Faltam vacinas para “chegar a todos ao mesmo tempo”. INEM atirou doses esquecidas para o lixo

José Sena Goulão / Lusa

O secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales

A task force que coordena o Plano Nacional de Vacinação contra a covid-19 viu-se forçada a definir reajustes dada a escassez de vacinas no mercado. Enquanto isso, o INEM (Instituto Nacional de Emergência Médica) viu-se obrigado a deitar para o lixo várias doses que ficaram esquecidas no frigorífico.

O INEM está a ser investigado pela Inspecção-Geral das Actividades em Saúde no âmbito da polémica com a administração indevida de vacinas. Em causa está o facto de o marido de uma médica do INEM, um antigo colaborador do Instituto no Algarve, ter sido vacinado indevidamente após o pedido feito à responsável pela Delegação Regional do Sul daquela entidade, Teresa Brandão.

Foi no âmbito desta investigação que foi revelado o desperdício de vacinas que dariam para inocular 24 pessoas, conforme avança o Correio da Manhã (CM).

A situação terá sido denunciada pelo responsável da Unidade Pré-hospitalar dos Serviços Farmacêuticos do INEM, Nuno Ferreira, durante os interrogatórios sobre a vacinação indevida, como reporta o CM.

O jornal nota que as doses desperdiçadas seriam destinadas à segunda toma dos funcionários do INEM, mas acabaram por sobrar e ficaram guardadas num frigorífico, sendo esquecidas.

Depois de terem sido descongeladas a 25 de Janeiro passado, as vacinas deveriam ter sido usadas até ao dia 30 de Janeiro, para se manterem eficazes, aponta o mesmo diário, notando que “de acordo com as farmacêuticas, a vacina, depois de descongelada, só pode estar cinco dias em frigorífico”.

Em caso de sobras, deveria ter sido contactado o Plano Nacional de Vacinação e a Administração Regional de Saúde do Sul, mas Teresa Brandão “não terá feito qualquer contacto com este propósito”, afiança o CM.

6,3% da população já foi vacinada, 2,3% com duas doses

A task force do Governo que coordena o Plano Nacional de Vacinação viu-se forçada a reajustar as prioridades devido à escassez de vacinas no mercado. As farmacêuticas estão com dificuldades em responder a tanta procura.

“É preciso perceber que este processo de vacinação não pode acorrer a todos ao mesmo tempo e que ocorre em linhagens paralelas, em que ao mesmo tempo que vacinamos pessoas com mais de 80 anos e de 50 anos com comorbilidades e serviços essenciais, ainda continuamos a vacinar profissionais de saúde”, salienta o secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales.

A grande prioridade “é defender as faixas mais vulneráveis, que são as mais idosas e a partir dos 50 anos com comorbilidades”, destaca o governante, salientando que “isso não significa que serviços essenciais [forças de segurança e bombeiros] não sejam também vacinados e muitos já o foram nesta fase”.

Lacerda Sales nota que 6,3% da população portuguesa já foi vacinada, 2,3% da qual já com as duas doses.

Estava previsto que até Março próximo chegassem a Portugal 4,4 milhões de doses de vacinas, mas só está garantida a chegada de 2,2 milhões.

Lacerda Sales acredita que no final do primeiro semestre será possível vacinar 3,6 milhões de pessoas.

O governante considera que a vacinação em Portugal está “em alinhamento com a maioria dos países europeus”.

De acordo com o Expresso, Portugal ocupa a 20.ª posição no grupo dos países com mais de 100 mil habitantes que já administraram mais vacinas. E somos o 13.º da lista considerando a administração das duas doses, ainda segundo o mesmo semanário.

Susana Valente, ZAP //

PARTILHAR

25 COMENTÁRIOS

  1. Caríssimos, sexto parágrafo:
    “de acordo com as farmacêuticas, a imunidade, depois de descongelada, só pode estar cinco dias em frigorífico”
    a imunidade? descongelada? não será outra coisa qualquer?

  2. Quantas doses é que são administradas indevidamente ou deitadas fora sem nos sabermos…so agora abriu a caça às bruxas. Devia ter sido logo desde o início. Num país corrupto como Portugal, isto era o esperado… Vergonha

    • Meu caro, ao contrário da sua lojeca, nos organismos públicos há registo do que entra e do que sai e neste cas de quem foi inoculado. As únicas doses fantasmas que poderão existir são as 6as doses extras que podem ser extraídas da maior parte dos frascos da Pfizer. Não compare o país com a sua loja.

      • Devia ler antes de responder. Quem está a falar do controlo das pessoas que levaram a vacina? Falei em pessoas que foram vacinadas indevidamente. Em relação ao segundo assunto, a notícia está aqui. Foram deitadas fora doses. E esse erro foi admitido.
        Se quer argumentar. Pelo menos que seja coerente. É argumente em relação aos factos que estão a ser falados. Se não tem capacidade para tal. Seja apenas um mero espectador.

        • Apenas demonstra que não sabe do que fala. Os que foram vacinados indevidamente também foram registados. Por duas razões que resultam do interesse dos próprios:
          1. é necessária uma segunda dose, que só está garantida se estiverem registados;
          2. eventualmente criação de um “passaporte” para vacinados para a utilização de determinados serviços, a que só acederão se a inoculação tiver sido registada.
          Limite-se a comentar sobre o que sabe e não a especular sobre o que não sabe.

