Festas ilegais de réveillon no Algarve podem ser foco de infeção. PSP vai estar atenta

As novas restrições para a passagem de ano deverão fazer com que aconteçam festa ilegais de réveillon no Algarve. A PSP vai reforçar o efetivo e estar atenta.

Em 2020, a passagem de ano vai ser obviamente diferente daquilo a que estamos habituados. O Governo impôs restrições à circulação na via pública a partir das 23h do dia 31 de dezembro e o encerramento da restauração a partir das 22h30. No Algarve, receia-se que possam haver festa ilegais de réveillon, mas a PSP está atenta à situação.

“Estaremos a desenvolver operações relativamente às entradas nas cidades e também vamos tentando perceber se há festas organizadas para um elevado número de pessoas para que antecipadamente possamos intervir”, adianta o comandante da divisão da PSP de Faro, Hugo Marado.

Em declarações ao semanário Expresso, o agente policial avança que “claramente vai haver um reforço” de meios na passagem do ano. Para além do serviço de patrulha e trânsito, vai ser mobilizado o corpo de intervenção e as equipas de intervenção rápida. Hugo Marado diz que um dos focos será a deteção de festas ilegais.

“Tenho a certeza que haverá festas particulares à margem das restrições, não é preciso ser bruxo para saber que isso vai acontecer”, diz o presidente da Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA), Elidérico Viegas.

Com as novas restrições do Governo, os poucos hotéis da região que se mantêm abertos estão a registar um grande fluxo de cancelamentos. O presidente da AHETA lamenta as consequências das restrições numa altura em que o setor atravessa grandes dificuldades e em que “o fim do ano era esperado como um balão de oxigénio para os hotéis do Algarve”.

“O que se pode afirmar é que, com estas restrições, o fim de ano está completamente comprometido no Algarve, não vale a pena dourar a pílula”, acrescenta Elidérico Viegas.

Daniel Costa Daniel Costa, ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Festas ilegais? – Oh diabo, dizem que está a ser preparado um grandioso baile de passagem de ano algures, na latitude entre o mondego e o douro, mas com todas as etiquetas e protocolos sanitários atinentes à covid: uso de máscara reforçada (uma máscara por cima de outra, excepto à refeição, distância rigorosa de dois metros, com desinfeções assíduas de pontos de uso comum, como sanitários, etc. Diz-se muita coisa e o mais provável é que seja mais um boato, mas, a ser verdade, pelo menos o menu é de fazer crescer água na boca: tem entradas das que se usam de norte a sul do país, bacalhau frito com cebola e pimento vermelho, acompanhado de batata frita na hora às rodelas, truta recheada com alcachofras e pedacinhos de toucinho em vinha de-alhos, acompanhada de couve lombarda e brócolos salteados em azeite com especiarias, lagosta recheada com creme que, entre outras coisas, terá pedacinhos de variados frutos tropicais; depois, segue-se um delicioso cabrito estufado com arroz ao forno e, para quem não gostar, peru assado recheado com batata assada e saladas diversas, tudo regado com os melhores vinhos brancos e tintos das principais regiões demarcadas e, ainda cerveja manual, refrigerantes e águas diversas; finalmente, uma variedade enorme de doçarias das que se usam de norte a sul do país, acompanhadas de möet chandon para toda a gente, finas aguardentes e uísques, café, chá, etc. Depois da meia noite, ficam disponíveis, sem restrições, a doçaria, vinhos espumantes e toda a panóplia de bebidas mais comuns, excepto o möet chandon. O Baile é para portugueses e espanhóis vizinhos e será abrilhantado por dois grupos musicais de grande estatuto, um português e outro espanhol. O preço rondará entre os 300 e 400 Euros e só serão admitidas pessoas com mais de 18 anos até aos 70, que devem levar par de sexo oposto, embora na festa possam fazer as trocas que entenderem com outro par de sexo oposto. Os convites e divulgação começaram a ser feitos já no próximo dia 25 por rádios-amadores, que usarão encriptografia para preservar as pessoas e toda a logística. Se as autoridades, nomeadamente as policiais, portuguesas ou espanholas, eventualmente intervirem todos ficam obrigados a acatar as suas intimações, ordeiramente e sem distúrbios. Prevê-se que no baile participem à volta de 350 pessoas.
    Só pode ser uma brincadeira, embora se perceba e necessidade de convívio das pessoas, que tão fartas estão de sofrer, para mais nas zonas raianas.

Em risco de perder a imunidade, Puigdemont fala em "pressão espanhola"

Carles Puigdemont, Toni Comín e Clara Ponsati estão em risco de perder imunidade. O ex-presidente do governo da Catalunha fala em "pressão espanhola" no Parlamento Europeu. O levantamento da imunidade de Carles Puigdemont e de dois …

Plano de desconfinamento a circular nas redes sociais é falso. Governo faz denúncia ao Ministério Público

Esta quinta-feira, começou a circular nas redes sociais um alegado plano de desconfinamento que teria início já no mês de março. O Governo já veio avisar que o documento é falso e vai fazer uma …

Carlos Carreiras diz que "Passos Coelho não é passado, é presente"

O presidente da Câmara de Cascais voltou a criticar a liderança do líder do PSD e, em sentido contrário, deixou rasgados elogios ao seu antecessor. Numa entrevista ao jornal Público e à rádio Renascença, Carlos Carreiras …

PSP diz que jovem que se gabou de violação no Instagram pode ter "fantasiado"

A Polícia de Segurança Pública (PSP) de Viseu afirma que "tudo leva a crer" que o jovem que assumiu, em direto no Instagram, ter violado uma rapariga estivesse a fantasiar. A PSP de Viseu identificou o …

Termina hoje o prazo para validar faturas para apresentar no IRS

Os contribuintes têm até esta quinta-feira para validar e verificar as faturas de 2020 no Portal e-fatura e que vão servir de base no cálculo das deduções no IRS. Há já vários anos que as deduções …

“Foi torturada”. Princesa Latifa escreve carta à polícia a pedir que investigue desaparecimento da irmã

Latifa escreveu à polícia britânica em 2019. O caso da sua irmã Shamsa, raptada em Inglaterra há mais de vinte anos, tem muitas semelhanças com o drama agora vivido pela princesa. A princesa Latifa, filha do …

Pelo menos oito mortos após golpe de Estado em Myanmar. ONG pedem embargo ao fornecimento de armas

Pelo menos oito pessoas morreram em Myanmar, como resultado da violência desencadeada após o golpe de Estado realizado pelos militares a 1 de fevereiro, segundo a Associação de Assistência aos Prisioneiros Políticos (AAPP). Até agora, o …

24 mil milhões até 2025 e 100% renovável até 2030. Eis o novo plano estratégico da EDP

A EDP apresenta esta quinta-feira o seu novo plano estratégico, comprometendo-se a investir 24 mil milhões de euros até 2025 na transição energética e anunciando o objetivo de até 2030 se tornar 100% verde. Na nota …

Manchester United e Liverpool querem Raphinha, ex-Sporting

Raphinha, antigo jogador do Sporting CP e do Vitória SC, está a ser sondado pelo Manchester United e pelo Liverpool. O brasileiro tem estado em destaque na Premier League, ao serviço do Leeds. Manchester United e …

50 deputados e menos de 100 pessoas na sala. Posse de Marcelo segue modelo do 25 de Abril

Marcelo Rebelo de Sousa vai tomar posse como Presidente da República, no parlamento, no dia 9 de março, numa cerimónia em que apenas estarão presentes 50 dos 230 deputados e menos de 100 pessoas no …