Escolas proibidas de divulgar dados pessoais e fotos dos alunos na Internet

As escolas que tenham informação pessoal sobre os alunos publicada na Internet, em locais de acesso livre a todos os utilizadores, vão ser obrigadas a retirar esses dados, depois de uma deliberação da Comissão de Protecção de Dados que pretende salvaguardar a segurança das crianças.

Divulgar informações como as pautas de classificação e os horários escolares dos alunos a todos os que usam a Internet é proibido e viola a privacidade das crianças visadas, devendo estes dados ser disponibilizados apenas em áreas reservadas aos pais e encarregados de educação.

O alerta da Comissão de Protecção de Dados (CNPD) é noticiado no Público, com base numa deliberação de Setembro que avisa que as escolas que tenham informações desse tipo na Internet vão ser obrigadas a retirá-las das áreas de acesso livre.

A CNPD lamenta, na referida deliberação, que “há uma prática generalizada de disponibilização de dados pessoais nos sítios da Internet das escolas, em incumprimento de obrigações legais e com clara afectação dos direitos, liberdades e garantias dos titulares dos dados, em particular dos alunos”.

Em causa está, nomeadamente, a divulgação da lista dos alunos matriculados nas escolas e das notas, procedimento este que leva à “produção de juízos estigmatizantes com elevado potencial discriminatório“, salienta a CNPD na deliberação nº 1495/2016, de 6 de Setembro de 2016.

A Comissão menciona ainda que a publicação dos horários lectivos ou de outros dados sobre os estudantes é uma forma de disponibilizar a criminosos acesso a informação pessoal e de, assim, se estar a “criar perigo para uma criança”.

Além disso, a disponibilização de dados como “a  existência de  apoio  social  escolar,  o  tipo  e  número  de  faltas  dadas  por disciplina, informação  de  saúde  associada  à  justificação  de  faltas, a  situação  de deficiência, entre outros”, constitui “uma violação grosseira dos direitos fundamentais” da criança “por não  ser  adequada  nem  necessária  a  publicitação  de  informação  pessoal desta natureza”, quer numa área de acesso livre, quer a todos os encarregados de educação num âmbito do acesso reservado, diz a CNPD.

Escolas devem abster-se de publicar fotos

No âmbito das fotografias dos alunos em actividades escolares, a Comissão realça que as escolas têm “um dever de abstenção” de as publicarem na Internet, “ainda que para o efeito exista consentimento dos pais ou encarregados de educação”.

Citando o acórdão do Tribunal da Relação de Évora que, no ano passado, proibiu os pais de uma menor de publicar fotos suas nas redes sociais, a CNPD lembra que “não é possível controlar a forma como cada um dos utilizadores pode vir a fazer uso das imagens, inclusivamente manipulando-as ou reproduzindo-as” em sites como o Facebook.

Assim, as escolas devem reduzir a publicação de imagens dos alunos “ao mínimo dispensável” e desde que não haja identificação dos alunos e que exista autorização dos pais, sustenta a CNPD.

Estas orientações aplicam-se desde o ensino pré-escolar até ao secundário e tanto ao público como ao privado e visam “o interesse superior da criança”, nota a Comissão, sublinhando que esta merece “protecção acrescida devido à sua vulnerabilidade”.

SV, ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Nas escolas não deviam colocar o nomes nas pautas de notas dos alunos. Há pais e encarregados de educação que fotografam as pautas e as publicam nas redes sociais. Penso que a Lei não deve permitir que isto aconteça.

RESPONDER

Estudo estima 471 mortes em Portugal até agosto (e que o pico foi atingido a 3 de abril)

De acordo com as estimativas do estudo, cerca de 151.680 pessoas vão morrer na Europa durante a "primeira vaga" da doença. Um estudo divulgado esta terça-feira nos Estados Unidos estima que a covid-19 venha a provocar …

Mais de metade da população mundial está fechada em casa

Mais de metade da população mundial (52%) está atualmente confinada nas suas casas por ordem das autoridades para combater a propagação da doença covid-19. Segundo um balanço feito pela agência France Fresse (AFP), mais de quatro …

Documentário da Netflix reacende debate sobre os milhares de tigres em cativeiro nos Estados Unidos

A minissérie documental da Netflix "Tiger King: Morte, Caos e Loucura" veio reacender o debate sobre os grandes felinos que estão em cativeiro, frisando que há cerca de 10.000 espécimes nestas condições nos Estados Unidos. …

Luciano venceu a covid-19 aos 100 anos. Teve direito a bolo, a um desenho e a uma alta hospitalar

Luciano Marques da Silva completou 100 anos no hospital de São João, no Porto, onde se encontrava hospitalizado devido à infeção por covid-19. Depois de dez dias de internamento, conseguiu vencer e recebeu alta. No dia …

Geneinno S2, a scooter subaquática que o impulsiona entre as ondas

Há dois anos, foi anunciada a Trident, uma scooter subaquática fabricada pela startup chinesa Geneinno. Agora, a empresa lançou um modelo mais barato e portátil, conhecido como Geneinno S2. O Trident - ou Geneinno S1 - …

WhatsApp restringe opção de reencaminhar mensagens para evitar desinformação

A rede social anunciou que vai passar a restringir o reencaminhamento de mensagens para tentar diminuir a disseminação de informação falsa sobre a pandemia de covid-19. De acordo com a revista Newsweek, a partir desta terça-feira, …

"Mostre-me a sua identificação." Na Tunísia, um robô pergunta às pessoas por que não estão em casa

Nas ruas de Túnis, a capital da Tunísia, um robô não pilotado aborda as pessoas na rua e pergunta-lhes por que não estão em casa, exigindo-lhes um documento de identificação. A Tunísia está em confinamento obrigatório …

Putin não quer repetir os erros dos outros países

Vladimir Putin diz que "o pico da epidemia ainda não foi superado", mas garante que tem "em consideração as experiências positivas e negativas de outros países". O Presidente da Rússia, Vladimir Putin, alertou esta terça-feira para …

É possível fazer uma máscara de tecido em apenas alguns segundos

O cirurgião-geral norte-americano Jerome Adams disse que as máscaras faciais de pano podem ser feitas a partir de utensílios domésticos comuns. No início do mês, Jerome Adams, cirurgião-geral dos Estados Unidos, deixou um aviso ao público …

Há dois mil enfermeiros em casa em vigilância ativa (e 363 infetados)

De acordo com o comunicado da Ordem dos Enfermeiros, que sublinha a necessidade de testar estes profissionais, "já não há nenhum distrito sem enfermeiros infetados". Quase dois mil enfermeiros estão, atualmente, em casa em situação de …