterrorizar a Austrália

O fim da seca de três anos e dos consequentes incêndios florestais permitiu à Austrália respirar de alívio. Em contrapartida, criaram-se as condições perfeitas para a pior praga de ratos da última década. "As pessoas estão …

Banca com nova vaga de saída de trabalhadores e admite despedimentos

Os grandes bancos vão reduzir milhares de trabalhadores este ano, um processo que vem acontecendo desde a última crise mas que em 2021 deverá atingir um novo pico, tendo mesmo BCP e Santander Totta admitido …

Cuba está a criar o seu próprio smartphone (e conta com a ajuda da Huawei)

O Governo cubano está a trabalhar na produção de um novo smartphone, que terá um sistema operativo original e conta com a ajuda da empresa chinesa Huawei. De acordo com a revista Vice, o projeto é …

Funcionários russos que recusem vacina arriscam licença sem vencimento

Os funcionários russos que recusem vacinar-se contra o novo coronavírus, em regiões onde a vacina seja obrigatória, arriscam-se a uma licença sem vencimento, anunciou o ministro do Trabalho da Rússia, Anton Kotiakov. "Se as autoridades de …

Vacina cubana com eficácia de 62% após segunda das três doses previstas

A vacina cubana contra a covid-19 atingiu uma eficácia de 62% após a injeção de duas das três doses previstas, um resultado que excede os 50% exigidos pela Organização Mundial de Saúde (OMS), anunciou o …

Miguel Oliveira em segundo lugar no GP da Alemanha de MotoGP

O piloto português Miguel Oliveira (KTM) terminou hoje na segunda posição o Grande Prémio da Alemanha de MotoGP, oitava prova do Mundial de velocidade de motociclismo, vencida pelo espanhol Marc Márquez (Honda). Miguel Oliveira, que partiu …

Mais três mortos e 941 novos casos de covid nas últimas 24 horas

Portugal voltou a registar nas últimas 24 horas uma ligeira redução no número de infeções confirmadas pelo coronavírus SARS-CoV-2, com 941 casos, e três mortes associadas à covid-19, segundo a Direção-Geral da Saúde. O boletim epidemiológico …

"Cemitério verde". Estado de Oregon irá permitir (brevemente) a compostagem de corpos humanos

O estado de Oregon tornou-se o terceiro dos Estados Unidos a legalizar um novo processo de compostagem do corpo humano. A governadora do Oregon, Kate Brown, aprovou o projeto de lei que irá permitir o sepultamento …