Espanha pede desculpa a crianças e deixa-as sair à rua durante uma hora por dia

A partir do próximo domingo, os menores de 14 anos vão poder sair durante uma hora para brincar e fazer pequenos passeios com os pais, mas têm de ficar a um quilómetro de casa.

Espanha decidiu suavizar as medidas em vigor de confinamento social para as crianças até 14 anos de idade que, a partir de domingo, poderão sair de casa durante uma hora por dia, acompanhadas por um adulto.

Segundo explicou numa videoconferência de imprensa o vice-presidente para Direitos Sociais e Agenda 2030 do executivo espanhol, Pablo Iglesias, os menores poderão afastar-se até, no máximo, um quilómetro da sua habitação, podendo levar os seus próprios brinquedos, mas não poderão ir a um parque infantil.

As crianças podem permanecer fora de casa durante uma hora no período entre 09:00 e as 21:00, mas Pablo Iglesias pediu para que evitem sair durante as horas de ponta, quando há mais pessoas nas ruas.

Um adulto poderá sair com até três crianças que vivam com ele, debaixo do mesmo teto, que terá de assegurar o respeito das medidas de distanciamento social em todos os momentos, explicou o responsável governamental, que assegurou que, mesmo assim, os menores poderão saltar, correr e fazer exercícios.

Pablo Iglesias também se dirigiu diretamente aos menores para lhes pedir desculpa porque o Governo “não foi completamente claro” ao explicar nos últimos dias como é que eles poderiam sair do confinamento a partir de domingo.

O Governo espanhol acabou por retificar a medida que tinha anunciado na terça-feira de manhã, que apenas permitia que os menores saíssem para acompanhar um adulto ao supermercado, à farmácia ou ao banco, e que provou uma onda de críticas por parte dos partidos políticos, dos presidentes regionais e mesmo um pedido de retificação do Unidas Podemos, o parceiro de extrema-esquerda no Governo liderado pelo PSOE (socialistas).

Espanha é um dos países mais atingidos pela pandemia de covid-19 tendo em vigor medidas muito rígidas de confinamento social. Madrid apenas permite a saída para ir ao local de trabalho, para aqueles que o não possam fazer a partir de casa, ou para adquirir ou consumir bens considerados essenciais.

O parlamento espanhol aprovou na quarta-feira o prolongamento por mais duas semanas, até 9 de maio, do estado de emergência em vigor desde 15 de março no país, com o objetivo de lutar contra o novo coronavírus.

O primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, indicou no debate parlamentar que antecedeu a votação que o levantamento “lento e gradual” das medidas adotadas para combater o coronavírus só deverá ser iniciado a partir da segunda quinzena de maio, esperando que até lá se evitem os passos em falso.

Espanha registou, esta quinta-feira, mais 440 mortes devido ao novo coronavírus, um aumento de cinco em relação a quarta-feira, havendo até agora um total de 22.157 óbitos, segundo as autoridades sanitárias do país.

Há ainda 4.635 novos casos positivos, levando o total de infetados para 213.024.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Reino Unido promete passaporte britânico a millhões de residentes em Hong Kong

O primeiro-ministro do Reino Unido propôs na terça-feira atribuir a milhões de habitantes em Hong Kong o passaporte britânico, com possibilidade de aceder à cidadania, se a China não reconsiderar a lei da segurança imposta …

Nakajima recusa-se a treinar com a equipa portista

O avançado japonês recusa-se a treinar com o restante plantel portista, tendo invocado os problemas de saúde da mulher, e está naturalmente de fora do jogo desta quarta-feira com o Famalicão. Esta terça-feira, na conferência de …

Tribunais retomam atividade. Juízes recusam fazer julgamentos em salas sem condições

Os tribunais retomam hoje a realização de diligências presenciais, mas dirigentes do setor anteveem que o regresso à atividade normal será assimétrico e progressivo, sendo em alguns casos difícil assegurar totalmente as medidas de segurança …

Espanha sem mortes pelo segundo dia consecutivo. Há 41 mil profissionais de saúde infetados

Espanha registou esta terça-feira o segundo dia consecutivo sem mortes associadas à covid-19, mantendo-se o total 27.127 de óbitos desde o início da pandemia, anunciaram as autoridades de saúde. O ministério da Saúde de Espanha informou …

Petição pela "anulação imediata" do Avante já conta com mais de 16 mil assinaturas

Uma petição online para a "anulação imediata" da Festa do Avante!, a festa anual organizada pelo PCP, conta já com mais de 16 mil assinaturas. Às 10:30 desta quarta-feira, a petição, disponível no portal Petição Pública, …

Venda de Wendel ao Everton sofre revés. Nápoles e Nice entram em jogo

A licença de trabalho pode deitar por terra uma eventual transferência de Wendel para o Everton. O Nápoles é o favorito na corrida à sua contratação, mas o Nice também está atento. As negociações entre o …

Celebrações do 10 de junho só terão oito pessoas. “É como achei que devia ser o 25 de abril e o 1º de maio”

A “cerimónia simbólica” comemorativa do Dia de Portugal que se realizará no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa, terá apenas oito presenças, incluindo o chefe de Estado e o presidente desta edição do 10 de Junho, …

O futebol português está de volta. Uma corrida de dois cavalos e a montra para Amorim

A bola volta hoje a rolar em Portugal após a interrupção devido à pandemia de covid-19. Regresso o futebol que tão bem conhecemos, mas de uma forma como nunca vimos antes. Estádios desertos e jogos quase …

Cientistas identificam fóssil do inseto mais antigo do mundo

Um fóssil de um milípede descoberto em 1899 é o inseto mais antigo do mundo, concluiu um novo estudo. O espécime em causa tem 425 milhões de anos. Uma equipa de investigadores da Universidade do Texas …

Jorge Jesus renova com o Flamengo por mais uma época

O treinador português anunciou, esta quarta-feira, que vai ficar mais uma época nos brasileiros do Flamengo, até junho de 2021. "Digam à nação que fico!". É esta a frase que acompanha a fotografia publicada, esta quarta-feira, …