Empresas alemãs sob suspeita de corrupção no caso do submarino argentino

Mauricio Arduin / EPA

Familiares dos 44 marinheiros desaparecidos com o submarino ARA San Juan exigem que as autoridades retomem as buscas

As duas empresas alemãs que forneceram as baterias do submarino desaparecido ARA San Juan estão sob suspeita terem pagado subornos para conseguir o contrato e de ter oferecido peças de qualidade inferior, segundo informações da emissora regional pública alemã “Bayerische Rundfunk”.

O Ministério do Interior alemão confirmou à emissora que recebeu um documento da comissão de Negócios Estrangeiros do parlamento argentino a solicitar informação sobre o caso, e que remeteu a petição ao ministério da Economia.

“Há suspeita de que as baterias não tinham a qualidade que deviam ter“, em parte ou de todo, declarou a presidente da comissão parlamentar, Cornelia Schmidt-Liermann“.

Também não sabemos de onde vieram as baterias, se da Alemanha ou de outro país. Por isso queremos saber quem são os técnicos estavam de serviço, e quem assinou, quem disse bom, isto já está reparado“, concluiu a parlamentar.

A parlamentar salienta que há a suspeita de que houve subornos, que “empresas alemãs estiveram envolvidas”, e que se tem dirigido ao governo alemão por escrito a pedir dados sobre o caso.

As suspeitas sugerem que houve corrupção“, destacou o ministro argentino da Defesa, Oscar Aguad, que tornou públicas as suspeitas há dias atrás na Argentina, país que continua sem notícias do paradeiro do submarino que desapareceu a 15 de novembro, no Atlântico Sul, com 44 tripulantes a bordo.

Aguad recorda que houve uma denúncia sobre suposta corrupção perante os tribunais que foi “varrida para debaixo do tapete” e não investigada, e aponta que há também testemunhos que indicam que foram usados materiais sem a qualidade requerida.

As empresas alemãs sob suspeita são a Ferrostaal e a EnerSys-Hawker e, segundo emissora, não se documentou suficientemente os trabalhos que realizaram quando o submarino, de fabricação alemã e incorporado à Marinha argentina em 1985, foi submetido a um processo de reparação no qual, entre outros trabalhos, foram trocadas as baterias.

O “ARA San Juan” reportou a sua posição pela última vez na manhã de 15 de novembro, na área do Golfo de San Jorge, a 432 quilómetros da costa argentina.

Horas antes, o comandante tinha comunicado que uma infiltração tinha lançado água sobre as baterias, o que provocou um curto-circuito e princípio de incêndio, problema que deu por reparado, tendo continuado rumo à base, em Mar de la Plata.

Segundo a emissora alemã, a Ferrostaal e a EnerSys-Hawker assinaram um contrato no valor de 5,1 milhões de euros para o fornecimento de 964 baterias, no âmbito do qual terão presumivelmente pagado os subornos.

A Ferrostaal respondeu à emissora rejeitando qualquer responsabilidade, explicando que se limitou a intermediar o contrato e cobrar uma comissão por isso. A EnerSys-Hawker, fornecedora das baterias, não respondeu às perguntas.

// EFE

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Claro!
    Já se sabe que por onde andou a Ferrostaal há corrupção!…
    E quando à corrupção “à grande”, há sempre empresas alemãs!…

RESPONDER

"Grande erro" da Europa é não usar máscaras, considera especialista chinês

George Gao, diretor dos Centros de Controlo e Proteção de Doenças da China (CDC), considera que o "grande erro" da Europa no combate à pandemia de covid-19 é o facto de as pessoas não usarem …

Obama critica de Trump. "Cada um de nós deve exigir mais dos nossos líderes"

O ex-Presidente norte-americano, Barack Obama, considerou esta terça-feira que o seu sucessor, Donald Trump, ignorou os avisos sobre os riscos de uma pandemia do novo coronavírus, e recordou o mesmo comportamento quanto às alterações climáticas, …

Covid-19. Hotel cinco estrelas na Austrália vai acolher sem-abrigo

A Austrália vai levar a cabo um projeto piloto que visa retirar das ruas alguns sem-abrigo e transferi-los para hotéis de luxo, protegendo-os assim do novo coronavírus oriundo da China (Covid-19).  O projeto, Hotels With Heart, …

Red Bull equacionou infeção voluntária dos seus pilotos

Um responsável da Red Bull admitiu que propôs aos pilotos da marca austríaca, que participa no Mundial de Fórmula 1, uma estratégia de infeção voluntária de covid-19, visando ficarem imunes no início da temporada. Helmut Marko …

TAP avança com lay-off para 90% dos trabalhadores (e reduz atividade para cinco voos semanais)

Numa mensagem enviada aos seus funcionários, a TAP revelou que vai mesmo avançar com um processo de 'lay-off' para 90% dos trabalhadores e com a redução do período normal de trabalho em 20% para os …

Estado vai devolver 3 mil milhões em reembolsos do IRS

O Estado vai devolver 3 mil milhões de euros aos contribuintes em reembolsos do IRS, cuja entrega arranca esta quarta-feira e se estende até 30 de junho. A informação foi avançada pelo ministro de Estado, …

Há quatro infetados no sistema prisional. Estão todos em isolamento domiciliário

O Ministério da Justiça revelou esta terça-feira que aumentou para quatro o número de infetados com covid-19 no sistema prisional e que estão todos em isolamento domiciliário segundo indicação da saúde pública. Em comunicado, o Ministério …

Sousa Cintra diz que Rafael Leão "não ficou no Sporting porque foi apertado"

Sousa Cintra, ex-líder da SAD do Sporting no tempo da Comissão de Gestão, lamenta a rescisão do jogador Rafael Leão, considerando que "ele não continuou porque foi apertado". O jovem jogador foi, recentemente, condenado a …

Portugal tem há cinco dias os mesmos 43 recuperados. DGS e especialistas explicam porquê

Portugal regista, desde o passado dia 27 de abril, os mesmos 43 recuperados da Covid-19, segundo os boletins epidemiológicos diários da Direção-Geral da Saúde. Questionado pela agência Lusa sobre a estagnação no número de altas hospitalares …

Morreu o coronel Andrade de Moura, um dos capitães de Abril

A Câmara Municipal de Estremoz, no distrito de Évora, prestou esta terça-feira homenagem ao coronel Andrade de Moura, um dos capitães de Abril de 1974, que morreu no passado dia 23 de março aos 86 …