Filha de Eduardo dos Santos era contra nomeação da irmã para a Sonangol

A deputada do MPLA ‘Tchizé’ dos Santos, filha do ex-chefe de Estado angolano José Eduardo dos Santos, afirmou que a nomeação da irmã, Isabel dos Santos, para liderar a Sonangol, não fez sentido, face ao interesse nacional.

A posição foi assumida em entrevista à agência Lusa, em Lisboa, por Welwitschea ‘Tchizé’ dos Santos, considerada a filha mais próxima, politicamente, de ex-Presidente angolano.

Não era por falta de competência, pelo contrário. É porque já temos tão poucos empresários capazes de gerar os empregos que aquela empresária gerava, para que é que havia de estar a ir para o setor público? Era muito mais fácil nomear esta grande empresária consultora do presidente do conselho de administração” da petrolífera estatal, afirmou.

A empresária Isabel dos Santos foi nomeada em junho de 2016, pelo pai, José Eduardo dos Santos, presidente do conselho de administração da petrolífera angolana Sonangol.

“Do ponto de vista da capacidade de gestão, não há aqui dúvida nenhuma que era uma das melhores apostas a fazer. Mas do ponto de vista do interesse nacional eu acho que não fazia sentido”, enfatizou Tchizé dos Santos.

A nomeação foi envolta em polémica, com recursos em tribunal – recusados – alegando violação da lei da Probidade Pública, face à escolha da filha mais velha para aquele cargo por parte do Presidente angolano.

“Quando ela foi nomeada para a presidente da Sonangol também não concordei. Veementemente discordei e fiz de tudo para tentar impedir“, recordou Tchizé dos Santos, deputada no parlamento angolano há três legislaturas e a única presença do clã de José Eduardo dos Santos no Comité Central do Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA), partido no poder desde 1975.

Com a chegada de João Lourenço ao poder em Angola, eleito Presidente da República em agosto de 2017, sucedendo a José Eduardo dos Santos, Isabel dos Santos acabaria exonerada do cargo na Sonangol em novembro do mesmo ano, ao fim de cerca de 18 meses a liderar a petrolífera.

Não achava que fizesse sentido uma empresária, tão válida no setor privado, a melhor, a maior empregadora do setor privado, estar a ser desperdiçada para ir gerir apenas a Sonangol, porque ela ficava depois proibida, ou impedida, de estar depois nas outras empresas”, apontou ainda ‘Tchizé’ dos Santos.

A deputada e irmã de Isabel dos Santos alega que defendeu que a “experiência” da empresária devia ter sido usada de outra forma.

“Achava que, se calhar, fizesse mais sentido estar no Conselho da República, na área empresarial, e poder aconselhar o Presidente da República, poder assessorar o Presidente da República, poder reunir diretamente com o Presidente da República, o anterior e o atual”, disse recordando que Angola “não tem muitos empresários daquela dimensão”.

“Vamos ser realistas, em termos de performance, a Unitel é uma empresa muito mais transparente e muito mais bem gerida do que a Sonangol. Tal como é a ZAP, tal como é o Candando, tal como é o banco BIC”, exemplificou a deputada, aludindo a empresas angolanas em que Isabel dos Santos é acionista e administradora.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Fim das taxas moderadoras custa mais de cem milhões de euros por ano

O diploma aprovado, na última semana, no Parlamento para acabar com a maioria das taxas moderadoras vai custar ao Estado mais de cem milhões de euros por ano. O projeto de lei do Bloco do Esquerda …

Tancos. Detetada discrepância na listagem de lança-granadas

O CDS alega diferenças entre as listas comunicadas pelo Exército e entregues pela Polícia Judiciária Militar ao Ministério Público e quer alterar relatório final sobre Tancos. O CDS alegou existir uma diferença de 80 lança-granadas …

Rio defende inocência de Álvaro Amaro e critica julgamentos na praça pública

O presidente do PSD defendeu esta segunda-feira, em Viana do Castelo, o respeito pelo princípio de presunção de inocência para todos os portugueses e criticou julgamentos "na praça pública", referindo-se ao processo que envolve o …

Campanha para ajudar Miguel Duarte já angariou mais de 30 mil euros

A campanha de crowdfunding para ajudar Miguel Duarte, acusado pela justiça italiana de auxílio à imigração ilegal, já angariou quase 30 mil euros. Para surpresa de Miguel Duarte, o objetivo inicial da campanha de crowdfunding lançada no …

Misteriosas ilhas artificiais na Escócia são mais antigas que Stonehenge

Arqueólogos da Universidade de Southampton, que trabalharam com colegas da Universidade de Reading e com o arqueólogo local Chris Murray, descobriram que alguns "crannogs" escoceses datam do período neolítico - muito mais antigos do que …

Greves da Soflusa e Transtejo desconvocadas

A secretária-geral e responsável pela comunicação da Soflusa, Margarida Perdigão, confirmou esta segunda-feira que as greves da empresa de transportes foram desconvocadas. As greves tinham início marcado para terça-feira. Os sindicatos assinaram um protocolo que vai …

ONG pede investigação sobre a morte do ex-presidente do Egito Mohamed Morsi

A organização não-governamental Human Rights Watch pediu uma investigação sobre o acesso à assistência médica e aos alegados maus tratos sofridos ao longo dos anos por parte do ex-presidente do Egito Mohamed Morsi, que morreu …

Os golfinhos formam amizades porque partilham os mesmos interesses

No que diz respeito a criar laços de amizade, parece que os golfinhos são mais parecidos connosco do que imaginávamos. O comportamento homófilo desempenha um papel central na formação das amizades humanas, uma vez que os …

Neozelandês que partilhou vídeo do massacre de Christchurch condenado a 21 anos de prisão

Um neozelandês foi esta terça-feira condenado a 21 meses de prisão por ter partilhado o vídeo que o alegado autor do ataque em março contra duas mesquitas de Christchurch, que fez 51 mortos, transmitiu em …

Michel Platini detido por suspeitas de corrupção

Michel Platini foi detido, esta terça-feira, em Nanterre, nos subúrbios de Paris, pela polícia judiciária durante investigação sobre alegada corrupção na organização do Campeonato do Mundo de 2022, no Qatar. De acordo com a Mediapro, o …