          • Foram factos o que disse.
            Nunca disse que não foram registados. Mas sim, indevidamente vacinados. Mas pronto, quer ter razão a força.
            Viu-se que demorou um pouco a tentar responder. Mas mesmo assim espalhou-se completamente.
            A parte final sem dúvida é a cereja em cima do Bolo.
            Se não tem ginástica mental suficiente para falar. Não tente. Leia apenas. Bom fim de semana.

          • Realmente não está a ser coerente o sr. Paulo. Talvez esteja demasiado nervoso. Será que foi dos que recebeu a vacina indevidamente?

  3. Num país onde a corrupção impera, são punidos inocentes e absolvidos criminosos (não cumprem penas a que foram condenados) tudo é possível até “nascerem cogumelos no mar”…

  4. Uma pouca vergonha com as vacinas! Tanta gente a precisar delas com urgência e um bando de badamecos a atirá-las para o lixo! Isto é a prova provada de que este país anda à balda sem rei nem roque!

  5. E agora quem foi o responsável? Todos sabemos que a incompetência impera em muitos serviços públicos devido ao facto de os empregos serem ganhos não pela competência mas sim pelo factor C. No que diz aos cargos de direção então aí é o cartão do partido ou a influência política. Depois da nisto…

  6. As instituições do estado são cada vez mais inúteis, pagasse tanto de ivas e outros impostos mais que espanha, e no entanto as intituições cá são uma palhaçada, vesse logo para os bolsos de quem está a ir o dinheiro. Assim como o fascismo é proibido em portugal também o devia ser o comunismo e marxismo.

  7. Se escapar aos «controladores» Importa divulgar que foi (e continuará a ser por algum tempo) escondida a existência de medicamentos eficazes no tratamento da Covid19, muito baratos, que foram usados para tratar as epidemias da gripe quando as vacinas se tornavam ineficazes. Há médicos em diversoa países do mundo que os têm receitado com sucesso Portugal, México e Polónia) e o governo polaco (em contra-corrente com a corrupção europeia) está a fazer testes para comprovaar a eficácia da sua eficácia. As pessoas a morrerem, outros a ficarem desgraçados e que desgoverna o país a ser cúmplice das negociatas e a encenar «teatros».

RESPONDER

150 anos antes da viagem histórica de Colombo, um frade italiano escrevia sobre a America

Por volta do ano 1340, Galvano Fiamma registou, na sua Cronica universalis, a existência de terras a oeste da Gronelândia habitadas "por gigantes". Trata-se da primeira menção documentada do continente americano no Mediterrâneo, cerca de …

Os antigos compadres zangaram-se de vez. Trump puxa os cordelinhos nos bastidores para correr com McConnell

A relação de altos e baixos entre os dois azedou de vez depois de McConnell ter reconhecido a vitória de Joe Biden. Trump quer agora que um Republicano concorra contra McConnell pelo cargo da liderança …

Bombeiros embrulharam a maior árvore do mundo em papel de alumínio. Tudo para a proteger

O incêndio consumiu milhares de acres na Califórnia e o National Park Service viu-se obrigado a intensificar os seus esforços para proteger as jóias naturais, incluindo as maiores árvores do mundo. Os incêndios Colony e Paradise …

EUA trocaram "guerra implacável" por "diplomacia implacável" no Afeganistão, diz Biden

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, disse esta terça-feira à Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU) que o país se está a concentrar na "diplomacia implacável" e no encerramento de uma era de …

Presidente de El Salvador autodenomina-se "Ditador de El Salvador"

O Presidente de El Salvador, Nayib Bukele, alterou no domingo a descrição do seu perfil no Twitter para "Ditador de El Salvador", passando depois para "Ditador mais 'cool' do mundo mundial", situação registada após os …

Ordem dos Médicos abre processo disciplinar contra Fernando Nobre

O Conselho Disciplinar Regional do Sul da Ordem dos Médicos abriu um processo contra Fernando Nobre, por causa das suas declarações numa manifestação de negacionistas em frente à Assembleia da República. A Ordem dos Médicos (OM) …

Crise da energia obriga UE a enfrentar dependência do gás natural

Os países europeus estão a tentar proteger os consumidores de energia, numa região onde, desde o início do ano, os preços do gás aumentaram 250%, resultado de uma série de forças económicas, naturais e políticas.  Na …

Companhia de aviação privada oferece voo de 20 mil dólares para reunir uma família separada pela pandemia

A empresa de aviação privada Tradewind Aviation está a comemorar o seu 20.º aniversário de uma forma original: vai dar um voo no valor de 20 mil dólares (cerca de 17 mil euros) para reunir …

Mais de 60 pinguins morrem na África do Sul após ataque de abelhas

Dezenas de pinguins-africanos ameaçados de extinção foram mortos por um enxame de abelhas na África do Sul, na passada sexta-feira. Segundo a CNN, 63 pinguins-africanos, uma espécie ameaçada de extinção, foram encontrados mortos na sexta-feira numa …

Macron e Modi manifestam vontade de "agir em conjunto" após disputa submarina

O Presidente Emmanuel Macron discutiu a cooperação na região Indo-Pacífico com o primeiro-ministro indiano Narendra Modi, esta terça-feira. O Presidente francês, Emmanuel Macron, e o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, conversaram esta terça-feira, em plena crise dos …