Ordem investiga acesso de falsos médicos a processos clínicos de doentes

A Ordem dos Médicos vai averiguar a alegada criação de falsos perfis médicos no Centro Hospitalar Barreiro Montijo que permite que profissionais não médicos acedam a processos clínicos.

A denúncia partiu do Sindicato dos Médicos da Zona Sul, que pediu à Ordem para instaurar um processo de inquérito à criação de “falsos perfis médicos” para acesso ao sistema informático clínico no Centro Hospitalar do Barreiro, segundo uma carta a que a agência Lusa teve acesso.

Na carta enviada ao bastonário dos Médicos é pedido à Ordem que instaure um processo de inquérito, bem como a “subsequente efetivação da respetiva responsabilidade disciplinar”.

O bastonário Miguel Guimarães confirmou à agência Lusa ter recebido o pedido do Sindicato e prometeu atuar, começando por realizar uma visita ao Centro Hospitalar do Barreiro Montijo para averiguar a situação, visita que está marcada para dia 3 de julho.

O representante dos médicos lembra que se trata de matéria “de enorme importância”, podendo estar em causa a segurança dos dados clínicos e dos dados pessoais dos doentes e também dos médicos.

Em declarações à agência Lusa, Miguel Guimarães salienta que a Ordem dos Médicos não tem atribuídas competências inspetivas, mas, caso detete matéria de facto, fará uma denúncia ao Ministério Público, à Inspeção-geral das Atividades em Saúde e à Comissão Nacional de Proteção de Dados.

“A denúncia do Sindicato parece-nos forte e baseada em dados objetivos”, indicou, adiantando que pretende ouvir o diretor clínico do Centro Hospitalar Barreiro Montijo, bem como os médicos do hospital.

O problema da confidencialidade dos dados clínicos dos doentes tratados no Hospital Barreiro-Montijo tinha sido já levantado em abril. Na altura, a administração do Centro Hospitalar garantiu que cumpria as regras de acesso ao sistema que contém os dados dos doentes e advertia que cabe a cada profissional de saúde não fornecer os seus dados a terceiros.

Segundo o Sindicato dos Médicos da Zona Sul, no Centro Hospitalar Barreiro Montijo foram criados “falsos perfis médicos” para acesso ao sistema informático clínico, que serão usados por assistentes sociais da instituição que, assim, “passaram a ter acesso ao processo clínico dos doentes e a registar aí as suas observações”.

Na carta enviada à Ordem, à qual a Lusa teve acesso, o Sindicato lembra a “ilicitude do procedimento informático”, considerada grave porque “ofende os princípios e normas legais que protegem a confidencialidade da informação”, põe em causa o segredo médico e viola o direito dos doentes à segurança dos seus dados clínicos.

Além disso, a alegada existência de perfis médicos falsos faz com que os profissionais que assim acedam ao sistema informático assumam um estatuto e profissão que não detêm, acrescenta o Sindicato dos Médicos da Zona Sul.

É necessária “urgente e rigorosa investigação” ao caso, apela a estrutura sindical, para quem parece impossível que a situação ocorra à revelia da administração do Centro Hospitalar e do diretor clínico.

Atendendo às competências deontológicas da Ordem dos Médicos, o Sindicato pede uma intervenção e a instauração de um processo de inquérito.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Fernando Pimenta é campeão do mundo em K1 1.000 (e aponta a "mais medalhas" do que os golos de Ronaldo)

O canoísta Fernando Pimenta sagrou-se campeão mundial de K1 1.000 metros, ao bater o húngaro Balint Kopasz na final, nos Mundiais de Copenhaga, aumentando para dois os pódios de Portugal na Dinamarca. Na pista quatro, Pimenta …

MNE garante que todos os afegãos que trabalharam com o Exército português foram retirados do país

O ministro dos Negócios Estrangeiros garantiu esta sexta-feira que o Governo apoiou a retirada de todos os afegãos que trabalharam com as forças portuguesas no Afeganistão, reconhecendo ser "provável" alguns não terem respondido aos contactos. "Nós …

"Não quero ser arrogante: o melhor médio da Premier League sou eu"

Yves Bissouma joga no Brighton e tem despertado o interesse de clubes ingleses de outro nível. Cresceu no Mali ao serviço do Majestic SC, passou pelo AS Real Bamako antes de rumar à Europa. Começou por …

Tratamento inovador para cancro pesa nos orçamentos do IPO de Porto e Lisboa

Os custos associados ao tratamento de cancros do sangue com células CAR-T estão a ser suportados apenas pelos hospitais autorizados a aplicá-la, no caso, os IPO do Porto e de Lisboa. De acordo com o Jornal …

Gravuras descobertas no Tibete são as mais antigas da arte pré-histórica. Foram feitas por crianças

Uma equipa encontrou antigas pegadas e marcas de mãos feitas por crianças no planalto tibetano. Esta descoberta traz novos detalhes sobre a presença humana no local. O estudo, publicado na revista Science Direct, revela que estes …

Comissão nos EUA desaconselha terceira dose da Pfizer a maiores de 16 anos

Uma comissão consultiva da agência reguladora dos EUA para os medicamentos e a alimentação (FDA, na sigla em inglês) pronunciou-se esta sexta-feira contra a aplicação de uma terceira dose da vacina Pfizer contra a covid-19 …

Santos Silva quer preços da eletricidade na agenda da UE

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, defendeu esta sexta-feira que a União Europeia (UE) tem de colocar em agenda o problema do aumento dos preços da eletricidade no continente, alertando que a reação …

Já há uma calculadora que prevê o risco de se ser infetado com covid-19 (em diversos cenários)

Já existe uma ferramenta online que calcula o risco de se ser infetado com covid-19. Chama-se microCOVID, baseia-se em dados recentes, analisa diferentes cenários e foi desenvolvida por um grupo de amigos. Numa altura em que …

Alargamento de teletrabalho não deve abranger empresas de menor dimensão

O Governo defendeu esta sexta-feira, na Concertação Social, que "as empresas de menor dimensão" devem ficar excluídas da medida que prevê o alargamento do teletrabalho a pais com filhos menores de oito anos, sempre que …

Costa acusa oposição de “absoluta impreparação” por não saber o que é o PRR

O secretário-geral do PS, António Costa, acusou esta sexta-feira a oposição de “absoluta impreparação” por não saber o que é o PRR, nem a “missão patriótica” que consiste em pô-lo “em marcha para o bem …