Fugas de informação permitiram aos arguidos dos Vistos Gold destruir provas

RTP / Flickr

O ex-diretor nacional do SEF, Manuel Jarmela Palos

O ex-diretor nacional do SEF, Manuel Jarmela Palos

Os arguidos do processo de investigação aos vistos gold tiveram a acesso a informação privilegiada, tendo sido avisados que estavam sob escuta e que seriam detidos, o que lhes terá permitido destruir e ocultar provas do processo.

A edição desta quarta-feira do jornal i noticia que o caso aponta para uma teia de corrupção ao mais alto nível da Administração Púbica.

António Figueiredo, ex-presidente do Instituto dos Registos e Notariado (IRN), Manuel Palos, ex-diretor do Serviços de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), e Zhu Xiaodong, empresário chinês suspeito de ter um papel ativo na obtenção de vistos para os seus concidadãos, manifestaram, em março de 2014, terem conhecimento de que estariam a ser investigados através de escutas, através de conversas telefónicas.

A 23 de março de 2014, Zhu Xiaodong, um dos empresários chineses suspeitos de corrupção ativa no processo Vistos Gold, avisou por telefone um concidadão com o qual falava em mandarim sobre a detenção de uma pessoa e de registos criminais falsificados: “Não fales sobre estas coisas ao telefone. Todas as chamadas estão sob escuta agora. Pessoas como nós que tratamos da emigração, estamos todos sob escuta.”

Através de conversas com a filha, há mesmo indícios de que António Figueiredo mantinha um segundo telefone, desconhecido pela polícia.

De acordo com o i, a informação da detenção chegou ao conhecimento dos atuais arguidos com antecedência.

Em novembro de 2014, quando foram detidos os suspeitos da investigação – que tiveram conhecimento da detenção um dia antes de acontecer -, os suspeitos tiveram oportunidade de destruir ou ocultar provas que seriam cruciais para a investigação dos fatos.

O ex-diretor do SEF, Manuel Palos, terá recebido um SMS de um elemento do SEF com ligações à Unidade Contra Terrorista (UCAT) a avisar que seria alvo de buscas no dia seguinte.

Dois varrimentos informáticos ocorreram em fevereiro e em junho de 2014, na sede do IRN, por parte de uma equipa dos Serviços de Informação e Segurança, mas os investigadores ainda buscam por provas de uma investigação que ainda “está longe de estar próxima de uma conclusão”, refere o i.

ZAP

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Recentemente ouvi dizer “É difícil combater poderes instalados na administração pública…”
    Esses cancros são do tipo ablativo? Removam-nos pela raíz… Metam-nos em tratamento no sector privado… Resultados garantidos após poucas e curtas sessões terapêuticas

  2. É curioso que isto não suscite inquérito parlamentar !!! Do que têm medo ?

    Todos os deputados ficaram preocupadíssimos , não pelo facto que os cidadãos pudessem ser devassados na sua situação fiscal, mas sim pelo facto que deveria haver proteção, ora assim que houver protecção existirão de facto listas para alguns e não serão divulgadas. Constará de uma lei, pelo que será legal.

    Acabe-se de vez com o sigilo fiscal, em outros países, não têm problemas com isso, pois existe lá democracia.

    PS: e-mail = ficar registo num servidor e dados pessoais, engraçadinhos 🙂

  3. Mas afinal, Srs. Comentadores?
    Que esperavam V. Exas.? Que os iam castigar? Então e os outros? ( e eles são tantos…. Meu Deus) . Então e se estes forem presos e resolverem bater com a língua nos dentes? Já repararam quantas prisões necessitávamos ter em Évora? Quantos juízes? Quantos Policias? Quantos investigadores da PJ.? Alimentar toda esta gente? Não aguentavamos tanta despesa… teríamos de fazer novo resgate, e ainda por cima sem ministra para o dirigir
    Não, não e não. Deixe-se como esta que assim é que esta bem.

Responder a JOAO Cancelar resposta

Altice escreve a Costa a criticar leilão do 5G (e a informar sobre suspensão de projeto)

Os acionistas do grupo Altice Patrick Drahi (presidente) e Armando Pereira escreveram ao primeiro-ministro a criticar as regras do leilão do 5G, informando que, perante o atual panorama regulatório, veem-se forçados a suspender projetos. "Lamentamos que, …

Anulação de transferência para o Novo Banco foi um "percalço"

O presidente executivo do Novo Banco, António Ramalho, considerou hoje que a anulação, pelo parlamento, da transferência de 476 milhões de euros do Fundo de Resolução para o banco foi um "percalço". "O percalço que aconteceu …

Videojogos podem estar a ser usados para espalhar ideologia extremista e preparar ataques

Os videojogos 'online' podem estar a ser usados ​​para propagar ideologias extremistas e para preparar ataques terroristas, afirmou o coordenador antiterrorista da União Europeia (UE), Gilles de Kerchove. A 09 de novembro, Gilles de Kerchove já …

Ex-ministro grego Yanis Varoufakis pede boicote à "black friday" da Amazon

O economista e ex-ministro das Finanças grego Yanis Varoufakis pediu um boicote de um dia à Amazon, na 'black friday', enquanto sindicalistas, ativistas ambientais, defensores da privacidade e da justiça tributária planeiam ações coordenadas contra …

Bolsonaro nega ter chamado covid-19 de "gripezinha", mas fê-lo pelo menos duas vezes

O Presidente brasileiro negou na quinta-feira ter-se referido à covid-19 como "gripezinha", afirmando que não há nenhum registo que prove o oposto, apesar de a imprensa ter partilhado pelo menos dois vídeos com esse conteúdo. "Falei …

Cuba anuncia mais duas vacinas e já conta com quatro possíveis fármacos contra a covid-19

Cuba anunciou esta quinta-feira que vai começar os ensaios clínicos de dois projetos de vacinas contra a covid-19, que aumentam para quatro o número de possíveis fármacos deste tipo desenvolvidos na ilha para combater a …

Governo garante que não haverá limite de idade na vacinação. Marcelo fala em "ideia tonta"

O secretário de Estado Adjunto e da Saúde garantiu, esta sexta-feira, que a vacinação para a covid-19 não terá qualquer limite de idade e que os idosos e doentes com comorbilidades serão uma prioridade. Numa conferência …

Descontos nas ex-SCUT poupam privados, mas é o Estado quem sai lesado

Os descontos nas ex-SCUT, aprovados em Parlamento esta quinta-feira, poupam os privados, mas geram perdas de 1.500 milhões de euros para o Estado. Uma maioria de deputados ditou a aprovação da parte de uma proposta do …

Portugal com mais 67 mortes e 5444 novos casos de covid-19

Portugal regista, esta sexta-feira, mais 67 mortes e 5444 novos casos de infeção por covid-19, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 5444 novos casos, 3161 …

Microsoft vai contratar 300 pessoas, formar funcionários públicos e investir em startups em Portugal

A Microsoft Portugal e o Governo assinaram esta sexta-feira um memorando de entendimento, numa parceria que prevê reforçar a cooperação entre a empresa e o país. O protocolo assinado, descreve o Jornal Económico, estipula que a …